conecte-se conosco


Esportes

Taxistas ameaçam bloquear acesso a Mônaco durante GP da Fórmula 1

Publicado


Lewis Hamilton correndo pela Mercedes
Gero Breloer/AP

Taxistas ameaçam bloquear acesso ao GP de Mônaco da Fórmula 1.

A organização da Fórmula 1 poderá ter um problema inusitado durante o GP de Mônaco. Isso porque um grup ode taxista está ameaçando bloquear os acessos ao principado.  O motivo do gesto seria protestar contra a postura do governo em relação aos aplicativos de transporte.

Leia também: Chefão da Fórmula 1 confirma GP do Brasil de 2020 no Autódromo de Interlagos

O grupo de  taxistas  de Nice que ameaça bloquear o acesso à  Mônaco durante a  Fórmula 1 é reincidente nesse tipo de protesto. Durante o Festival de Cannes, o grupo realizou uma manifestação semelhante. Para realizar o protesto, os taxistas terão que viajar 21 quilômetros, distância entre Nice e o Principado. 

Os motoristas protestam contra a política do governo em relação aos aplicativos de transporte particular. O grupo exige uma posição do governo. “Se não obtivermos satisfação, estamos prontos para ir mais longe. Se não tivermos uma resposta até 22 de maio, é simples. O dia 23 é o começo do GP de Mônaco e vamos bloquear tudo”, afirmou um taxista ao jornal francês Nice Matin.

Leia Também:  Agente cita depressão e diz que Carneiro não sabia que estava consumindo cocaína

Lewis Hamilton com o troféu do GP da Espanha
Getty Images

Hamilton é o líder da atual temporada da Fórmula 1 e chega ao GP de Mônaco para ampliar a vantagem.

O GP de Mônaco será a sexta etapa da  Fórmula 1 em 2019.  Até o momento, Lewis Hamilton e Valtteri Bottas, ambos da Mercedes, estão dominando o Campeonato. Atualmente, o líder é o pentacampeão mundial, com 112 pontos, sete a mais do que o colega finlandês. Verstappen, da RBR, é o terceiro colocado com 66 pontos. 


Fonte: IG Esportes
publicidade
1 comentário

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] Taxistas ameaçam bloquear acesso a Mônaco durante GP da Fórmula 1  O Documento […]

Esportes

Com gol de Daniel Alves, São Paulo bate Ceará no Morumbi

Publicado

A tarde de estreias no Morumbi foi coroada com a garantia de mais três pontos ao São Paulo no Campeonato Brasileiro. A 15ª rodada da competição levou 47.705 torcedores ao estádio na capital paulista para assistir a vitória dos mandantes por 1 a 0 em cima do Ceará. O herói foi justamente Daniel Alves, que vestiu a camisa 10 são-paulina pela primeira vez. O tento anotado com o novo uniforme azul da equipe ainda teve participação de Juanfran, outro veterano que está chegando ao Tricolor.

Apesar de toda euforia compreensível dos donos da casa, pelo lado cearense não faltou reclamação. Isso porque o árbitro pernambucano Gilberto Rodrigues Castro Júnior deixou de marcar o que para os visitantes fora pênalti claro cometido por Tiago Volpi em cima de Felippe Cardoso em meio ao segundo tempo. O VAR Rodrigo Nunes de Sá endossou a decisão de campo e gerou ainda mais indignação.

Polêmica à parte, o time de Cuca chegou aos 27 pontos, agora na quinta colocação, a cinco pontos do líder Santos e com um jogo a menos que os concorrentes diretos. Quarta-feira, contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada, o São Paulo se igualará em número de jogos com os demais e terá a chance de encostar ainda mais no topo.

Leia Também:  Brasileiro Feminino A-1: Sport-PE x Vitória-BA será no Ademir Cunha

O Vozão teve sua sequência de duas vitórias seguidas interrompida, caiu para a 11ª colocação, com 20 pontos, e terá nada menos que o Flamengo no próximo domingo pela frente. Ao menos, o jogo está agendado para o Castelão.

O resultado positivo do São Paulo em um domingo de muito calor, de fato, foi uma daquelas partidas de futebol em que o placar não reflete exatamente o que se viu em campo.

O Ceará conseguiu imprimir conter a empolgação são-paulina e foi mais perigoso no ataque. Desde o primeiro tempo, Tiago Volpi teve muito trabalho. Foram defesas e mais defesas para evitar que o adversário abrisse o placar.

Bastou uma vacilada de Luiz Otávio em jogada de Juanfran, já nos instantes finais da etapa inicial, para Raniel escorar e Daniel Alves estufar as redes. O Morumbi foi à loucura pelo autor do gol e ganhou uma sensação de alívio.

A segunda etapa não foi tão diferente. Talvez em função de tantos desfalques, casos de Arboleda, Hernanes, Alexandre Pato, Pablo e Rojas, o São Paulo sofreu para se entender com uma formação inédita.

Leia Também:  No Rei Pelé, CSA e Santos empatam sem gols pelo Brasileirão

Além do pedido de pênalti em saída espalhafatosa de Volpi em cima de Felippe Cardoso, o Vozão assustou em finalizações de Ricardinho e Samuel Xavier. Antes, Raniel chegou a mandar uma bola no travessão, mas foi só.

No fim, lamentação e revolta de um lado. Alívio e empolgação com a sequência positiva do outro, ainda mais com direito a gol de Daniel Alves, a bola da vez no Tricolor.

FICHA TÉCNICA SÃO PAULO 1 X 0 CEARÁ

Local: Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 18 de agosto de 2019
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Júnior (PE)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Clóvis Amaral da Silva (PE)
Cartões amarelos: Everton, Bruno Alves, Luan (SP); Lima, Samuel Xavier (CEA)
Público/Renda: 47.705 / R$ 3.353.610,00

GOL: São Paulo: Daniel Alves, aos 39 minutos do 1T.

SÃO PAULO: Tiago Volpi, Juanfran, Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Liziero (Luan), Tchê Tchê e Daniel Alves; Everton (Helinho), Antony (Vitor Bueno) e Raniel
Técnico: Cuca

CEARÁ: Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio (Tiago Alves), João Lucas; Fabinho, Ricardinho e Thiago Galhardo; Lima (Wescley)), Leandro Carvalho (Matheus Gonçalves) e Felippe Cardoso
Técnico: Enderson Moreira

Continue lendo

Esportes

Copa Verde: ‘Expressinho’ do Cuiabá despacha Iporá-GO nos pênalis e pega Costa Rica-MS, que eliminou Sinop

Publicado

JORGE MACIEL

Foi sofrido, mas os reservas do Cuiabá conseguiram a classificação para as quartas de final da Copa Verde ao eliminarem o Iporá nos pênaltis depois de perderem por 1 a 0 no tempo normal, em jogo realizado na Arena Pantanal.

Na partida de ida, realizada em Iporá, o Cuiabá havia vencido por 2 a 1. Como gol fora de casa não é critério de desempate, a decisão foi para os pênaltis. Classificado, o Dourado vai encarar o Costa Rica-MS nas quartas de final.

Precisando de uma vitória simples para levar a decisão para os pênaltis, o Iporá não se intimidou de jogar fora de casa e partiu para cima do Cuiabá. Logo aos dez minutos, Mirandinha chutou cruzado e Paulo Henrique defendeu. No rebote, Neverton finalizou e o goleiro mais uma vez salvou o Dourado. A bola ainda bateu no travessão.

Os donos da casa tentaram equilibrar a partida depois do susto inicial, mas quem quase abriu o placar novamente foi o Iporá. Aos 35 minutos, Wellington ficou com a sobra e passou para Danilo soltar a bomba. Paulo Henrique estava atento e fez grande defesa.

Leia Também:  Confira a agenda do futebol desta terça-feira, dia 30 de abril de 2019

O Cuiabá voltou mais ligado do intervalo e criou duas boas chances. Aos três, Hugo Cabral recebeu cruzamento de Jean Patrick e desviou. Weverton defendeu e viu a bola ainda bater no travessão antes de sair. Na sequência, Marino cabeceou com perigo.

Quando o Dourado estava melhor, o Iporá abriu o placar aos 35 minutos. Neverton recebeu dentro da área, cortou Ednei e soltou a bomba. A decisão acabou indo para os pênaltis com a vitória magra do time goiano. O Cuiabá venceu por 6 a 5.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana