conecte-se conosco


Mato Grosso

Técnicos da Empaer participam de curso sobre produção de algodão regenerativo em sistemas agroflorestais

Publicado


Técnicos da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) estão participando do curso de capacitação de produção de algodão regenetarivo em sistemas agroflorestais para a Região do Vale do Araguaia. Realizada na cidade de Canarana (a 823 km de Cuiabá), a qualificação tem o objetivo de dar continuidade aos treinamentos dos agentes mutiplicadores do Projeto AGROcotton que visa a agricultura sustentável a produtores familiares do Estado.

Na prática, os técnicos capacitam os produtores para a implementação do sistema agroflorestais com o cultivo do algodão regenetarivo para o ano de 2022, com a possibilidade de extensão do cultivo e da compra para os anos seguintes.

O curso foi dividido em teoria e prática. De segunda-feira a quarta-feira (06 a 08.12), as aulas acontecem no auditório do Sindicato Rural, no centro de Canarana. Na quarta-feira (08), no período da tarde e na quinta-feira (09), será na Unidade Demonstrativa Algodão Regenetativo, no Parque de Exposição Luiz Cancian.

Na programação consta apresentação do Projeto AGROcotton – Algodão Regenetativo e os parceiros envolvidos na iniciativa; Histórico dos sistemas de produção ecológica; Transição Agroecologia e Sistemas Agroflorestais; Princípios e práticas agroeconológicas com ênfase no manejo ecológico do solo; Apresentação de experiências agroecológicas da região;   Fundamentos técnicos dos sistemas agroflorestais e biodiversidade; Intensificação ecológica e econômica através de sistrmas agroflorestais; Planejamento da implantação e da condução das áreas do Projeto; A cultura do algodoeiro e o Uso e produção de bionsumos.

O curso é uma realização da Embrapa, Empaer, Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (Seaf) e Farfarm. Os apoiadores são Sindicato Rural de Canarana, Prefeitura e Câmara Municipal.   

Sobre a Farfarm – É uma empresa brasileira especializada em projetos de supply chain regenerativos. Sua missão é transformar a indústria têxtil no Brasil. Por meio da agrofloresta, ela estabelece cadeias produtivas virtuosas para abastecer o mercado têxtil de matérias-primas genuinamente ecológicas, apoiando pequenos produtores e, portanto, gerando baixo impacto socioambiental.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Ação conjunta apreende armas e drogas na fronteira de Mato Grosso com a Bolívia

Publicado


Durante a Operação Hórus/Vigia, em continuidade a Força Tarefa do Grupo Especial de Fronteira (Gefron) e Força Tática do Comando Regional 2 para combate aos crimes na fronteira de Mato Grosso com a Bolívia, foram apreendidas três armas, sendo um simulacro, e entorpecentes no município de Poconé (104 km de Cuiabá).

As duas primeiras ocorrências foram registradas na última sexta-feira (21.01), quando os agentes, em patrulhamento pelo bairro João Godofredo, avistaram um grupo que estava fazendo o uso de bebida alcoólica.

Durante entrevista, fora encontrado com um dos suspeitos, um simulacro de arma de fogo. No bolso do rapaz foi encontrado um porta-moedas contendo 10 porções de substância análoga a cocaína e uma porção média de substância análoga à pasta base cocaína.

Já durante revista a um segundo suspeito, foi encontrado com ele 14 porções de substância análoga à maconha. Foi dado voz de prisão aos suspeitos, momento em que tentaram foragir do local.

Foram utilizadas técnicas de controle e submissão e material de menor potencial ofensivo. Mediante a situação, os suspeitos foram encaminhados à Delegacia Municipal de Poconé para confecção do boletim e demais procedimentos cabíveis. Na unidade policial, foi constatado prejuízo ao crime de R$ 2,5 mil.

Já a segunda ocorrência foi registrada no bairro São Judas Tadeu, quando os agentes receberam denúncia anônima de que em uma residência um homem estava com uma arma de fogo escondida.

De imediato, os militares se deslocaram até a residência, procuram pelo proprietário que informou que a arma, tipo pistola, estava escondida no quintal de sua residência. Os agentes encontraram ainda um carregador e três munições 9 milímetros. Nessa ocorrência, o prejuízo ao crime é de R$ 6,5 mil.

E no sábado (22.01), ainda no município de Poconé, durante patrulhamento pelo bairro Boa Nova, as equipes policiais se depararam com dois indivíduos em atitude suspeita, momento em que foi feita a abordagem policial e durante a busca pessoal foi encontrado em poder do suspeito, uma porção de substância análoga a maconha, dado então voz de prisão ao suspeito.

De imediato, foram feitas diligências até a residência do suspeito no bairro Cruz Preta. O homem informou que havia mais entorpecentes escondidos em seu quintal. Os agentes então encontraram um pote com diversas porções de substância análoga à maconha e R$ 128 em espécie. Os suspeitos, os entorpecentes e o dinheiro foram entregues na delegacia do município.  

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Governo de MT amplia 40 leitos de UTI e 20 de enfermaria para tratamento da Covid-19

Publicado

 

Nos últimos seis dias, o Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), disponibilizou 40 novos leitos de Terapia Intensiva e 20 leitos de enfermaria para o tratamento da Covid-19.

Foram disponibilizados 50 novos leitos no Hospital Metropolitano, em Várzea Grande. Desse total, a ampliação de 10 leitos intensivos ocorreu na segunda-feira (17.01). Na terça-feira (18), a unidade de saúde implementou 10 leitos de enfermaria e na quinta-feira (20.01) foram disponibilizados mais 10 leitos de UTI.  Neste sábado (22), o hospital ampliou outros 10 leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI no local.

A unidade hospitalar atua como a principal referência estadual para o atendimento de pacientes com coronavírus e tem 100% da sua atividade destinada ao atendimento de demandas causadas pela Covid-19.

Com essa ampliação, a unidade de saúde passará a contar com o total de 50 leitos de UTI e 50 leitos de enfermaria para o tratamento da doença.

De acordo com o secretário Estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, a gestão estadual monitora as taxas de contaminação e ocupação hospitalar pela Covid-19 em Mato Grosso e trabalha medidas para serem implementadas conforme necessidade.

“Envidamos esforços para garantir o atendimento hospitalar à população mato-grossense. Já estamos monitorando o cenário atual da pandemia no Estado e, caso seja necessário, trabalharemos para novas ampliações”, declarou Figueiredo.

Outras ampliações

O Governo Estadual, em parceria com o município de Primavera do Leste, disponibilizou na última terça-feira (18) 10 novos leitos de UTI no Hospital e Maternidade São Lucas. Inicialmente, a SES irá financiar 100% do funcionamento, ou seja, R$ 2 mil a diária de cada um desses 10 novos leitos.

Esse valor será pago até que o município consiga a habilitação do leito por parte do Ministério da Saúde. Depois de autorizado e habilitado, o Governo Federal deverá investir R$1.600 e o Estado completará a diária com R$ 400.

Com essa ampliação, o Hospital e Maternidade São Lucas passará a contar com o total de 20 leitos de UTI e 30 leitos de enfermaria para o tratamento da doença.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana