conecte-se conosco


Internacional

Zelensky afirma que negociações com Rússia podem acabar: ‘muito lenta’

Publicado

source
Zelensky declara que as negociações estão lentas com a Rússia
Reprodução/Facebook

Zelensky declara que as negociações estão lentas com a Rússia

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky , disse nesta sexta-feira (29) que o risco de encerrar as negociações com o  governo russo para interromper a invasão no território ucraniano está cada vez mais “alto”.

“Os riscos de fechar completamente qualquer diálogo com os russos são muito altos”, disse o líder ucraniano à imprensa polonesa, segundo relatos do Ukrainska Pravda. De acordo com Zelensky, o processo de negociação com representantes de Moscou é “muito lento”.

Nesta semana, o presidente da Ucrânia já havia dito que se os ucranianos na cidade sitiada de Mariupol forem mortos pelas forças russas, e se a Rússia organizar “referendos” em territórios ocupados, seu governo interromperá as negociações com a administração russa.

No entanto, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Serghei Lavrov, garantiu que Moscou manterá o diálogo de paz com os ucranianos, mas lembrou que a “a boa vontade tem seus limites” e acusou Kiev de “aparentar” disposição para conversar.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


Fonte: link

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Internacional

Países da Otan assinam protocolos de adesão de Finlândia e Suécia

Publicado

Jens Stoltenberg com os ministros Pekka Haavisto, da Finlândia, e Ann Linde, da Suécia
Reprodução/Twitter @jensstoltenberg – 05.07.2022

Jens Stoltenberg com os ministros Pekka Haavisto, da Finlândia, e Ann Linde, da Suécia

Os países-membros da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) assinaram nesta terça-feira (5) os protocolos de adesão de Finlândia e Suécia, etapa que dá início ao processo de ratificação pelos parlamentos dos 30 integrantes da aliança militar.

“Esse é um dia histórico para a Otan, para a Suécia e para a Finlândia. Juntos seremos mais fortes, e nossas populações, mais seguras”, disse o secretário-geral da organização, Jens Stoltenberg, em pronunciamento em Bruxelas.

“Confio agora em um processo rápido de ratificação”, acrescentou o norueguês.

Os líderes dos países-membros formalizaram o convite a Helsinque e Estocolmo no último dia 29 de junho, após a Turquia ter retirado suas objeções ao ingresso das duas nações escandinavas, a quem acusava de dar abrigo a separatistas curdos.

Ancara diz que vai enviar pedidos de extradição referentes a 33 membros do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) e do grupo acusado de envolvimento com o golpe fracassado de 2016, sendo que 21 estão na Suécia, e 12, na Finlândia.

No entanto, a ministra sueca das Relações Exteriores, Ann Linde, disse nesta terça-feira que não existe “uma lista específica” de pessoas a serem extraditadas para a Turquia.

“As autoridades responsáveis pela extradição recebem os pedidos e os avaliam segundo os procedimentos, e depois a Suprema Corte toma a decisão. Não há outras vias legais, respeitaremos a lei sueca e o direito internacional”, garantiu.

Segundo Linde, o memorando assinado por Finlândia, Suécia e Turquia na semana passada aumentará a “cooperação” entre os países na luta contra o terrorismo.

Helsinque e Estocolmo mantinham uma histórica política de neutralidade militar entre o Ocidente e a Rússia, porém abandonaram essa estratégia depois da invasão à Ucrânia.

A guerra movida pelo regime de Vladimir Putin levantou temores de ataques contra outros países europeus que hoje não fazem parte da Otan, como é o caso da própria Ucrânia.

Moscou, por sua vez, já disse que o ingresso das nações escandinavas na aliança não representa por si só uma ameaça, mas deixou claro que sua reação vai depender da presença militar da organização, especialmente na Finlândia, que compartilha 1,3 mil quilômetros de fronteira com a Rússia.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Internacional

Tiroteio em Illinois: polícia prende suspeito de realizar ataque

Publicado

Robert E. Crimo tem 22 anos
Reprodução

Robert E. Crimo tem 22 anos


Robert E. Crimo III, que era buscado em conexão com o ataque a um desfile em Illinois, nos EUA, nesta segunda-feira (4) , foi detido, anunciaram aos autoridades em uma coletiva às 20h (21h em Brasília), segundo a rede americana CNN.

Quando questionadas, as autoridades disseram que ainda descrevem Crimo como uma “pessoa de interesse” no caso enquanto conduzem a investigação e tentam conectá-lo à cena do crime.

De acordo com Polícia de Highland Park, Crimo foi visto em seu carro por uma unidade policial do Norte de Chicago. Crimo fugiu quando a polícia tentou abordá-lo, levando a uma breve perseguição. O rapaz de 22 anos foi levado para o Departamento de Polícia de Highland Park.

O ataque

Um ataque a tiros deixou seis mortos e mais de 20 feridos e fez com que centenas de pessoas fugissem do Desfile do Dia da Independência, em Illinois, nos EUA, na manhã desta segunda-feira (04).


O incidente aconteceu cerca de 10 minutos após o início da cerimônia no centro da cidade de Highland Park, por volta das 10h (horário local).

Reação de Biden

O presidente norte-americano, Joe Biden, disse estar chocado com o ataque e prometeu dar “o total apoio do governo federal” aos investigadores.

“A violência armada sem sentido mais uma vez trouxe sofrimento a uma comunidade americana neste Dia da Independência”, disse, lembrando que assinou recentemente uma lei de segurança de armas.

“Há muito mais trabalho a fazer e não vou desistir de lutar contra a epidemia de violência armada”, finalizou.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Fonte: IG Mundo

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana