conecte-se conosco


Curiosidades

Turista dá socos em crocodilo e salva amiga de ataque; jovem passou por cirurgia

Publicado


source
Amelie Osborn-Smith
Reprodução

Amelie Osborn-Smith

Uma mochileira britânica foi atacada por um  crocodilo no Rio Zambeze e acabou salva por um amigo, que deu socos no réptil, quando ele já fazia a vítima girar sob a água — um movimento tradicional que a espécie faz com suas presas a fim de subjugá-las.

Amelie Osborn-Smith, de 18 anos, estava em uma parada do rafting perto das famosas Cataratas Vitória, na Zâmbia, quando foi terrivelmente atacada.

A jovem estudante, que desfruta de um ano sabático, estava nadando com o amigo quando o animal de 3 metros de comprimento prendeu suas poderosas mandíbulas em uma das suas pernas e a puxou para um aterrorizante “giro mortal”. Amelie não resistiria muito tempo debaixo da água. Foi quando o amigo desferiu golpes potentes que fizeram a mochileira se libertar dos dentes afiados do crocodilo.

“Então outros entraram para ajudar. Foi um caos. Havia sangue e pessoas se debatendo por toda parte. Ela tem sorte de estar viva”, disse ao ” Sun ” uma testemunha do ataque.

Amelie foi levada de helicóptero a um hospital em Lusaka, capital do país, onde passou por cirurgias. Brent Osborn-Smith, de 60 anos, o pai da vítima, disse que a britânica se encontra em estado estável. Segundo ele, a filha se sentiu segura para nadar após ser informada por guias que a área era segura.

Leia Também

“Graças à intervenção de outros, ela sobreviveu e está recebendo cuidados apropriados. É um grande choque para a família”, disse a baronesa alemã Veronika von Pfetten-Arnbach, a mãe da jovem.

Vários turistas morreram e outros acabaram mutilados após ser atacados por crocodilos nas águas infestadas do Rio Zambeze.

Três anos atrás, uma noiva, que estava na mesma área, perdeu um braço quando um enorme crocodilo de 5 metros de comprimento a atacou apenas cinco dias antes do seu casamento. Incrivelmente, a ex-tenista zimbabuense Zanele Ndlovu saiu da cirurgia e foi em frente com seu casamento com o britânico Jamie Fox. Em outro episódio, um barco com turistas britânicos acompanhou a cena de um imenso crocodilo comendo o que parecia ser um animal de grande porte. Era um homem.

Outras vítimas incluem moradores de regiões próximas que usam o rio como fonte de água. Uma delas, uma criança de 11 anos perdeu a vida ao buscar água para a família no Zambeze.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Curiosidades

Família abre caixão durante velório e encontra corpo de outra pessoa

Publicado


source
Sonya White,de 51 anos, morreu repentinamente; corpo foi trocado e família levou susto durante funeral
Reprodução

Sonya White,de 51 anos, morreu repentinamente; corpo foi trocado e família levou susto durante funeral

Familiares levaram um grande susto quando abriram o caixão durante o velório em Ohio, nos Estados Unidos . A funerária responsável por realizar todos os procedimentos do funeral de uma mulher de 51 anos confundiu dois corpos e acabou enviando a pessoa errada para a despedida.

O corpo estava com a roupa escolhida para o velório de Sonya White, que morreu repentinamente, assim como sua peruca favorita. No entanto, não era ela quem vestia os acessórios e a roupa.

“Foi traumático. Ninguém deveria passar por isso com seu ente querido. Eu nunca na minha vida vi algo assim antes”, comentou Lisa Harden, prima de Sonya ao site ‘The Mirror’ . Segundo a funerária, que pediu desculpas e concordou em pagar pelos serviços, houve um equívoco e os corpos foram trocados. Diante do erro, os familiares, que já estavam abalados com a situação, lamentaram ainda mais.

“Tudo o que escolhemos para minha irmã, escolhemos com amor. Escolhemos exatamente o que achamos que ela iria gostar. Você espera que seu ente querido seja tratado com cuidado, e ser tão descuidado com o membro da família de alguém é imperdoável”, declarou a irmã de Sonya ao WBDJ7 .

Com a confusão, a família declarou que pretende abrir um processo contra a empresa.

Continue lendo

Curiosidades

EUA: homem é encontrado morto em casa cercado por mais de 125 cobras

Publicado


source
Homem é encontrado morto com mais de 100 cobras
reprodução / Twitter

Homem é encontrado morto com mais de 100 cobras

Em Maryland, nos Estados Unidos , um homem de 49 anos foi encontrado morto dentro de casa cercado por mais de 100 cobras venenosas e não venenosas, segundo autoridades locais.

Um vizinho acionou a polícia ao ir até a casa do morador procurá-lo, após ficar sem vê-lo por mais de um dia. Ao chegar na residência, encontrou o homem caído no chão e inconsciente.

O homem foi declarado morto pelo Corpo de Bombeiros assim que eles chegaram na casa. Segundo a polícia, não havia evidências de crime e o corpo da vítima foi transportado para o Gabinete do Médico Legal em Baltimore para realizar uma autópsia. 

Na ocasião, a corporação também descobriu que mais de 100  cobras de diferentes espécies estavam dentro da casa. Os répteis eram desconhecidos pelos vizinhos e o controle animal foi acionado para resgatá-los.

Leia Também

Ao canal  WUSA9 , a posta-voz do controle animal, Jennifer Harris, disse que o departamento havia “ensacado” mais de 125 cobras e afirmou que os vizinhos não devem se preocupar.

“Quero garantir à comunidade, [e] a qualquer pessoa que viva neste bairro, que nenhuma cobra poderia ter escapado”, disse ela ao canal. “Eu sei que as pessoas estavam preocupadas de que houvesse algum perigo para quem mora nas proximidades, mas, neste momento, nenhuma das cobras deixou de ser capturada após a morte deste senhor.”

De acordo com a mulher, uma píton birmanesa de 4,2 metros foi a maior cobra encontrada na casa. Em 30 anos de experiência, Harris disse que o chefe do controle de animais nunca tinha visto uma coleção de cobras tão grande.

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana