conecte-se conosco


Várzea Grande

Várzea Grande atinge 86% das metas do Planejamento Estratégico

Publicado

Pelo quarto ano consecutivo, Várzea Grande contabilizou saldo positivo e ascendente em relação às metas e diretrizes estabelecidas pela prefeitura municipal dentro do Plano Estratégico Institucional (PDI). No exercício 2019, das 65 metas instituídas para execução ao longo do ano, 56 foram cumpridas, elevando o nível de conformidade do Município para 86,15%, revelando um ganho anual de 6,84% sobre o saldo de 2018. O resultado coloca Várzea Grande acima da média estadual entre as cidades mato-grossenses envolvidas com o PDI, que juntas, somaram índice de 77% de metas cumpridas do total estabelecido.

O desempenho de Várzea Grande é resultado de um esforço coletivo das 14 secretarias diretamente envolvidas com o planejamento estratégico municipal. Pela representatividade e importância à comunidade, a Educação se destaca ao apresentar os maiores avanços anuais. De dez metas de curto prazo estabelecidas, nove delas foram cumpridas. E mais: tiveram o resultado final aferido muito acima da expectativa inicial. Entre os principais propósitos da Pasta estavam a ampliação da oferta de vagas na Educação Infantil para crianças de 4 a 5 anos de 70% para 80%, mas a avaliação final apontou para um avanço real de 83,88%, acima do projetado no início do planejamento. Outro destaque da Educação foi em relação ao atendimento na Educação Especial, que inicialmente seria ampliado de 28,43% para 30%, mas encerrou 2019 com avanço de 40,50%.

O Planejamento Estratégico do Município de Várzea Grande, implantado em parceria com o Tribunal de Contas do Estado (TCE), consiste em um conjunto de objetivos, metas, indicadores e planos de ação, os quais deverão ser alcançados em curto, médio longo prazos, considerando o período estabelecido de até 2033. O PDI é uma ferramenta que objetiva contribuir para melhoria da eficiência dos serviços públicos, fomentando a adoção de um modelo de administração pública orientada para os resultados à sociedade. Os resultados referentes ao desempenho de 2019 foram apresentados ontem (11), aos técnicos do Tribunal de Contas do Estado, durante a primeira reunião ampliada do ano para traçar as novas estratégias do PDI para 2020, em Várzea Grande.

Desde que aderiu ao PDI do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso (TCE/MT), Várzea Grande, vem se destacando anualmente com resultados crescentes e melhoria constante na performance do planejamento estratégico para execução no curto prazo. “Há uma melhora exponencial no ano 2015, justamente após a posse da prefeita Lucimar Sacre de Campos. Deste momento em diante o PDI passou a ser prioridade dentro do plano de governo e cobrado de todas as secretarias”, explicou o secretário de Planejamento, Edson Roberto Silva, Pasta responsável pela coordenação do PDI.

“Não há dúvidas de que o PDI é um grande instrumento de governança para eficiência da máquina pública. Estamos concluindo um ciclo de cinco anos com sucesso, aprendizado e muitos resultados, sempre buscando dentro das metas a serem cumpridas, elevando a qualidade de vida da população”, pontuou a prefeita Lucimar Sacre de Campos, ao receber das mãos do secretário Edson o relatório do PDI com todos os resultados do exercício 2019.

O secretário disse ainda que no começo do planejamento de 2019, ele acreditava em novos avanços no cumprimento das metas, em razão do lastro de conquistas dos anos anteriores com o PDI. “Eu apostava em um índice de conformidade de metas de 82% que já estaria acima dos 79,31% consolidados em 2018. Graças ao trabalho em equipe, cooperação continua do TCE, estamos avançando cada vez mais e nos surpreendemos com nossos esforços e chegamos a esse resultado”.

Como faz questão de explicar Edson, em 2015, por exemplo, foram estabelecidas 38 metas, das quais 17 foram atingidas, o que gerou um nível de conformidade de 44,74%. Em 2018, foram 61 metas, das quais 46 foram atingidas, confirmando um nível de realização de 79,13%. No ano passado as metas foram elevadas para 65, das quais 56 metas foram cumpridas, consolidando um percentual de conformidade de 86,15%. “Mais do que ampliar indicadores de conformidade, estamos reduzindo o nível de metas não cumpridas. De 2018 para 2019, passamos de 15 não cumpridas para nove e essas foram cada uma analisadas e serão reinseridas no planejamento e voltarão a receber esforços para sua concretização. “Outras não foram realizadas por muito pouco. Como, por exemplo, a meta da secretaria de Gestão Fazendária que planejou ampliar em 100% a arrecadação do ISSQN, contabilizou 99,60%. Ou seja, chegou muito perto. Mas devemos considerar que, de 2015 a 2019, a receita gerada pelo IPTU passou R$ 11 milhões para R$ 26 milhões. Está mais que evidente que os esforços existem e dão resultados. As metas são factíveis e se concretizam em Várzea Grande”.

O Controlador Geral do Município, Kleber Ferreira Ribeiro, observou durante a apresentação do relatório final que na prática, as metas cumpridas se revelam em resultados dentro do próprio Tribunal de Contas. “Várzea Grande tinha até 2015, 30 apontamentos na sua prestação anual de contas, caiu para oito em 2018 e no ano passado chegou a seis. Queremos chegar a zero em 2020”.

Para o secretário de Apoio às Unidades Gestoras do TCE/MT, Adjair Roque de Arruda, o PDI revela que mesmo sob um cenário de escassez de recursos, com planejamento, é possível fazer. “Temos aqui em Várzea Grande um trabalho de parceria. O grande ganhador é a sociedade. São 23 municípios integrados ao PDI e sabemos que esse trabalho de consolidar a cultura da continuidade de políticas públicas não é tarefa fácil. Mas os dados nos mostram que estamos no caminho certo. Essas cidades que integram o Programa estão caminhando, se superando a cada ano e melhorando os próprios indicadores no curto, médio e longo prazos”.

O analista técnico de Gestão do TCE/MT, Volmir Manhabosco, avaliou o resultado do PDI de Várzea Grande como “excepcional”, e destacou ainda que o desempenho segue nível crescente. “Os resultados estão sendo bem aferidos e ilustram a boa gestão que vem sendo realizada”.

O relatório final do PDI 2019 de Várzea Grande está disponível no Portal da Transparência, no site institucional da prefeitura, por meio do link: http://www.varzeagrande.mt.gov.br/portal-da-transparencia

Por: Marianna Peres – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Programa ‘Escola em Tempo Ampliado’ já atende mais de 1.700 alunos em Várzea Grande

Publicado

Com o início do ano letivo, as atividades do programa ‘Escola em Tempo Ampliado’ (ETA), nas unidades da rede municipal de Ensino de Várzea Grande, também estão sendo retomadas.  Este ano, a Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer ampliou de 17 para 22 o número de escolas participantes, beneficiando mais 380 alunos que serão atendidos pelo Programa idealizado e implementado em 2015 por iniciativa da prefeita Lucimar Sacre de Campos. Totalizando  1.736 alunos incluídos no programa que é mantido por recursos municipais.

Através do Programa ETA, a Secretaria de Educação tem alcançado resultados positivos nas ações pedagógicas, culturais, de inserção social, provocando mudanças no perfil dos estudantes, até na forma com que muitos alunos encaram o ambiente escolar, familiar e a comunidade onde vivem.

O secretário Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer de Várzea Grande, Silvio Fidélis, ressalta que o programa é uma busca da melhoria no desempenho dos estudos, na utilização do tempo ocioso e o aproveitamento desse tempo para afastar o aluno de atividades que o levem a problemas de risco social,no contato com atividades de lazer, esporte e cultura, além da melhoria no relacionamento familiar e no desenvolvimento de sua autonomia estão entre os benefícios comprovados pela permanência do aluno na escola, como consta nos relatos de alunos, pais de alunos, professores, coordenadores e gestores das unidades escolares onde o projeto foi implantado.

“Precisamos avançar nos resultados e isso é uma tarefa de todos, no dia-a-dia na escola, em nossas atividades nas oficinas com os alunos, precisamos de todo o empenho, dinamismo e profissionalismo de cada um para alcançarmos o padrão de excelência nos processos de ensino aprendizagem que tanto almejamos”,explicou o secretário.

Silvo disse ainda que o projeto foi ampliado e reforçado para o ano letivo de 2020. E reforçou o empenha da gestão em oferecer uma educação cada vez mais ampliada e de qualidade para as crianças de Várzea Grande.

A articuladora do projeto na Escola Municipal Honorato Pedroso de Barros, Marcia Conceição Coelho, explica que os alunos dão entrada no ensino regular às 7h, onde permanecem até às 11h. “Esses Possuem o espaço direcionado especialmente para eles dentro da escola, recebem o almoço e em seguida levados para o descanso. Às 13h começam a serem ministradas as oficinas. Todos os dias são oferecidas cinco disciplinas diferentes com uma rotatividade entre os alunos”, explica a articuladora.  

Entre as oficinas estão, aulas de reforço escolar, letramento, oficinas de artesanato, informática, raciocínio lógico, dança, teatro e música, além das atividades esportivas, culturais e de manuseio com a terra, na criação e manutenção das hortas escolares. Todo o trabalho é promovido em constante avaliação do corpo técnico, composto por profissionais da Secretaria de Educação, destacado para o acompanhamento sistemático do Programa ETA nas escolas onde ele é desenvolvido. 

Ana Paula Gonçalves da Silva, mãe de Mikaelly Gonçalves da Silva de 9 anos, que cursa o 4º ano na escola Honorato Pedroso, está comemorando a participação da filha no projeto. “Além de saber que ela participará de várias atividades, possibilidade de interação com as outras crianças, a tarefa de casa será feita ainda na escola. Isso vai me ajudar muito, porque eu trabalho durante todo o dia, e fazíamos as tarefas no período da noite, o que ficava cansativo pra ela e para nós.Fora que ela permanecer na escola aumenta as chances de aprender mais”.  

A diretora da escola Honorato Pedroso de Barros , Marilene Silva, deixou claro em seu depoimento, a satisfação em estar junto com a escola desenvolvendo o projeto. “Quando o projeto chegou na escola a gente se assustou um pouco, devido ao grande desafio que estava começando.  Hoje o projeto é visto como um presente para nós, para os pais e para as crianças que adoram e participam ativamente das oficinas. Ano passado estávamos com 60 alunos inclusos no projeto, esse ano esse número aumentou para 80 e a expectativa é que esse número aumente ainda mais.Observamos melhor desempenho escolar, maior concentração e satisfação nos alunos do projeto”.

Desde sua implantação na rede municipal de Várzea Grande, o Programa Escola em Tempo Ampliado – ETA já atende mais de 1.700 alunos e em 2020 passa a atender também as EMEB’s “Eunice Cesar de Mello”, “Professora Rita Auxiliadora Campos Cunha”, “Mario Antunes Almeida”, “Alino Ferreira de Magalhães” e “Joaquim da Cruz Coelho”. 

Por: Letícia Kathucia – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Continue lendo

Várzea Grande

Prefeitura de Várzea Grande terá ponto facultativo no período de Carnaval

Publicado

O funcionamento dos órgãos que integram o Poder Executivo Municipal de Várzea Grande sofrerão alterações em seu experiente na próxima semana de carnaval. Conforme o estabelecido no Decreto de número 65, no dia 24 de fevereiro, segunda-feira, será ponto facultativo no âmbito da administração pública municipal. O dia 25 de fevereiro, terça-feira de carnaval, é feriado municipal e no dia 26 de fevereiro, Quarta-Feira de Cinzas, o expediente será retomado a partir das 13h.

O Decreto Municipal não modifica, altera ou suspende o atendimento em áreas essenciais e emergenciais, como nas unidades de saúde UPA 24h e no Pronto-Socorro, bem como, na rotina dos serviços de limpeza urbana e das ações e plantões da Guarda Municipal e da Defesa Civil, que funcionarão em sistema de plantão.

O ponto facultativo não interfere na rotina do comércio da cidade e nas atividades privadas. Em comunicado emitido pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL Cuiabá e de Várzea Grande), a entidade esclarece que lojistas poderão abrir suas lojas normalmente nos seus horários habituais sem implicação de ônus trabalhista, inclusive mantendo expediente normal na Quarta-Feira de Cinzas.

A CDL frisa que cabe ao empregador avaliar a viabilidade de funcionamento do seu negócio no período do Carnaval, bem como, a necessidade de criar horários diferenciados.

Os bancos não abrirão ao público na segunda e terça, dias 24 e 25. Na Quarta-Feira de Cinzas, o atendimento será retomado a partir do meio dia.

O texto do Decreto Nº 65 de 12 de novembro de 2019 é baseado em leis de âmbito federal, estadual e municipal, e apresentam oito feriados nacionais, quatro feriados municipais e um estadual.

Por: Marianna Peres – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana