conecte-se conosco


Esportes

Vôlei: Campeonato Paulista Feminino começa nesta quarta

Publicado


.

A bola sobe nesta quarta (23) para a edição 2020 do Campeonato Paulista Feminino de Vôlei. A competição conta com seis equipes (São Paulo/Barueri, Renata Country Club/Valinhos, Osasco São Cristóvão Saúde, São Caetano, Sesi Vôlei Bauru e Pinheiros). A competição seguirá todos os protocolos de segurança e não terá a presença de torcedores para evitar a disseminação do novo coronavírus (covid-19).

A rodada de abertura terá três confrontos na noite desta quarta-feira. Às 19h, em Bauru, o Sesi Vôlei Bauru enfrenta o Pinheiros, às 19h30, em Barueri, o São Paulo/Barueri, atual campeão, terá pela frente o Renata Country Club/Valinhos, e às 20h, em Osasco, o Osasco São Cristóvão Saúde jogará contra o São Caetano.

Ao todo, a fase de classificação, entre 23 de setembro e seis de outubro, terá 15 jogos em turno único. As quatro equipes com melhor campanha farão as semifinais, com cruzamento olímpico (primeiro contra quarto e segundo contra terceiro). A partir das semifinais, os duelos serão decididos em dois jogos, com definição no golden set (set extra jogado em caso empate após o segundo jogo). A final também será em dois jogos com golden set.

Osasco São Cristóvão Saúde

Maior vencedor do torneio, com 15 títulos, o Osasco São Cristóvão Saúde faz a primeira partida do Paulista de 2020 com a responsabilidade de ser um dos principais favoritos ao título. A maior novidade no plantel é o retorno da oposta Tandara. Também foram contratadas para a temporada 2020/2021 as ponteiras Tainara Santos, Sonaly e Gabi Cândido, as centrais Mayany e Camila Paracatu, a levantadora Naiane e a oposta Karine Schossler.

Enquanto isso, a base do time da temporada passada foi mantida. O técnico Luizomar de Moura continua contando com a levantadora Roberta, a central Bia, a líbero Camila Brait e a ponteira Jaque. Completam o elenco a líbero Kika, a levantadora Amanda e a central Karyna Malachias.

Sesi Vôlei Bauru

Campeão em 2018 e melhor time paulista na última edição da Superliga, o time do Sesi Vôlei Bauru chega para a edição deste ano dividindo o favoritismo com o Osasco. Foram sete contratações: a levantadora Carol Leite, a central Mara, a oposta Pamela, as ponteiras Suelle, Vanessa Janke e Mari Cassemiro e a líbero Brenda Castillo. Mas, por problemas burocráticos, a líbero dominicana, considerada uma das melhores do mundo na posição, ainda não está no Brasil e será desfalque na estreia desta quarta-feira contra o Pinheiros. Além dela, a central Mayhara, que se lesionou em um treino, também é desfalque.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

Nosso foco é total para o jogo de amanhã, às 19h, contra o Pinheiros, aqui no SESI Bauru. É a nossa estreia no Paulista! ?

Uma publicação compartilhada por Sesi Vôlei Bauru (@sesivoleibauru) em 22 de Set, 2020 às 7:12 PDT

Ao lado da Mayhara, outras cinco jogadoras renovaram contrato: a levantadora Dani Lins, a central Adenízia, a oposta Polina Rahimova, maior pontuadora da última edição da Superliga, a líbero Julia Machado e a ponteira/oposta Tifanny.

O técnico Anderson Rodrigues também segue mais uma temporada no comando da equipe. No dia 12 de setembro, a equipe já fez um primeiro teste para a temporada. Foi um amistoso na Arena Minas, em Belo Horizonte, contra o Itambé Minas, que acabou com placar de 3 sets a 0 para as mineiras.

São Paulo/Barueri

Além de acabar a Superliga 2019/2020 em sexto lugar, o São Paulo/Barueri entra no Estadual para defender o título e com uma equipe bem diferente. Algumas jogadoras deixaram a equipe. As principais foram a levantadora Juma e a oposta Lorenne, que defenderão o Sesc RJ/Flamengo, e a ponteira Tainara, que é reforço do Osasco São Cristóvão Saúde.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

Dia de estreia é momento de quê?! De conhecer o elenco do nosso São Paulo F.C./Barueri para a temporada 2020/21! Preepara!✨✨ ?⚪️⚫️ ?Flávio Gomes #1 Dani Terra – Líbero 1,68 #2 Diana – Meio 1,91 #4 Maira – Ponta 1,85 #5 Glayce Kelly – Ponta 1,85 #6 Nyeme – Líbero 1,75 #7 Lorrayna – Oposta 1,86 #8 Jheovana – Ponteira/Oposta 1,91 #9 Kisy – Oposta 1,89 #10 Lorena – Meio 1,90 #11 Karina – Ponta 1,79 #12 Larissa – Meio 1,88 #13 Jacke – Levantadora 1,74 #14 Kenya – Levantadora 1,85 #15 Duda – Levantadora 1,85 #16 Carol – Ponta 1,92 #18 Dani Seibt – Meio 1,88 Comissão Técnica: Técnico – José Roberto Lages Guimarães Assistente Técnico – Wagner Luiz Coppini Fernandes Auxiliar Técnico – Alexandre Santos Gomes Preparador Físico – Caique Bonafe Botelho Naipe e Eduardo Fernando Cianci Gomes Médico: Julio Cesar Carvalho Nardelli Responsável Fisioterapeuta – Fernando Alves Fernandes Fisioterapeuta – Daniel Hideki Kan Estatístico – Luciano Tavares Lima e Fabio Rafael Simplício @hummelbrasil @zinzaneoficial @baruerivolleyballclub

Uma publicação compartilhada por São Paulo FC/Barueri (@saopaulo_barueri) em 23 de Set, 2020 às 7:18 PDT

Cinco reforços vieram do Pinheiros, a ponteira Karina Souza, as levantadoras Lorrayna Silva e Kenya Malachias e as centrais Daniela Seibt e Lorena Viezel. Já a ponteira Glayce Vasconcelos foi trazida do Bauru, enquanto Duda chegou do Bradesco. Seguem no elenco a levantadora Jacke Santos, a oposta Kisy Nascimento, as centrais Diana Alecrim e Larissa Besen, as ponteiras Maira, Carol, Jheovana Sebastião e Moara Silva e as líberos Dani Terra e Nyeme Costa. O técnico tricampeão olímpico José Roberto Guimarães segue no comando da equipe.

Pinheiros

Após finalizar a última Superliga na nona posição, o Pinheiros, que tem seis títulos do estadual, efetivou como técnico o antigo auxiliar Reinaldo Bacilieri. Da última temporada, seguem as ponteiras Priscila Souza e Sabrina Groth, a líbero Letícia Pekena e a oposta Edinara Brancher.

Foram contratadas as levantadoras Yael Catiglione, Ana Cristina Porto e Thayane Cabral, as ponteiras Alexia Cocco, Natália Monteiro e Mariana Basso, as centrais Gabi Martins, Adriani Vilvert, Nandyala Gama, Gabriela Martins e Janaína Vieira, a oposta Kimberley Brito e a líbero Keyla Alves. Nos últimos meses, o clube também promoveu a base para o time principal, com a levantadora Isadora, a central Lorena, as opostas Marina e Lorrayna e as pontas Natália e Sabrina.

São Caetano

Depois de finalizar a Superliga 2020/2021 em último lugar com 21 derrotas em 22 jogos, a equipe do ABC parte para uma temporada repleta de desafios. O São Caetano abre o Estadual com um plantel de 16 jogadoras. Apenas três estiveram no clube na temporada passada, a levantadora Lia Vitória, de 20 anos, e as pontas Isabella Teixeira e Eduarda Amaral. O técnico Fernando Gomes, que também é um dos remanescentes da temporada passada, disse que elas treinaram apenas uma semana para a competição: “A preparação não esteve nem perto da ideal. Mas vamos tentar fazer o melhor”.

Renata Country Club/Valinhos

O Valinhos, que foi rebaixado dentro de quadra na edição passada da Superliga, chega ao Paulista com um elenco de 13 jogadoras: as centrais Gabi Pena, Flávia Gimenes e Leticya de Souza Paulo, as ponteiras Maria Eduarda de Oliveira, Isadora Magrini e Giorgia Fanganiello, as ponteiras/opostas Lohayne Endres e Gabrielle das Graças, as levantadoras Maria Luiza Faesarella Gonçalves, Mikaella Costa e Isabella Guedes e as líberos Luisa e Silva e Janaína da Silva. Apenas duas jogadoras continuaram no clube desde a última temporada, a ponteira/oposta Duda e a central Gabi Pena, que se recupera de lesão e não participa do Estadual.

 
 
 

 
 
 
 
 

 
 

 
 
 

Confira a tabela de jogos do Vôlei Renata Country Club Valinhos no Campeonato Paulista 2020

Uma publicação compartilhada por Volei Country Club Valinhos (@voleicountryclubvalinhos) em 23 de Set, 2020 às 9:03 PDT

Edição: Fábio Lisboa

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Com retrospecto favorável, Internacional encara Flamengo no Beira-Rio

Publicado


O Internacional encara o Flamengo neste domingo (25), às 18h15 (horário de Brasília) no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS), pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os colorados levam ampla vantagem contra os rubro-negros atuando como mandante. A Rádio Nacional transmite a partida.

Levando em consideração somente partidas disputadas pelo Brasileirão no formato de pontos corridos, desde 2003, em 16 embates, os cariocas venceram apenas uma vez na condição de visitantes. Já os gaúchos triunfaram em 11 oportunidades e quatro jogos terminaram empatados. Além disso, o retrospecto positivo também fica demonstrado no número de gols marcados nos confrontos: 27 a 7 a favor dos donos da casa. No ano passado, quando o Flamengo levou a taça de campeão Brasileiro, o Internacional venceu por 2 a 1 no Beira-Rio.

A única derrota do Inter foi em 2015. Na ocasião, o Flamengo venceu por 2 a 1. O gol da vitória foi marcado pelo peruano Paolo Guerrero, que atualmente defende o Colorado. O jogador se recupera de lesão no joelho direito sofrida em agosto, na derrota por 2 a 1 para o Fluminense no Maracanã. A previsão para que Guerrero volte a defender as cores do clube gaúcho é apenas no ano que vem.

Entretanto, apesar das lembranças negativas fora de casa, o último duelo, que terminou empatado por 1 a 1 na Libertadores, teve sabor de vitória para os rubro-negros. Mesmo com placar em igualdade, o Flamengo eliminou o Internacional nas quartas de final da competição continental, após vencer o jogo de ida por 2 a 0 no Maracanã.

Duelo de artilheiros

O meio-campista Thiago Galhardo é a maior esperança de gols do Internacional. Artilheiro do Brasileirão, tendo balançado 14 vezes as redes dos adversários, o jogador marcou a metade dos gols feitos dos colorados na competição. Com 28 gols, a equipe gaúcha tem o terceiro melhor ataque do campeonato, atrás somente de Flamengo, que fez 30, e Atlético-MG, com 31.

Pelo lado da equipe rubro-negra o atacante Pedro tem mostrado que a pontaria está afiada, ocupando o posto de artilheiro do clube no Campeonato Brasileiro com oito gols marcados.

Transmissão da Rádio Nacional

A partida entre Internacional e Flamengo será transmitida ao vivo pela Rádio Nacional, com narração de André Luiz Mendes, comentários de Waldir Luiz e reportagem de Rafael Monteiro. O Show de Bola Nacional começa as 18h. Você escuta a Rádio Nacional aqui:

Confira aqui a classificação atualizada do Campeonato Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

LNF: em meio a maratona, Joinville recebe esperançoso Foz Cataratas

Publicado


Garantido no mata-mata da Liga Nacional de Futsal (LNF), o Jonville recebe o Foz Cataratas neste domingo (25), no ginásio do Centreventos Cau Hansen, em Joinville (SC), de olho na liderança do grupo B. Já aos paranaenses, só a vitória interessa para a equipe ainda ter chances de se classificar como melhor quinta colocada geral da primeira fase. A partida será transmitida ao vivo pela TV Brasil.

Trata-se do segundo duelo entre os rivais na edição deste ano da LNF. Em 1º de setembro, em Foz do Iguaçu (PR), o time catarinense venceu por 2 a 0, com gols do ala Rodriguinho e do fixo Lucas Machado. A partida marcou a estreia do JEC na competição, além de ter sido o quarto compromisso do Azulão.

Com três partidas a disputar, o Joinville é o vice-líder da chave com 20 pontos, um a menos que o Carlos Barbosa, que já finalizou a participação na fase de grupos. O duelo com o Foz será o quinto em oito dias e apenas o primeiro da sequência sendo mandante. A maratona iniciou no sábado da semana passada (17), com a vitória por 4 a 3 sobre o Blumenau, pela LNF. Depois, foram três jogos pelo Campeonato Catarinense, contra Lages (13 a 0), Curitibanos (4 a 4) e São Lourenço (3 a 5).

O técnico Daniel Júnior optou por usar o elenco principal nos dois primeiros compromissos, poupando-o nos jogos seguintes. Contra Curitibanos e São Lourenço, o Joinville atuou com atletas que não enfrentaram o Lages, reforçados por jogadores do sub-20. Nessas partidas, o time foi dirigido por Herick Pereira, treinador da base e da seleção brasileira sub-17. Os titulares já voltam à quadra neste domingo.

O Foz é o sexto colocado do grupo B, com nove pontos, e pode chegar, no máximo, a 15 pontos. O Atlântico, quarto colocado e último time na zona de classificação, tem 16. Assim, o Azulão das Três Fronteiras só alcançará a segunda fase se for o melhor quinto colocado das três chaves. No grupo A, a posição é ocupada pela Intelli Tempersul, com 12 pontos. No C, é pelo Campo Mourão com 10 pontos.

A equipe não atua pela LNF desde o último dia 15, quando superou o Marreco por 2 a 0. Na sequência, enfrentou Umuarama (3 a 2) e Cascavel (0 a 5) por Campeonato Paranaense e Liga Paraná, respectivamente. Para encarar o JEC há três ausências: os alas Pierre e Daniel Feitosa (contundidos) e o fixo Pedro Beraldo, que testou positivo para o novo coronavírus (covid-19). O fixo Léo Costa, recuperado de lesão, está à disposição de Marlus Sokolowski. O técnico, aliás, volta ao banco de reservas depois de cumprir isolamento, após ter sintomas da covid-19. O exame do treinador deu negativo.

Também no domingo, o Corinthians recebe o Brasília às 12h, enquanto Praia Clube e Minas Tênis Clube fazem o clássico mineiro da LNF às 13h30, em Uberlândia (MG).

Confira a classificação da Liga Nacional de Futsal.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana