conecte-se conosco


Policial

Sesp-MT lança operação com foco em regiões próximas a rodovias federais

Publicado

Nara Assis | Sesp-MT 

Com o objetivo de fortalecer o combate a crimes nas regiões de influências das rodovias federais, a Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) deflagra a Operação Integrada Salutem. O lançamento ocorre na manhã desta quinta-feira (16), no trevo da Rodovia Mario Andreazza com a Estrada da Guarita, em Várzea Grande.

A ação visa à prevenção e repressão imediata aos crimes de roubos e furtos de veículos e cargas, adulterações de sinais de identificação veicular, tráfico de entorpecentes, transporte irregular de cargas, porte ilegal de arma de fogo, descumprimento de medidas sanitárias, entre outros. Para isso, a Sesp conta com a parceria da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea-MT).

Serão contempladas as Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp’s) I e II, com sede em Cuiabá e Várzea Grande, respectivamente. Os municípios que compõem a Risp I são, além da Capital, Planalto da Serra, Chapada dos Guimarães, Nova Brasilândia, Acorizal, Santo Antônio de Leverger, Barão de Melgaço. Já a Risp II é composta, além de Várzea Grande, por Nobres, Jangada, Rosário Oeste, Nossa Senhora do Livramento e Poconé.

Os policiais que atuarão na Operação Salutem receberam capacitação, entre os dias 1º e 30 de abril, a respeito de identificação veicular e documental. Participaram desta primeira fase 92 pessoas, entre agentes de fiscalização de trânsito dos municípios, do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), da PRF e do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran).

As próximas fases consistem em profilaxia (barreiras e saturação), contenção (cumprimento de mandados de prisão e de busca e apreensão). A previsão é que a operação seja realizada ao longo de 30 dias, incluindo todas as fases e etapas.

A operação é realizada de forma integrada pelas Polícias Militar (PM-MT), Judiciária Civil (PJC-MT), Rodoviária Federal (PRF), Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Detran, Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), Indea, Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz-MT) e Guarda Municipal de Várzea Grande.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Policial

Camionete levada de vítimas em Lucas do Rio Verde é recuperada pela Polícia Civil

Publicado

Uma camionete e pertences roubados de uma família em Lucas do Rio Verde foram recuperados na quinta-feira (19) e três suspeitos do crime autuados em flagrante por roubo qualificado.

O roubo ocorreu no início da noite de quarta-feira, quando os três criminosos chegaram à chácara, na BR-163 e armados, renderam as vítimas e levaram objetos pessoais, dinheiro e uma camionete Toyota Hillux branca.

Os três suspeitos foram localizados pela PM e conduzidos para a delegacia de Lucas do Rio Verde, onde o flagrante foi lavrado e encaminhado ao Poder Judiciário. Os três foram autuados por roubo qualificado.

Após investigações, uma equipe da Delegacia de Lucas do Rio Verde apreendeu a camionete Hilux roubada em uma residência. No interior do veículo havia pertences subtraídos, como um notebook e um DVR e foi recuperada também uma espingarda de pressão levada das vítimas.

O veículo foi localizado numa região de mata, próxima a uma plantação de milho, a cerca de 200 quilômetros da cidade.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Suspeito é preso em flagrante após aplicar golpe em casal na venda de consórcio de imóvel

Publicado

Um suspeito de aplicar um golpe na venda de um consórcio para aquisição de imóvel contra um casal em Sinop foi preso em flagrante nesta sexta-feira (20) pela equipe da Delegacia da Polícia Civil do município.

As vítimas procuraram a Polícia Civil e relataram que adquiriram um consórcio de uma empresa e foram atendidos pelo suspeito, que fez toda tramitação e negociou uma carta de crédito no valor de R$ 170.000,00 para a aquisição de um imóvel. Para dar continuidade ao negócio, as vítimas receberam a informação que necessitavam dar R$ 55 mil de entrada. Assim, o casal ofertou um veículo e mais um valor em dinheiro para a entrada.

O suspeito pediu que as vítimas passassem o valor em dinheiro para uma conta de uma pessoa jurídica. Posteriormente, a Polícia Civil apurou que o dono dessa empresa possui vários boletins de ocorrências registrados em outros estados pelo mesmo tipo de golpe.

Após fazer o depósito e conversar com a proprietária da casa que desejavam adquirir, o casal foi alertado de que poderia ser um golpe. As vítimas procuraram o banco, onde o suspeito informou que o contrato de crédito seria feito. A agência bancária informou que não havia nenhum convênio com a empresa indicada o contrato também não tinha nenhuma cláusula  que indicasse o banco como fornecedor desse serviço.

Nesta sexta-feira, as vítimas fariam a transferência do veículo para o suspeito para finalizar a negociação.

A equipe policial coordenada pelo delegado Paulo César Brambila fez o monitoramento e após a caracterização do flagrante de estelionato, com a entrega da chave do veículo, o suspeito de 25 anos recebeu voz de prisão e foi encaminhado à delegacia para ser ouvido e autuado.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana