conecte-se conosco


Nacional

Suzane von Richtofen perde semestre na faculdade após 10 faltas seguidas

Publicado

SUZANE arrow-options
Reprodução

Suzane Von Richthofen perdeu o semestre por faltar dez dias seguidos

A detenta Suzane von Richtofen , condenada a 39 anos de prisão pelo assassinato dos pais, perdeu o semestre na faculdade após faltar às aulas por dez dias consecutivos.  Ela havia sido aprovada no Instituto Federal de São Paulo (IFSP), no curso de gestão de turismo.

Leia mais: “Tenho fé em Deus que vou provar que os processos são mentiras”, diz Lula

O regulamento da instituição considera como desistentes os estudantes que não realizarem a matrícula ou não comparecerem nos primeiros dez dias de aula sem justificativa. Suzane tenta na Justiça a permissão para frequentar as aulas após ser aprovada em oitavo lugar no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Suzane está presa na Penitenciária Feminina de Tremembé , a 45 km do IFPS. Em nota, a instituição afirmou que “caso ela seja liberada após os 10 dias úteis, uma justificativa deverá ser analisada”. No entanto, até o momento o instituto não teve informações da Justiça sobre o caso, segundo o jornal Estado de Minas. O Tribunal de Justiça informou que o processo corre sob sigilo. 

Leia também: Bolsonaro assina decreto para envio de Forças Armadas ao Ceará

Essa é a terceira vez que Suzane consegue aprovação no vestibular. Nas vezes anteriores ela tentou cursar administração na Universidade Anhanguera de Taubaté e na faculdade católica de Dehoniana. As tentativas aconteceram em 2016 e 2017. A detenta não conseguiu se matricular por represálias dos colegas de classe. 

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Nacional

Polícia acha mais 16 cobras e suspeita que jovem picado por naja seja o dono

Publicado


source
Espécie de cobra é uma das que tem o veneno mais letal
Creative Commons

Espécie de cobra é uma das que tem o veneno mais letal

O Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA) encontrou mais 16 cobras exóticas escondidas no núcleo rural Taquara, no Distrito Federal (DF), e suspeita que o dono desses animais seja o  jovem estudante de veterinária picado por uma naja na noite de terça-feira (7). A apreensão das cobras foi feita nesta quinta depois de uma denúncia anônima.

Pedro Henrique Santos Krambeck Lehmkul tem 22 anos e foi internado após entrar em coma por conta do veneno da naja. Ele está sendo tratado com um soro do Instituto Butantan, o único disponível no Brasil, já que a substância não é produzida no País.

Os animais apreendidos hoje foram levados à delegacia do Gama, em Brasília, de onde foram encaminados para o Ibama Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis. Lá os animais passarão por um processo de identificação das espécies.

“Com muito trabalho de nossas equipes, logramos êxito em encontrar essa localidade e verificamos escondido dentro de uma baia de cavalos a presença de 16 animais, cada um numa caixa”, disse o Major Elias Costa.

“Várias espécies não são nativas da nossa fauna brasileira e isso nos preocupa porque estamos vendo que de alguma forma está havendo algum tipo de contrabando desses animais”, completou Costa.

Apesar do estado de saúde grave do jovem, a família não permitiu que os laudos médicos fossem divulgados. Nas redes sociais, Pedro publicou várias fotos de cobra. As imagens, no entanto, foram apagadas depois que o caso dele começou a ganhar repercussão.

Continue lendo

Nacional

Familiares que moram com infectados pela Covid-19 serão testados em São Paulo

Publicado


source
testes coronavírus
Divulgação / Ascom / SMS

Implementação de testes para familiares de infectados por Covid-19 começa segunda (13)

Familiares que moram junto com pessoas que estejam infectadas pelo novo coronavírus serão testadas pela Prefeitura de São Paulo. A ação está prevista para começar a partir da próxima segunda-feira (13).

O novo procedimento vai ocorrer a partir do momento em que o resultado para Covid-19 for positivo a partir de exames feitos em Unidades Básicas de Saúde. Equipes de enfermeiros serão encaminhados até a residência da pessoa contaminada para fazer o teste em cinco parentes.

Para evitar que os familiares saiam de casa, a secretaria de Saúde de São Paulo vai emitir um atestado de quarentena durante 10 dias, prazo considerado de maior transmissão do vírus.

Os testes serão feitos nos bairros mais afetados pela pandemia. A estratégia tem como intuito conter o novo coronavírus nas áreas com mais casos e mortes confirmadas.

Segundo a prefeitura, até o momento mais de 657 mil pessoas foram testadas para Covid-19 na cidade.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana