conecte-se conosco


Carros e Motos

Toyota volta a oferece Camry no Brasil, mas agora em versão híbrida

Publicado

source


Toyota Camry XLE: tomando como base a gasolina sem os 27% de etanol, o consumo médio é de 23,2 km/l
Divulgação

Toyota Camry XLE: tomando como base a gasolina sem os 27% de etanol, o consumo médio é de 23,2 km/l

A Toyota anuncia o retorno do sedã Camry ao mercado brasileiro, que agora será importado apenas em versão única XLE híbrida (R$ 331.790). Dessa forma, sai de cena o tradicional motor V6 a combustão e entra o 2.5, de quatro cilindros, que funciona auxiliado por mais três elétricos.

De acordo com a Toyota, o motor a combustão rende de 178 cv e torque de 22,5 kgfm a 3.600 rpm e os três motores elétricos somam 120 cv e 20,6 kgfm de torque . Combinados, os propulsores resultam numa potência máxima de 211 cv que é transmitida às rodas da frente com ajuda do câmbio automático CVT.

O Camry conta com quatro modos de condução: Normal, Eco, EV (100% elétrico) e Sport, que se adaptam ao estilo do condutor e, principalmente, ao tipo de terreno, entregando mais ou menos potência, além de maior eficiência e uma rodagem mais sustentável.

Por dentro, painel central com acabamento em soft touch e detalhes de madeira no padrão black engineered wood , além de adornos cromados dão o ar de sofisticação ao sedã . Não pode faltar o teto solar panorâmico e sistema de iluminação ambiente com LEDs.

Na segurança, o Toyota Safety Sense , composto de Alerta de Mudança de Faixa com condução assistida (LDA), o Sistema de Pré-colisão Frontal (PCS) atualizado e a função de Assistência de Direção de Emergência (ESA), que auxilia o motorista na execução de manobras e desvios de obstáculos.

O TSS do Camry conta também com Controle de Cruzeiro Adaptativo (ACC) com alerta sonoro e visual, Faróis altos automáticos (AHB), além da detecção de automóveis e frenagem automática de emergência que estão inclusos no PCS.

O Camry XLE  tem garantia de 5 anos, com o acréscimo de 3 anos em garantia para o sistema híbrido, ou 100 mil km (o que ocorrer primeiro).

Fonte: IG CARROS

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carros e Motos

Kawasaki lança edição limitada da ‘Z900 Edição de Aniversário’

Publicado


Kawasaki Z900 Edição de Aniversário vem com pintura especial entre outros detalhes
Divulgação

Kawasaki Z900 Edição de Aniversário vem com pintura especial entre outros detalhes

Em comemoração aos 50 anos de lançamento mundial da ‘Linha Z’ , a Kawasaki está lançando a ‘Z900 Edição de Aniversário’ .

A supernaked quadriciclíndrica de 948 cm³ recebeu melhorias no sistema de iluminação totalmente de LED , painel de controle digital e, principalmente, um design que homenageia as antigas ‘Z’ dos anos oitenta.

O estilo pode ser identificado, rapidamente, pela sua coloração. Com rodas, tanque e carenagens pintados de vermelho ( firecracker red ), o modelo reverencia a lendária Z1100GP , que trazia, na época, esta cor como assinatura da Kawasaki .

Além disso, o novo visual da ‘Z900 Edição de Aniversário’ traz diversos grafismos em azul escuro e prata, que acentuam o vermelho vivo, assim como o emblema ‘Z’ e o logotipo da Kawasaki estampados em dourado.

O painel 100% digital (TFT) de 4,3 polegadas traz várias funções, incluindo conexão bluetooth que permite conexão com celular e aplicativo ‘RIDEOLOGY THE APP’ com dados sobre a pilotagem (velocidade, inclinação, atuação da ‘força g’, tempo por volta, entre outros).

A moto também vem com a função ‘Modos de Pilotagem Integrados’ que permite ajuste ideal de acordo com o tipo e condição de pilotagem. Utilizando o controle de tração e os modos de potência da moto, a ferramenta disponibiliza três configurações pré-estabelecidas de fábrica (esportiva, estrada e chuva) e também a opção de o piloto ajustar manualmente e realizar uma configuração totalmente personalizada.

Prevista para chegar este mês às lojas, a edição limitada da Kawasaki Z900 terá apenas 200 unidades fabricadas que acompanham um box comemorativo contendo um livro com a história da ‘Linha Z’ e um chaveiro. O modelo tem preço sugerido de R$ 61.640.

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Carros e Motos

Engenheiro brasileiro converte Ford Ranger 95 em veículo elétrico

Publicado

Ford Ranger convertida para funcionar com motor elétrico sendo carregada ao lado do Audi E-Tron
Arquivo pessoal

Ford Ranger convertida para funcionar com motor elétrico sendo carregada ao lado do Audi E-Tron

Carros elétricos cada vez despertam mais interesse dos consumidores, apesar do alto custo, em alguns casos a troca por modelos híbridos até faz sentido. Mas, que tal transformar um carro em elétrico por curiosidade e paixão?

Foi exatamente isso que o Engenheiro elétrico Henderson Martins, colecionador de picapes da linha Ranger fez com um modelo 1995 há cerca de dois anos, quando decidiu unir sua paixão pela picape ao seu trabalho em uma companhia de energia solar.

O engenheiro afirma que a idéia nasceu após uma viagem à Alemanha, onde teve contato com carro elétrico e voltou fascinado. Após anos de estudo, aplicou seu conhecimento à picape da Ford.

Ford Ranger recebeu investimentos equivalentes a R$ 80 mil para ser convertida para ser 100% elétrica
Arquivo pessoal

Ford Ranger recebeu investimentos equivalentes a R$ 80 mil para ser convertida para ser 100% elétrica

Henderson se preocupou em ter o máximo de cuidado possível e a Ranger foi montada utilizando padrões norte-americanos e europeus de segurança nos motores, baterias e entrada de carregador , que é do Tipo 2, comum na Europa e o mais encontrado nos eletropostos no Brasil.

A conversão não foi barata, o engenheiro afirma ter gastado cerca de R$ 80 mil para a conversão total na época, mas agora, o valor superaria a faixa dos R$150 mil. A Ranger prateada é equipada com uma bateria de 66kWh, que sozinha custa US$ 12 mil (cerca de R$ 65 mil na conversão direta).

As fabricantes afirmam que o que o maior custo em um carro elétrico vem das baterias, e a Ranger de Henderson comprova isso. Segundo o engenheiro, o carro era utilizado diariamente pelas ruas de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, mas agora está encostado por um motivo muito especial.

O engenheiro afirma que irá instalar um motor de Tesla na picape, mas não revelou os custos, nem a potência do motor comprado.

Ford F-100 Eluminator é outra picape da marca norte-americana convertida  para funcionar com motor elétrico
Divulgação

Ford F-100 Eluminator é outra picape da marca norte-americana convertida para funcionar com motor elétrico

Antes, Henderson afirmava que conseguia rodar uma média de 300 km com uma carga completa , e não pagava nada pela carga, já que possui um posto de recarga na frente de sua empresa, e utiliza energia solar para carregar a Ranger .

Podemos dizer que Henderson se adiantou à própria Ford , que anunciou a F-150 Lightning , sua primeira picape elétrica no ano passado, e recentemente criou a F-100 Eluminator .

O nome é por conta do motor elétrico da picape, que é o mesmo que equipa o Mustang Mach-E e gera 281 cv. É comercializado nos Estados Unidos por cerca de US$ 4,300 (R$ 23,600).

Fonte: IG CARROS

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana