conecte-se conosco


Esportes

Timão faz grande segundo tempo e vira contra o Fortaleza, no Castelão

Publicado

Lance

Corinthians arrow-options
Reprodução/Corinthians

Corinthians comemora vitória fora de casa, no Castelão

A partida entre Corinthians e Fortaleza, neste domingo, mostrou a diferença que uma conversa no intervalo pode fazer. O Timão fez um primeiro ruim, saiu atrás no placar, mas voltou outro para a etapa final. Com uma nova grande atuação de Pedrinho, e gols de Boselli e Danilo Avelar, o Alvinegro venceu os cearenses por 3 a 1 e continua invicto após a parada para a Copa América. Com o resultado, a equipe paulista termina a 12ª rodada do Brasileiro na oitava posição.

LEIA MAIS: Atlético-MG empata com o Goiás e retoma posição no G4

A próxima rodada de Corinthians e Fortaleza no Brasileiro é de clássicos. No sábado, o Tricolor do Pici encara o Ceará, no Castelão, e no domingo, o Timão enfrenta o Palmeiras, em Itaquera. Antes, porém, os paulistas vão ao Uruguai duelar com o Montevideo Wanderers no jogo de volta das oitavas de final da Copa Sul-Americana.

LEIA MAIS: Santos bate o Avaí e assume a ponta isolada do Brasileirão

LEÃO MOSTRA AS GARRAS
O Fortaleza iniciou o duelo pressionando a saída de bola paulista. Aos três, Dias aproveitou a sobra de um chute de Romarinho e cruzou rasteiro para Wellington Paulista, mas Cássio fez o desvio providencial. O Leão ficou a centímetros de abrir o placar.

GAVIÃO RESPONDE
Aos poucos, a superioridade do elenco alvinegro apareceu e o Timão avançou em campo. Vital, com um chute de longe, após bom pivô de Boselli, assustou. Pedrinho também foi bem. Cada vez mais maduro, o meia foi mais uma vez a válvula de escape do Timão e criou boas chances pelo lado direito de ataque.

LEIA MAIS: Flamengo vence clássico eletrizante contra o Botafogo no Maracanã

FESTA NO PICI
Depois da leve melhora corintiana, o Fortaleza voltou ao comando da partida. Kieza, após jogada de Wellington Paulista, e Roger, pelo alto, quase marcaram. O placar mexeu mesmo após o cruzamento de Gabriel Dias para Osvaldo. O camisa 11 cabeceou para trás, a bola bateu na perna de Manoel e entrou no gol defendido por Cássio, fazendo explodir o Castelão.

PEDRINHO É O CARA!
O Corinthians voltou para o segundo tempo mostrando bom volume de jogo pela esquerda, mas não conseguia finalizar. Até que Pedrinho apareceu. Primeiro, o camisa 38 cruzou da direita, Boselli ganhou da zaga cearense pelo alto e empatou de cabeça. Depois, o jogador de 21 anos recebeu de Vital, fez linda jogada individual para ganhar de Roger Carvalho e bater cruzado, virando tudo para o Timão.

MÍSSIL NADA ALEATÓRIO
O golpe de misericórdia da equipe paulista contra os cearenses veio dos pés de Danilo Avelar. O lateral-esquerdo arriscou do meio da rua e acertou a gaveta de Felipe Alves, sem chance de defesa para o goleiro. Era o 3 a 1 e a virada alvinegra no Ceará .

FICHA TÉCNICA
FORTALEZA 1 X 3 CORINTHIANS

Local: Castelão, Fortaleza (CE)
Data-Hora: 28/7/2019 – 19h
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa-GO) Nota L!:
Assistentes: Bruno Raphael Pires (Fifa-GO) e Cristhian Passos Sorence (CBF-GO)
Árbitro de vídeo: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes de árbitro de vídeo: Rodrigo Nunes de Sá (CBF-GO) e Leone Carvalho Rocha (CBF-GO)
Gramado: Regular
​Renda e Público: não divulgado
Cartões Amarelos: Juninho, Gabriel Dias (FOR); Michel (COR)

GOLS: Osvaldo 39’/1ºT (1-0), Boselli 21’/2ºT (1-1), Pedrinho 25’/2ºT (1-2), Danilo Avelar 35’/2ºT (1-3)

FORTALEZA
Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Roger Carvalho (Felipe Pires, 31’/2ºT) e Carlinhos; Felipe, Juninho, Romarinho (Marlon, 19’/2ºT) e Osvaldo (Edinho, 12’/2ºT); Kieza e Wellington Paulista. Técnico: Rogério Ceni

CORINTHIANS
Cássio; Michel Macedo (Fagner, 23’/2ºT), Gil, Manoel e Danilo Avelar; Gabriel; Pedrinho, Junior Urso (Matheus Jesus, 43’/2ºT), Mateus Vital e Everaldo (Clayson, 30’/2ºT); Boselli. Técnico: Fábio Carille

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Esportes

Botafogo e Fluminense querem impugnação do arbitral da Ferj

Publicado


.

A bola segue dividida entre os grandes clubes cariocas. Seguindo diversos protocolos de segurança para evitar o novo coronavírus (covid-19), Vasco e Flamengo defendem a volta do futebol. Do outro lado, Botafogo e Fluminense se mantêm contrários e pedem agora o cancelamento do arbitral da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), que tinha o aval da Prefeitura do Rio de Janeiro para voltar aos treinos na próxima terça (26) e prevê o reinício do campeonato estadual em 14 de junho.

Em coletiva nesta segunda (25), o prefeito do Rio, Marcello Crivella explicou que o retorno da competição vai depender da curva de casos da doença no próximo mês: “Nós propusemos jogos em julho sem torcida, mas os clubes pediram para verificar a curva em meados de junho. Se será na segunda quinzena de junho a volta do Carioca, ainda não podemos prometer”.

Alvinegros e tricolores não estiveram presentes na reunião da Ferj com a Prefeitura e agora pedem o cancelamento das decisões tomadas pelo Arbitral. O documento, assinado pelos presidentes Nelson Mufarrej e Mário Bittencourt (Botafogo e Fluminense), traz 30 itens e considera precoce o retorno do futebol, indicando como desnecessário colocar em risco a saúde de atletas, funcionários e familiares deles neste momento.

Uma saída apontada pelo arbitral seria realizar jogos em locais menos afetados pela pandemia. Segundo o boletim divulgado na noite desta segunda pela Secretaria Estadual de Saúde, o Rio tem 39.298 casos e covid-19 e 4105 óbitos. Deste número, 22.466 casos se concentram na capital, que registra 2.831 mortes.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

Crivella diz ter acordo para retorno de treinos, mas Fluminense nega

Publicado


.

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou nesta segunda (25) um plano de retorno do futebol na cidade. Assim, os treinamentos coletivos, como os trabalhos táticos e físicos, serão permitidos a partir de junho. Levando em consideração decreto municipal em vigor, que estabelece as regras de isolamento social de combate ao novo coronavírus (covid-19), atualmente estão liberadas somente atividades médicas e de fisioterapia.

“Volta ao gramado! Em comum acordo, ficou estabelecido que os treinos e rachões serão permitidos a partir de junho, respeitando o protocolo de segurança para atletas e outros profissionais envolvidos. Já conseguimos ver no horizonte um retorno, mas que não é agora. Quero agradecer aos clubes que aceitaram o acordo para a volta dos treinamentos no mês de junho. Dependendo das curvas, marcaremos então as datas para os últimos jogos do campeonato que ficou por terminar”, declarou Crivella.

Esta foi a primeira entrevista coletiva concedida pelo chefe do executivo municipal após reunião neste domingo (24) com os clubes da Série A do Carioca e a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj). O prefeito diz que Botafogo e Fluminense, os únicos ausentes de ontem, concordaram em conversa por telefone com a sinalização de retorno. Porém, em nota, o tricolor nega qualquer contato do prefeito: “O Fluminense vem a público esclarecer que não fez nenhum contato telefônico com a Prefeitura e tampouco com o prefeito, seja para tratar da reunião em que se discutiu a volta do futebol ou para qualquer outro assunto”.

Já o Alvinegro se manifestou através de sua conta no Twitter, confirmando o diálogo com Crivella: “O Botafogo confirma contatos telefônicos com o prefeito Marcelo Crivella, onde reforçou seu posicionamento e pontuou que o momento não é de retomar os treinamentos presenciais, sugerindo que seja realizado em oportunidade futura, dependendo do estágio da covid-19. Com a sugestão para os treinos ocorrerem somente a partir de 1/6 e volta dos jogos no período entre 28/6 e 4/7”.

O Flamengo, que emitiu nota na semana passada ratificando a retomada dos treinamentos na última quarta (20) no Centro de Treinamento George Helal (Ninho do Urubu), o que ainda não é permitido por decreto municipal, disse que mantém as atividades no CT hoje, mas não explicou como serão os trabalhos: “O Clube de Regatas do Flamengo informa que todos os atletas e colaboradores da comissão técnica testaram negativo no exame semanal de coronavírus, realizado nesta segunda (25), no CT. O clube reforça que trabalha em acordo com o protocolo da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) para conceder a biossegurança necessária no Departamento de Futebol”.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana