conecte-se conosco


Mato Grosso

Voluntários que visitarão hospitais de Cuiabá recebem capacitação

Publicado

A rede de voluntários de Doutores do Riso e Doadores da Alegria, projeto da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc) que visa levar alegria aos pacientes que enfrentam algum tratamento ou procedimento médico nos hospitais de Cuiabá, participaram de uma capacitação para entender o funcionamento de um ambiente hospitalar. O curso foi realizado entre os dias 11 e 14 de novembro e reuniu 80 interessados. O projeto, a princípio, será realizado nos hospitais Estadual Santa Casa e Júlio Muller, em Cuiabá, mas a intenção é que seja ampliado para outras unidades do Estado. 

“A iniciativa pode contribuir para o desenvolvimento dos pacientes durante os tratamentos. Já está cientificamente comprovado que este trabalho de palhaços em hospitais traz benefícios aos pacientes”, explicou o responsável pelo projeto, André D´Lucca. “A primeira-dama me convidou para fazer o trabalho junto a secretária Rosamaria Carvalho, na Setasc.  A intenção é ajudar as pessoas a voltarem a sonhar. Eu já tinha esse projeto para palhaços em hospitais e hoje estou concluindo junto ao governo de Estado”, declarou.

O casal Carlos Frederico Alves de Souza e Danila de Souza já são voluntários em ações sociais parecidas há alguns anos. Em busca do aprimoramento, participaram do curso. “Nós já mensuramos dentro dos hospitais que visitamos como é o dia dessas pessoas quando os palhaços realizam as visitas. Percebemos que, com a presença deles, as reações aos remédios tinham mais efeitos. Então buscamos fazer esse curso para aprimorarmos o nosso conhecimento e levar a alegria para todos”, comentou Danilla.

Durante os quatros dias os voluntários que passaram pelo curso receberam orientações e dicas sobre atuações no formato de palhaços, além de aprenderem com profissionais da área de saúde cuidados sobre a abordagem nos hospitais e esclarecem dúvidas.

A capacitação contou com profissionais experientes que levaram informação pertinente a area médica. A enfermeira Poliana Anelize Weisheimer, que participou da capacitação, levou para os alunos conhecimentos e orientações sobre os cuidados durante as visitas hospitalares. “A intenção foi trazer informações sobre a higienização das mãos, dos objetos que podem levar para o hospital, tipo de material aconselhado, como higienizar depois. Além de aconselhar a não entregar os objetos como brinquedos para as crianças, para evitar contaminação”, explicou.

Outra profissional que fez parte do curso foi a fisioterapeuta, Francielle Fialkoski Molina, que atua na área há nove anos. “Enquanto fisioterapeuta vejo que o curso busca a preparação dos voluntários com intuito de levar esperança e resgatar a autoestima das pessoas que estão hospitalizadas e transformar vidas”, disse. Participaram também da ação o médico nuclear William Guarnieri, que é professor e atua no Hospital Julio Muller, e a professora da UFMT e farmaceutica, Ziliani da Silva Buss.

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mato Grosso

Governo simplifica e torna digital controle da jornada de trabalho de servidores públicos

Publicado


.

O governo do Estado divulgou no Decreto n° 554/2020 novas normas que simplificam e informatizam o monitoramento do registro de frequência e o cumprimento da jornada de trabalho dos servidores públicos da administração direta e indireta. O ato normativo foi divulgado em edição extra do Diário Oficial do Estado desta terça-feira (07.07).

Conforme o documento, o Sistema Biométrico de Controle de Frequência (WEBPonto) é a ferramenta oficial de verificação de frequência dos servidores de todos os órgãos e entidades do Executivo estadual, sendo proibida a utilização de outro meio de controle de frequência, assiduidade e pontualidade.

A exceção à regra cabe à empresa estatal que já possuir um sistema informatizado e controle diverso do oficial, que deverá ser submetido à avaliação da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag).

Segundo o titular da Seplag, Basílio Bezerra, com a ampliação do uso do sistema WEBPonto para todo o Executivo estadual os principais benefícios são a melhoria na gestão e a simplificação do procedimento de registro e controle de assiduidade, que passam a ser realizados de forma totalmente digital, sem o uso e acúmulo de papel.

“O uso da tecnologia otimiza recursos, melhora o controle e reduz a burocracia na administração pública, tornando a gestão do aparato estatal mais eficiente, bem como contribui para a sustentabilidade ambiental”, comentou o gestor ao acrescentar que outros serviços da administração já estão sendo realizados de forma totalmente automatizada e que isso trará uma economia substancial aos cofres públicos.

A partir da publicação, além de registrar a frequência, todos os servidores deverão enviar pela ferramenta a justificativa de sua ausência e os documentos comprobatórios, caso sejam necessários, para a validação da chefia imediata.

A ausência justificada de até três dias consecutivos por motivo de atestado ou comparecimento à consultas, sessões, exames ou procedimentos do próprio servidor ou pessoa da família, independerá de avaliação médica pericial, conforme legislação. Todavia, de acordo com o Decreto, deverá ser comprovada por meio de atestado ou declaração que contenha o nome do emissor, a assinatura e indicação do registro no respectivo conselho de classe profissional, o nome da instituição de saúde e inscrição no CNPJ, caso seja declaração de comparecimento a exames; entre outros dados.

A medida segue a resolução do Conselho Federal de Medicina (CFM), que estipula os requisitos mínimos dos atestados, e tem como intuito tornar mais eficiente e célere o controle desses documentos.

Outro ponto a favor do WEBPonto é a integração com o Sistema Estadual de Administração de Pessoas (Seap) e a disponibilização ao servidor da consulta dos seus registros diários de frequência, via internet, no site da Seplag.

A utilização do sistema será feita por meio de leitor biométrico, no entanto, como forma de prevenção e combate à propagação da Covid-19 os servidores registrarão a frequência por meio do uso de senha pessoal e intransferível no sistema WEBPonto diretamente de seu computador de trabalho. O mesmo se aplica na hipótese de inoperância ou ausência do leitor digital.

Confira AQUI a íntegra do Decreto n° 554/2020.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Atualização cadastral de aposentados deve ocorrer somente após a pandemia

Publicado


.

O Mato Grosso Previdência (MT Prev) instituiu a atualização cadastral para os aposentados e pensionistas de Mato Grosso, com o objetivo de atualizar as informações dos servidores inativos e pensionistas, por meio do decreto estadual 556/2020, publicado no Diário Oficial desta terça-feira (07.07). 

Com o decreto, a atualização cadastral passa a ser obrigatória, e deverá corrigir, atualizar e ampliar as informações de todos os servidores inativos, pensionistas, seus dependentes e representantes legais, que somam pouco mais de 35 mil beneficiários. 

O objetivo principal é aprimorar a gestão previdenciária do Regime de Previdência Próprio dos Servidores (RPPS). Ainda conforme o decreto, a atualização será requisito para a continuidade do pagamento do benefício. Caso o beneficiário não atualize os seus dados cadatrais,  poderá ter o pagamento suspenso. 

Ainda não há previsão de data de aplicação do censo por conta da pandemia, já que o processo de atualização implica que o aposentado compareça nos locais designados, munidos de documentação exigida.

O MT Prev emitirá comunicado oficial quando houver um calendário para a atualização cadastral, que será amplamente divulgado, a fim de garantir que todos tenham condições de fornecer as informações dentro do prazo.

Confira do decreto 556/2020 na íntegra clicando aqui.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana