conecte-se conosco


Esportes

Veja como ficaram os confrontos da segunda fase da Copa Sul-Americana

Publicado

Lance



Taça da copa Sul-Americana
Divulgação

Taça da copa Sul-Americana

A Conmebol realizou na noite desta segunda-feira, em Luque, no Paraguai, o sorteio que definiu os confrontos da segunda fase da Copa Sul-Americana e o chaveamento para as etapas seguintes. Atlético-MG, Botafogo, Corinthians e Fluminense conheceram seus adversários, além de os possíveis caminhos para ir em busca do título do torneio continental. Os jogos de ida serão realizados entre os dias 21 e 23 de maio e volta entre 29 e 30.

Leia também: Jogador é demitido após errar cavadinha em cobrança de pênalti na Sul-Americana

Não houve restrição para a definição dos duelos, ou seja, clubes do mesmo país podem se enfrentar nesta fase do certame. Os times do pote 1 decidem a classificação em casa. Já os mandos de campo das fases seguintes foram definidos por outro sorteio. O critério do gol marcado fora de casa é válido até a semifinal, já a que a final será em partida única, em Assunção, no Paraguai, no dia 9 de novembro.

Leia Também:  Lewis Hamilton vence o GP da Espanha e reassume liderança da Fórmula 1

O Galo, que garantiu o direito de disputar a Sul-Americana por ter ficado em terceiro lugar no Grupo E da Libertadores, vai enfrentar o Unión La Calera-CHI, sendo que a primeira partida será fora de casa por estar no pote 1.

Já o Botafogo, que também faz o segundo jogo em casa, havia eliminado o Defensa y Justicia, da Argentina, na primeira fase, e agora terá pela frente o Sol de América-PAR. Enquanto isso, o Flu, que bateu o Antofagasta, do Chile, na etapa anterior, terá o mando do jogo de ida contra o Atlético Nacional-COL, por estar no pote 2, assim como o Timão, que eliminou o Racing, da Argentina, e agora encara o Deportivo Lara-VEN, fazendo a segunda partida como visitante.

Confira os confrontos da segunda fase da Copa Sul-Americana:

Jogo 1 – La Equidad-COL x Deportivo Santaní-PAR*
Jogo 2 – Independiente del Valle-EQU x Universidad Católica-CHI*
Jogo 3 – Fluminense
x Atlético Nacional-COL*
Jogo 4 – Unión Española-CHI x Sporting Cristal-PER*
Jogo 5 – Argentinos Juniors-ARG x Deportes Tolima-COL*
Jogo 6 – Montevideo Wanderers-URU x Cerro-URU*
Jogo 7 – Universidad Católica-EQU x Melgar-PER*
Jogo 8 – Unión La Calera-CHI x Atlético-MG*

Leia Também:  Operário-PR e Bragantino vencem na estreia da Série B 2019

Jogo 9 – Sol de América-PAR x Botafogo*

Jogo 10 – Rionegro Águilas-COL x Independiente-ARG*
Jogo 11 – Corinthians
x Deportivo Lara-VEN*
Jogo 12 – River-URU x Colón-ARG*
Jogo 13 – Zulia-VEN x Palestino-CHI*
Jogo 14 – Deportivo Cali-COL x Peñarol-URU*
Jogo 15 – Liverpool-URU x Caracas-VEN*
Jogo 16 – Royal Pari-BOL x Macará-EQU*

* Fazem o segundo jogo em casa

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Esportes

Em desvantagem, mas confiante, Cuiabá encara Paysandu na decisão da 6ª Copa Verde

Publicado

Cuiabá durante treino nesta terça, no Mangueirão, em Belém

De olho no segundo título da Copa Verde e com o grupo à disposição, completo, o Cuiabá encara nesta quarta-feira, em Belém-PA, no Mangueirão, o bicampeão Paysandu (que espera perto de 30 mil torcedores – veja box). Por ter perdido o primeiro jogo por 1 a 0, o Dourado terá que vencer por dois gols de diferença, já que uma vitória por um gol leva a decisão para os pênaltis.

No jogo contra o Figueirense-SC, pela Série B, onde empatou sem gols, o Cuiabá poupou os titulares, contrariando os que pensavam que a Copa Verde n~]ao seria prioridade. O prêmipo é de R$ 2,5 miçlhões para o campeão.

Nesta quarta-feira, pela manhã e tarde, o Dourado treinou no Mangueirão, palco da decisão. na semana passada. O técnico Hélio dos Anjos, pelo lado do Papão, tem todo elenco á disposição e espera o calor da torcida para sufocar o Cuiabá. Do treino pelo técnico Marcelo Chamusca, a escalação pode ser a seguinte:

Victor Souza; Toty (ou Jonas), Ednei, Anderson Conceição e Paulinho; Marino, Alê e Escudero (talvez Moisés); Felipe Marques, Jefinho e Agustín Gutiérrez.

TODOS OS CAMPEÕES

2018 – Paysandu –PA

2017 – Luverdense-MT

2016 – Paysandu-PA

2025 – Cuiabá-MT

2014 – Brasília-DF

Victor Souza  diz que será jogo difícil, com muita pressão, mas  crê no título
Presença confirmada na partida contra o Paysandu, o goleiro do Cuiabá diz que está confiante e que o grupo muito unido em torno do objetivo de mais um título para encerrar a temporada. “Vamos para cima deles e o Cuiabá sempre cresce em jogos decisivos”, disse ele

Leia Também:  Com gol no fim, Cuiabá estreia na Série B com vitória sobre o Criciúma
Continue lendo

Esportes

Brasil derrota a Coreia por 3 a 0 e encerra jejum após 5 jogos sem vencer

Publicado

GloboEsporte.com – A Seleção Brasileira encerrou o jejum de cinco jogos consecutivos sem vitórias na manhã desta terça-feira. Diante de um público minúsculo no Mohammed Bin Zayed Stadium, o time comandado por Tite ganhou da Coreia do Sul por 3 a 0, resultado que alivia a pressão sobre o treinador.

No primeiro tempo, Lucas Paquetá abriu o placar de cabeça e Philippe Coutinho ampliou em cobrança de falta. Na etapa complementar, a Seleção Brasileira fechou o marcador com um golaço marcado por Danilo após passe do inspirado Renan Lodi.

O triunfo, alcançado no último amistoso do ano, foi o primeiro do Brasil desde a final da Copa América. Nos cinco jogos anteriores, a Seleção viveu jejum contra Colômbia (2 x 2), Peru (0 x 1), Senegal (1 x 1), Nigéria (1 x 1) e Argentina (0 x 1). A equipe de Tite volta a se reunir apenas em março de 2020 para disputar as Eliminatórias.

O Jogo – A Seleção Brasileira conseguiu inaugurar o marcador logo aos 8 minutos do primeiro tempo. Em jogada pelo lado esquerdo, Renan Lodi recebeu de Philippe Coutinho e cruzou. A bola desviou na marcação e ficou na medida para cabeçada certeira de Lucas Paquetá.

Leia Também:  Com golaço de Marinho, Santos vence Botafogo e encosta no líder Palmeiras

O time canarinho aumentou sua vantagem aos 35 minutos da etapa inicial, quando Fabinho sofreu falta na entrada da área. Na cobrança, Philippe Coutinho bateu colocado e viu a bola morrer nas redes, encerrando um jejum de cinco anos da Seleção Brasileira no quesito.

A Coreia do Sul teve em Son seu principal jogador e criou a melhor chance nos minutos finais. Em cobrança de falta, Jung bateu direto e a bola passou pela barreira. Alison espalmou e Philippe Coutinho, na tentativa de ceder escanteio, chutou na trave.

Com trocas de passes envolventes no campo de ataque, o Brasil chegou ao terceiro aos 14 minutos da etapa complementar. Renan Lodi recebeu de Richarlison pela esquerda e deu belo cruzamento rasteiro. Do outro lado, Danilo completou com força para marcar um golaço.

O Brasil manteve o domínio da partida e o goleiro Alisson não correu grandes riscos no campo de defesa. Com vantagem significativa no marcador, a Seleção trocou muitos passes e não precisou investir na criação de novas oportunidades de gol.

Leia Também:  Feminino: Mixto e Operário FC iniciam a disputa pelo título neste sábado

O técnico Tite mexeu durante o segundo tempo e promoveu, inclusive, as entradas de Douglas Luiz e Emerson. Na última boa chegada do Brasil, Richarlison recebeu de Firmino pela esquerda e, na cara do gol, chutou para fora ao tentar toque por cobertura.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana