conecte-se conosco


Cuiabá

Vereador Marcos Veloso faz campanha para a rádio Bom Jesus de Cuiabá não fechar as portas

Publicado

span id”docs-internal-guid-8332cc33-7fff-16f5-9971-d5cad0e3d631″>

Rádio Bom Jesus de Cuiabá passa por dificuldades financeiras para manter sua programação católica no ar

Comovido com suspensão da transmissão da rádio Bom Jesus de Cuiabá, ocorrida netas manhã de terça-feira (8), em Cuiabá, o vereador Delegado Marcos Veloso (PV) fez um pronunciamento na sessão da Câmara de Vereadores conclamando os parlamentares da bancada católica e a sociedade em geral para participarem da campanha “Salvem a Rádio Bom Jesus”. Emissora que este ano completou 60 anos de existência, mas amanheceu com suas portas fechadas e seus transmissores desligados devido a falta de energia elétrica, motivada pelas dificuldades financeiras que o veículo de comunicação enfrenta atualmente.

Em seu discurso o parlamentar destacou a importância da rádio como instrumento de evangelização da Arquidiocese Católica na região, especialmente para aqueles que, devido circunstâncias pessoais e sociais, não conseguem participar das missas e de outras atividades religiosas. Fiéis e simpatizantes que têm a rádio Bom Jesus como uma alternativa necessária para o fortalecimento e a comunhão da fé cristã.

O vereador também destacou a campanha encabeçada por ele e por outros fiéis para arrecadar fundo visando a modernização da rádio e o custeio de manutenção dos programas e da transmissão.

“Iniciamos nas paróquias da região a campanha “Salve a Rádio Bom Jesus”, é uma campanha de reconhecimento as seis décadas de trabalho deste importante instrumento de evangelização católica em nossa região. Um veículo que consideramos um patrimônio de nossa sociedade, uma emissora de rádio que está precisando de apoio para dar continuidade a nobre missão de levar aos lares a fé cristão e os ideais católicos em prol das famílias e da população mais necessitada, conclamo todos a participarem desta campanha”, enfatizou o vereador Marcos Veloso.

Graças a mobilização do parlamentar e dos simpatizantes e amigos, as contas de energia da rádio foram pagas e a transmissão dos programas da emissora reestabelecida. Mas a campanha de apoio a rádio continuará até atingir seus objetivos.


Paulo Wagner | Assessoria Vereador Marcos Veloso

Imprimir Voltar Compartilhar:  

</div

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Prefeitura divulga painel de casos de Covid-19 em Cuiabá desta quarta-feira (27)

Publicado


.

Nesta quarta-feira (27), Cuiabá tem 611 casos confirmados de residentes no município e 171 de não residentes, mas que estão sendo atendidos na capital. Destes, 192 já estão recuperados da doença e houve 7 óbitos de residentes e 11 de não residentes. Na rede hospitalar há 78 pacientes confirmados com Covid-19 internados, sendo 47 na UTI e 31 em enfermaria. Também estão internados 70 pacientes com suspeita da doença, sendo 22 na UTI e 48 em enfermaria.

Continue lendo

Cuiabá

Primeira-dama formata programa pioneiro com base em alerta da OMS

Publicado


.

O programa Cuidando de Quem Cuida da Gente, lançando na última semana pela Prefeitura de Cuiabá, com a idealização da primeira-dama Márcia Pinheiro teve como base o alerta da Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre o risco de surto generalizado de saúde mental.

Segundo o relatório, divulgado em abril, criança, jovens e profissionais de saúde estão inseridos no grupo mais vulnerável. Na diretriz da agência de saúde da Organização das Nações Unidas (ONU) também é apontado que os governos devem colocar a questão da “linha de frente” de suas reações.

“Quando passamos a pensar nesse programa e desenhá-lo com o prefeito Emanuel e o próprio Dr. Dualibi logo pensamos nos profissionais de saúde que precisam estar em boas condições mentais, psicológicas para atender nossa população da melhor forma. Se eles não tiverem bem, como fica o povo?”, questionou a primeira-dama.

Para o responsável técnico pelo programa André Duailibi, psiquiatra, esses profissionais já atuam sobre concisões adversas e durante esse período de pandemia da COVID-19 os níveis são elevados.

“Eles já passam por níveis de estresse muito alto e numa situação como essa, diante do medo, das notícias negativas e das perdas de colegas de trabalho e do próprio contagio aumenta ainda mais a vulnerabilidade desses profissionais. O stress crônico, de uma forma geral, pode levar a desenvolver transtornos psiquiátricos”, explicou.

Ainda de acordo com o psiquiatra, os profissionais podem passar a apresentar sintomas como alteração de humor, irritabilidade, aumento dos níveis de ansiedade é uma série de problemas físicos como dor de estômago, no corpo e nos casos mais graves gerando depressão.

Programa

A plataforma online disponível no site da Prefeitura de Cuiabá atenderá mais de 7 mil servidores da linha de frente no combate ao novo coronavírus, sendo profissionais de saúde e assistência Social.

São mais de 4.800 sessões de terapia e acolhimento psicoterápico individual. Cada servidor terá acesso, em média, a 12 sessões de atendimento especializado com duração de 50 minutos.

Os casos identificados com o grau elevado serão encaminhados para a avaliação com a equipe psiquiatra objetivando acompanhamento e intervenção da crise.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana