conecte-se conosco


Policial

Suspeito de ter estuprado enteada de dez anos no interior é preso pela polícia em Cuiabá

Publicado


Crime teria ocorrido no ano passado e suspeito foi preso na tarde desta sexta-feira

Um homem investigado pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cáceres (228 km a oeste de Cuiabá) pelo crime de estupro de vulnerável teve o mandado de prisão cumpridos na tarde desta sexta-feira (25), pela Polícia Civil, em Cuiabá, em ação realizada pelos policiais da Delegacia  Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE).

O suspeito, de 27 anos, foi alvo de investigação da Delegacia da Mulher de Cáceres, em setembro de 2019, pelo estupro de vulnerável contra a sua enteada, de apenas 10 anos de idade. Segundo as investigações, o homem manteve relação sexual com a vítima diversas vezes, fato comprovado por exame de corpo delito realizado na criança.

Os fatos foram percebidos pela coordenadoria da escola onde a criança estudava, que percebeu mudanças de comportamentos da aluna, que reclamava de dores na parte debaixo da barriga e chorava com facilidade. Durante conversa com a menina, ela revelou que estava sendo abusada sexualmente pelo padrasto.

Na delegacia, a garota foi ouvida e deu detalhes que comprovavam os abusos praticados pelo padrasto. Diante das evidências, a delegada Judá Maali Pinheiro Marcondes, representou pelo mandado de prisão preventiva do suspeito, que foragiu da cidade.

Com a ordem de prisão decretada e informações do possível paradeiro do investigado em Cuiabá, a equipe da Delegacia da Mulher de Cáceres entrou em contato com os policiais da DRE. O suspeito foi localizado e teve a ordem de prisão cumprida em uma obra em que estava trabalhando, no bairro Bandeirantes.

Após ter o mandado cumprido, o suspeito foi apresentado na DRE para as providências cabíveis.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Mulher é presa em flagrante após tentativa de homicídio contra homem de 23 anos

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma mulher de 26 anos foi presa e autuada em flagrante nesta quarta-feira (21), em Alta Floresta (803 km ao norte de Cuiabá) por homicídio tentado praticado contra um rapaz de 23 anos.

Conforme a ocorrência, o Corpo de Bombeiros do município foi acionado para prestar socorro a um homem encaminhado ao hospital da cidade com ferimentos no abdômen causados por arma branca e que encontrava-se inconsciente.

Uma testemunha informou à Polícia Civil que estava em sua residência tomando banho, quando ouviu uma discussão e xingamentos entre a vítima e a suspeita. Quando saiu do banheiro, encontrou a vítima caída e ainda consciente, que afirmou ter sido ferida pela mulher, e pediu socorro.

Após ser comunicada da ocorrência, a Polícia Civil iniciou as diligências e localizou a suspeita na casa de sua mãe. Ela foi encaminhada para a unidade policial de Alta Floresta, onde foi ouvida pelo delegado Pablo Carneiro e alegou que cometeu o crime porque a vítima estaria ‘arrumando’ mulheres para seu marido.

A vítima ainda não foi ouvida em razão do estado de saúde.

Após a autuação em flagrante pelo crime de homicídio qualificado na forma tentada, a suspeita foi encaminhada para a unidade prisional feminina em Colíder. O delegado encaminhou representou à Justiça pela prisão preventiva da suspeita.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Homem é preso em flagrante pela Polícia Civil após agredir companheira e fazer disparos dentro de casa

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Alta Floresta (803 km ao norte de Cuiabá) prendeu em flagrante nesta quarta-feira (21) um homem suspeito  por crimes praticados contra sua companheira no âmbito da Lei Maria Penha, que trata de delitos relacionados à violência doméstica. O suspeito de 26 anos também foi autuado pelos crimes de disparo de arma de fogo, ameaça e injúria.

Conforme relato da vítima, de 22 anos, ela mantinha relacionamento há um ano com o suspeito. Na noite desta terça-feira, após uma discussão entre os dois motivada por ciúmes, o suspeito passou a agredir e xingar a vítima, além de ameaçá-la, efetuando disparos de arma de fogo dentro da residência. A vítima relatou ainda que as agressões físicas eram rotineiras.

Após ser comunicada da ocorrência e diante da situação de flagrante, o delegado de Alta Floresta, Pablo Carneiro, efetuou diligências com a equipe da unidade e fez a prisão do suspeito em seu local de trabalho, nesta quarta-feira.

Os policiais civis também acompanharam a vítima até a residência para que ela pudesse retirar seus pertences da casa. Na oportunidade, a mulher entregou aos investigadores a arma do suspeito, que ela escondeu após a ocorrência.

Em entrevista preliminar com o delegado, o suspeito confirmou os crimes e disse ainda que deveria ter dados os tiros na cabeça da mulher e não na parede.

A vírima foi encaminhada para realização de exame de corpo de delito. 

Após o procedimento de autuação, ele foi encaminhado para a unidade prisional de Alta Floresta, sendo feita a comunicação da prisão aos órgãos competentes. O delegado Pablo Carneiro encaminhou representação ao Poder Judiciário pela prisão preventiva do suspeito. 

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana