conecte-se conosco


Várzea Grande

Várzea Grande vacina idosos de 65 anos acima e atende mais de 5 mil pessoas em três dias

Publicado


Legenda:

Elogiando o esforço e dedicação, de dia e de noite, neste momento de pandemia, de todos os servidores públicos municipais, principalmente os da Área da Saúde, o prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, participou da vacinação na quinta-feira, 1º de abril, na UNIVAG, parceira da cidade no atendimento aos pacientes, e comemorou que em menos de uma semana, Várzea Grande vacinou mais de 5 mil pessoas.

“Estamos nos empenhando, nos dedicando e fazendo tudo que é possível e se encontra ao nosso alcance para atender a todos indistintamente e queremos e vamos avançar na vacinação, no atendimento e nos medicamentos”, disse o prefeito Kalil Baracat que acompanhou a vacinação na quarta-feira no Fiotão e na quinta-feira no UNIVAG, quando se iniciou a vacinação dos idosos com 65 anos ou mais.

O senador Jayme Campos, 69 anos e a prefeita Lucimar Sacre de Campos, 66, entre outras pessoas já foram vacinadas e junto com o prefeito Kalil Baracat defenderam que as pessoas tenham acesso a vacinação, mas se resguardem, se cuidem, evitem aglomeração, usem máscara e outros meios de higienização.

“Assim como qualquer pessoa estávamos angustiados pela chegada de nossa faixa etária para podermos vacinar, pois essa é uma das principais medidas, além das regras da Organização Mundial da Saúde (OMS) para que todos possam estar imunizados e vencer a COVID 19”, disse o senador Jayme Campos cobrando que todos se cuidem e ajude a cuidar dos demais que precisam e que não faltará apoio no Senado para Várzea Grande e para Mato Grosso na cobrança de recursos, medidas, vacinas e atendimento.

Já Lucimar Sacre de Campos que esteve a frente da Administração Municipal de Várzea Grande no primeiro ano da pandemia, 2020, apontou ser necessária muita dedicação e principalmente colaboração da população para se vencer a doença.

“A união vai fazer a diferença nesta guerra pela vida das pessoas e pelo controle da doença”, comemorou ela sinalizado que o povo de Várzea Grande é ordeiro e trabalhador e sabe todo o esforço e dedicação do prefeito Kalil Baracat e sua equipe pelo cuidado com a saúde das pessoas.

O secretário de Saúde de Várzea Grande, Gonçalo Barros, sinalizou que a segunda maior cidade de Mato Grosso, começou no sábado passado, 27 de março, quando foram vacinados em apenas um dia 3.112  pessoas, acelerar a vacinação, porque no dia anterior o Ministério da Saúde, oficialmente autorizou que todas as doses existentes fossem disponibilizadas.

“Começamos a vacinar em janeiro, e para cada entrega de vacinas, dividíamos as doses ao meio para assegurar a primeira a segunda dose de cada paciente, pois se for a vacina CoronaVac, entre 14 e 28 dias a segunda dose deve ser aplicada. Já se for a vacina Oxford/AstraZeneca, entre a primeira e a segunda dose, são 90 dias de prazo, o que permite uma logística melhor e mais eficiente, sem riscos para os pacientes”, disse o secretário de Saúde.

Ele sinalizou que Várzea Grande supera os 14 mil vacinados com a primeira dose o que nos aproxima dos 70% de doses recebidas e 4 mil de segunda dose, o que nos eleva para 50% e nesta divisão que acaba ocorrendo as dúvidas quanto o total de doses recebidas e aplicadas. “Anteriormente como não existia a certeza de quando chegariam as segundas doses, para cada primeira dose aplicada, guardávamos a segunda para o dia que a mesma tivesse que ser aplicada, represando assim o número de vacinas recebidas do Ministério da Saúde, lembrando que seguimos à risca o que está previsto no Plano Nacional de Imunização – PNI.

O prefeito Kalil Baracat reforçou que as pessoas podem ter a tranquilidade de que Várzea Grande está se empenhando para que todos sejam vacinados o quanto antes e reafirmou compromisso de que a cidade tem recursos financeiros para comprar vacinas se for necessário.

“O nosso papel enquanto gestor público está sendo fielmente cumprido, mas precisamos que as pessoas se conscientizem e nos ajude a vencer a pandemia e isto eles podem fazer, se cuidando, não aglomerando, usando os meios de higienização como máscaras, álcool em gel, água e sabão e tendo crença e fé de que venceremos mais essa batalha pela vida”, disparou.

Ele aproveitou para novamente enaltecer os servidores da Saúde Municipal e os parceiros da UNIVAG que diuturnamente se dedicam pelo bem estar dos outros e lembrou que para as pessoas chegarem e encontrarem tudo certo, vacinas guardadas com segurança, logística de atendimento, se faz necessário um trabalho que se inicia até três dias antes para um planejamento que vise bem atender a todos os cidadãos.

“Aqui promovemos um atendimento humano, que atende a todos. A vacina está chegando para todas as classes sociais, pois a doença não escolhe classe social, raça, cor, religião, enfim, todos corremos riscos, por isso temos que nos cuidar e cuidar dos demais para vencermos a COVID 19”, concluiu Kalil Baracat.

publicidade
3 Comentários

3 Comments

  1. Amanda disse:

    Muito estranho! Não estamos nem conseguindo fazer cadastro.

  2. Aparecido Meira Santana disse:

    Engraçado, também sou um idoso de 66 anos que fiz a inscrição no dia 01 de abril disse com sucesso, mas até hoje 05 de abril não me deram respostas para vacinar.

  3. Fiz o cadastro com sucesso em 01 de abril e até hoje 05 de abril não me responderam nada a respeito estou aguardando .

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Várzea Grande

Corujão da vacinação e descentralização são estratégias para ampliar imunização em Várzea Grande

Publicado


Descentralizar a vacinação contra a Covid-19 utilizando diversos locais da cidade, como parques, mini-estádios, ginásios poliesportivos, além das policlínicas de rede municipal de saúde, é uma das estratégias para ampliar a imunização em massa no município de Várzea Grande, na medida que novas doses da vacina vão chegando e o público alvo a ser vacinado aumenta.

A informação é do prefeito Kalil Baracat, que participou na noite dessa segunda-feira, 19 de abril, do lançamento do “Corujão da Vacinação”, realizado no estacionamento do Centro Universitário Univag. A vacinação em sistema de drive-thru com horário estendido, das 16h às 22 horas, também é uma estratégia para ampliar a vacinação e que foi testada para verificar a aceitação popular.

“Nossa prioridade é a vida. Temos a meta de vacinar toda a população várzea-grandense e sabemos que precisamos acelerar a aplicação das doses que estão disponíveis. O nosso planejamento de vacinação contra a Covid-19 começa agora a ganhar novo corpo com a chegada de mais vacinas e a perspectiva de alcançar mais público num futuro próximo. Além das pessoas com comorbidades e grupos prioritários, a população com menos idade, abaixo dos 60 anos é muito maior, então precisamos estar preparados para levar as vacinas aos bairros, ou seja, facilitar a vacinação, aproximando-a do público a ser imunizado”, afirmou Kalil Baracat.

O chefe do Executivo Municipal reafirmou seu compromisso com a população afirmando que continuará buscando parcerias para cumprir as metas de vacinação e de salvar vidas. “Além da parceria com a Univag, que oferece dois pontos de vacinação em seu campus – um drive-thru e outro fixo em sua clínica médica, buscamos a parceria da Assembleia Legislativa e implantamos um ponto de vacinação drive-thru, no Parque Berneck,  inaugurado no último sábado. Transformamos o ginásio poliesportivo do Fiotão em um ponto central de vacinação, pensando nos usuários do transporte coletivo e na próxima semana começaremos a vacinar no miniestádio do bairro Jardim dos Estados, para atender a região oeste da cidade. Quando a população a ser vacinada ampliar, pela redução da idade do público alvo, estaremos preparados para abrir novos pontos de vacinação nos bairros através das policlínicas de saúde”, garantiu o gestor.

Kalil Baracat também frisou que nesses primeiros 100 dias de gestão, marcados pela pandemia, inaugurou novos leitos de UTIs e enfermaria exclusivos para tratamento da Covid-19; formalizou junto ao Consórcio Nacional de Municípios a intenção de comprar imunizantes – caso seja necessário, bem como transformou Unidades de Pronto Atendimento exclusivas para triagem e tratamento da doença, e, reafirmou que não vão faltar infraestrutura e remédios para atender a população no setor da saúde.

O deputado estadual Wilson Santos conferiu pessoalmente a campanha “Corujão da Vacinação”. “Uma idéia fantástica. Facilita para as pessoas que trabalham durante o horário comercial e não têm como trazer os pais e avós para vacinar. O horário também é mais fresco e agradável. O prefeito Kalil Baracat está de parabéns na condução do enfrentamento contra a Covid-19, esperamos que outros gestores sigam seus passos e tenham Várzea Grande como exemplo em estratégia de vacinação”, declarou o parlamentar.

O vice-prefeito de Várzea Grande, José Hazama, também acompanhou o lançamento da “Corujão da Vacinação” e afirmou que o município está criando condições para auxiliar e acelerar a aplicação da vacina. “Tenho acompanhado os trabalhos de vacinação contra a Covid-19 desde o início, principalmente aqui na Univag e ressalto que a gestão busca agregar esforços das iniciativas pública e privada. Este é um momento de união pela vida. A equipe de Saúde está de parabéns e a população tem sentido que estamos trabalhando por eles”.

O vice-reitor da Univag, Flávio Foguel, destacou que a parceria entre Universidade e Município vai continuar o tempo que for necessário. “Estamos cumprindo o papel social da Universidade, abrindo o Campus para a sociedade. Também é bastante satisfatório como ser humano poder contribuir. Estaremos disponibilizando os espaços da universidade para a vacinação drive-thru e o ponto fixo na clínica médica o tempo que for necessário para imunizar toda a população”.

Empresário e filho do senador Jayme Campos, Carlos Eduardo Campos, também avaliou o lançamento do “Corujão da Vacinação”. “Com certeza esse horário de vacinação vai atender muitos que não podem se deslocar durante o dia para vacinar. Vemos a satisfação dos que vieram aqui hoje. O gestor Kalil Baracat está mostrando preparo e inteligência na condução como prefeito da segunda maior cidade de Mato Grosso. Como empresário também estamos à disposição para somar forças contra essa pandemia”, disse.

IMUNIZADOS – A ação “Corujão da Vacinação” alcançou a meta de imunizar mais de 1.500  pessoas em horário estendido, das 16h às 22h. A modalidade também deve ser implantada em outros locais de vacinação, como o Parque Berneck.

“Esse planejamento e estratégia de descentralizar a vacinação foi discutida e decidida em conjunto com o Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (Covid-19), desde o início da imunização em fevereiro deste ano. Atualmente vacinamos mais de 10% da população, mais de 32 mil pessoas, entre primeira e segunda doses. Esta semana, vamos vacinar durante o feriado de 21 de abril e já na próxima semana devemos abrir o cadastro para pessoas abaixo dos 60 anos”, informou o secretário municipal de saúde, Gonçalo de Barros.

Segundo Gonçalo de Barros, nesta terça, quarta e sexta-feira, 20, 21 e 23 de abril, a vacinação continua, das 8h às 16h, no ginásio de esportes do Fiotão, ao lado do terminal de ônibus André Maggi. Na quinta-feira, 22 de abril, a vacinação será em sistema de drive-thru na Univag, das 8h às 16h. E, no sábado, também das 8h às 16h a vacinação será em sistema drive-thru na Univag e no Parque Berneck. Já no domingo, dia 25 de abril, continua a vacinação em domicílio de idosos acamados ou com dificuldade de locomoção.

Para vacinar é necessário estar cadastrado no site da prefeitura pelo endereço eletrônico http://www.varzeagrande.mt.gov.br, na aba IMUNIZAÇÃO VÁRZEA GRANDE – CADASTRO PARA VACINA COVID-19. Outras informações pelo disk vacina 0800-647-4121.

Continue lendo

Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Grande atualiza decreto e mantém rigor na fiscalização

Publicado


Seguindo recomendação técnica do Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (COVID 19), com base em dados da pandemia da COVID 19, o prefeito Kalil Baracat, por meio de decreto municipal, alterou as regras que norteiam as ações do comércio e da população, especialmente quanto a utilização de locais para práticas esportivas, eventos sociais e shopping center, sem abrir mão das iniciativas de combate à propagação do coronavírus e também as exigências de distanciamento social, de uso de máscara e álcool em gel, além das obrigações para setores da economia local.

“Estamos buscando o ponto de equilíbrio em que todos possam trabalhar, produzir, estudar, enfim viver o mais próximo da realidade, do modo de vida antes da pandemia da COVID 19, mas não iremos em hipótese alguma deixar de tomar as medidas necessárias para resguardar vidas e proteger a todos com vacinas, atendimento médico e medicamentos que são essenciais neste momento, mais do que tudo”, disse o prefeito Kalil Baracat.

Por meio do novo decreto, fica autorizado o uso de equipamentos comunitários em geral, respeitando o limite de 30% de capacidade de locais voltados ao lazer e a prática física, como quadras poliesportivas, ginásios de esporte, miniestádio, espaços fitness, academias ao ar livre e congêneres, incluindo, VIA 31, Ginásio do Fiotão, Espaço FIT, Parque Tanque do Fancho, Parque Flor do Ipê, Orla da Alameda, Praças, e todos os outros espaços coletivos. No entanto, vale destacar que o Parque Bernardo Berneck e o Miniestádio do Bairro Jardim dos Estados seguem exclusivos para vacinação. “O Parque Berneck e o Miniestádio do Bairro Jardim dos Estados não receberão público para práticas esportivas ou de lazer, estes locais estão restritos para a campanha de imunização contra o Covid-19”, observou o secretário de saúde, Gonçalo de Barros.

Quanto a locação de quadras de esporte, campos de futebol, quadra de areia, quadra society e congêneres, estão permitidas as práticas esportivas, contudo sem a presença de público para assistir ou acompanhar a atividade. O horário permitido é de segunda-feira a sábado, das 08h às 22h, e aos domingos, das 08h às 12h.

O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat, reforça que apesar das alterações realizadas, a fiscalização exercida pela Guarda Municipal, Vigilância Sanitária e órgãos de fiscalização do município segue rigorosa. Além disso, a campanha de vacinação continua acelerada e descentralizada no município.

O novo decreto estabelece o limite de 30% da capacidade máxima do local para os eventos sociais, corporativos, empresariais, técnicos e científicos, cinemas, museus e teatros, com limite de horário das cinco horas da manhã até às 23 horas. A regra ampliou o horário de funcionamento de igrejas e edifícios religiosos, que podem realizar missas, cultos ou cerimônias, das cinco horas da manhã até 22h, todos os dias da semana, respeitando requisitos sanitários de combate ao novo coronavírus, entre os quais limitar o número de pessoas até 30% da capacidade, no interior dos recintos.

“Lembro ainda que todas as decisões adotadas por nós são discutidas no Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (COVID 19), no qual setores econômicos como a CDL, ACIVAG, Câmara Municipal tem assento e participam das decisões em comum acordo”, frisou Kalil Baracat.

Já o shopping center manterá o atendimento em 50% de sua capacidade, com horário de atendimento ao público de segunda-feira a sábado, das 08h às 22h, e aos domingos, das 08h às 12h, exceto a praça de alimentação que poderá funcionar no domingo até às 15h, podendo também realizar delivery até às 23h59 horas, em todos os dias da semana.
Os supermercados, mercados, mercearias, feiras, padarias, açougues e similares, lanchonetes, cafeterias, bares e congêneres podem funcionar de segunda-feira a sábado, das cinco horas da manhã às 22h, e no domingo das 05h às 12h, bem como as conveniências localizadas em postos de combustível, distribuidoras de bebidas, podendo realizar delivery em todos os dias até às 23:59 horas. Os horários de funcionamento dos restaurantes e pizzarias também estão ampliados, de segunda-feira a sábado das 05h às 22h, e aos domingos, das 5h às 15h, com delivery até às 23:59 horas.

Nos estabelecimentos que vendem bebida alcoólica, somente será possível o consumo de bebida no local pelos consumidores sentados à mesa, respeitado o distanciamento e a capacidade de público de cada segmento.

O ensino público segue de forma remota, com previsão de retorno ao sistema híbrido em 3 de maio. Já o ensino privado segue de forma híbrida para infantil, fundamental, médio e superior, observando 50% (cinquenta por cento) da capacidade de alunos na sala de aula, bem como os cursos de idiomas, oficinas, cursos de pós-graduação e aulas práticas de ensino superior e técnico, aulas nos cursos ou “cursinhos”. O novo decreto, de nº 45, publicado nesta terça-feira, 20 de abril, está disponível em sua versão completa no site da Prefeitura de Várzea Grande.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana