conecte-se conosco


Registro Geral

Tarimbado e com perfil político, Dito Loro ganha espaço na nova gestão em Várzea Grande

Publicado

Secretário de Governo de Várzea Grande, Dito Loro (PSDB), ascende na gestão liderada pelo novo prefeito, Kalil Baracat (MDB)

O ex-vereador e atual secretário de Governo de Várzea Grande, Dito Loro (PSDB), em um curto espaço de tempo ganhou terreno precioso na administração liderada pelo jovem prefeito, Kalil Baracat (MDB). Além de ex-parlamentar, Dito já atuou em outras Pastas do Paço Couto Magalhães entre os anos de 2005 a 2012. Acumulou conhecimento técnico e hoje é requisitado em quase todas as tomadas de decisões, cuja palavra final cabe ao chefe do Executivo. Na linha de frente, Loro tem cobrado internamente o cumprimento das principais promessas de campanha de Kailil, como a resolução do precário sistema de abastecimento de água tratada do município. “Sabemos que não é uma tarefa fácil, mas vamos até o final do governo, melhorar e muito tanto a captação como o fornecimento da água tratada aos mais de 80 mil domicílios da cidade”, asseverou.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Registro Geral

Lúcido como sempre, desembargador “salva” Cuiabá de tragédia vivida em Manaus

Publicado

Desembargador do Tribunal de Justiça, Orlando Perri

Com todo respeito ao prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MDB), mas, sem dúvida, ele pisou na bola e colocou milhares de pessoas em risco assegurar a abertura de quase tudo na Capital, justamente em um momento que a pandemia recrudesceu com toda força, sem dó e nem piedade. Graças ao elevado grau de maturidade do desembargador do Tribunal de Justiça, Orlando Perri, o pior não aconteceu. O magistrado atendeu ação proposta pelo Ministério Público Estadual (MPE) e suspendeu trechos do decreto da prefeitura de Cuiabá, que praticamente não restringia nenhuma atividade econômica. Com a decisão de Perri, entre outras medidas restritivas, foi restabelecido o toque de recolher das 21h às 05h, bem como o fechamento obrigatório do comércio entre 19h e 05h da manhã.

Continue lendo

Registro Geral

Bolsonaro estuda valor variável para auxílio, e menor parcela pode ser de R$ 150

Publicado

Presidente Jair Bolsonaro refaz cálculos e estuda nova faixa para o auxílio emergencial

O governo avalia criar faixas com valores distinto do auxílio emergencial a depender do perfil do beneficiário. A proposta em estudo prevê parcela padrão de R$ 250, mas o benefício mensal seria maior para mulheres chefes de família e menor para pessoas que se declararem sozinhas. No desenho em elaboração, beneficiários que atendam aos critérios e não tenham filhos ou dependentes terão direito a parcelas mais baixas. Há modelos com valores de R$ 125, R$ 150 ou R$ 175 para essas pessoas. O patamar de R$ 150 atualmente é o mais provável. No caso das mulheres chefes de família, o pagamento pode ser de R$ 375 por mês. O valor seria 50% mais alto do que o benefício padrão.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana