conecte-se conosco


Mato Grosso

Sesp e Prefeitura firmam parceria para instalar 54 câmeras de videomonitoramento

Publicado


.

Gestores da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) e da Prefeitura de Lucas do Rio Verde assinaram, nesta quarta-feira (03.06), um termo de cooperação de compartilhamento de imagens das câmeras de videomonitoramento do município. O objetivo é intensificar as ações de segurança pública na cidade que fica na região norte do estado. Ao todo, serão 54 câmeras instaladas em pontos estratégicos.

Pelo termo, fica acordado que o município cederá as imagens captadas pelo Centro Operacional de Segurança (COPS) e a Sesp disponibilizará servidores da Polícia Militar (PM-MT), Polícia Judiciária Civil (PJC-MT) e Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT) para a operação e supervisão das câmeras, que devem começar ser instaladas na próxima semana.

“Avalio com importante esta parceria para obtenção de resultados ainda melhores na segurança pública do município. Com a utilização das câmeras de videomonitoramento, várias ações preventivas e repressivas poderão ser realizadas para o enfrentamento aos índices criminais”, destaca o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante.

O prefeito de Lucas do Rio Verde, Luiz Binotti, elogiou a parceria e disse que a união aliada ao uso tecnológico é uma ferramenta eficaz. “Hoje nós temos a certeza que precisamos usar mais a tecnologia a nosso favor e é isso que nós estamos fazendo. Estamos seguindo aquilo que está sendo feito em Cuiabá na Secretaria de Segurança Pública. Esse monitoramento visa que a gente possa dar respostas rápidas para a sociedade do nosso município”, enfatiza.

O encontro foi realizado na sede da Sesp, em Cuiabá. O prazo de vigência do termo de cooperação é de pouco mais de dois anos, prorrogáveis por mesmo período, mediante interesse das partes.

O recurso para o incremento das ações de segurança pública em Lucas do Rio Verde foi destinado, por meio de emenda parlamentar do deputado federal Neri Geller.

“A segurança pública do estado está integrada com os municípios e este termo celebra a soma de esforços da Prefeitura Municipal, Secretaria de Segurança, Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Judiciária Civil e Corpo de Bombeiros Militar. O objetivo é fazer exatamente a integração e aumentar a segurança para os pais de família e para a sociedade”, enfatiza o deputado federal.

Além das 54 câmeras que serão instaladas, o município vai buscar parceria com comerciantes para agregar as imagens das câmeras em vias públicas junto a central de monitoramento. Com isso, a meta é ampliar em mais 300 unidades de câmeras de videomonitoramento.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Indea-MT ganha reforço de entidades em ações de defesa sanitária na fronteira

Publicado


O Instituto de Defesa Agropecuária do Estado de Mato Grosso (Indea-MT) ganhou reforço de mais de 10 parceiros, que vão atuar de forma integrada na fronteira com a Bolívia. O objetivo é alcançar maior efetividade das ações de defesa sanitária na região.

O grupo composto por representantes do Indea-MT, Exército Brasileiro, Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato), Polícia Federal, Polícia Militar, Associação dos Criadores de Mato Grosso (Acrimat), Grupo Especial de Segurança na Fronteira (Gefron), prefeituras municipais, Receita Federal, câmara municipal e sindicatos rurais da região irá elaborar uma agenda de compromissos para desenvolver as atividades de maneira coordenada.

Dentre os procedimentos previstos estão a fiscalização do trânsito, apreensão/eliminação de animais contrabandeados, vigilância veterinária, comunicação/cooperação entre instituições, harmonização dos serviços veterinários Brasil/Bolívia e regularização das movimentações.

Todas as entidades estão cientes dos requisitos relativos ao trânsito de bovinos, importação/exportação e os riscos que o contrabando ou descaminho pode ocasionar, desde a introdução de pragas e doenças, até a perda de certificação sanitária e mercados importadores.

Dados

Além da fronteira de Mato Grosso com a Bolívia estender-se por 780 km, e desse total, 480 km estarem em áreas de proteção como rios, serras e outras barreiras naturais. Há uma alta densidade de criações de bovinos em ambos os países. Atualmente, a população de bovinos e bubalinos em Mato Grosso chega a 31.989.823 cabeças.

O Estado deter o maior Valor Bruto de Produção Agropecuária (VBP) do país, segundo o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), 190 bilhões de reais em julho de 2021, correspondente a 17,3% do total produzido no Brasil.

Questões relacionadas ao Estado que, hoje, demandam trabalho de certificação sanitária pelo instituto e Mapa, de acordo com o diretor técnico do Indea-MT, Renan Tomazele.

“Temos uma fronteira muito extensa para proteger, número muito grande de bovinos e somos referência nacional em sanidade animal. Já conquistamos muito, mas isso evidencia a necessidade de colaboração com outras entidades públicas, produtores rurais, profissionais da área, agroindústria e suas representações”, conclui.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Prazo para entregar declaração de bens e valores ao Estado termina neste sábado (31)

Publicado


O prazo para que os servidores do Executivo estadual entreguem a declaração de bens e valores ao Estado – ano base 2020 –, termina neste sábado (31.07). Todos os servidores e empregados públicos do Estado devem entregar a declaração anualmente.

Este ano, o envio pode ser feito eletronicamente por meio do sistema de Declaração de Bens e Valores (DBV), criado pela Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag-MT) com o objetivo de simplificar o procedimento de apresentação do documento e diminuir o consumo de materiais de expediente na administração pública. Clique aqui para ter acesso ao sistema.

O documento pode ser utilizado pelos órgãos de controle da administração pública para análise da evolução patrimonial do servidor, a fim de verificar a compatibilidade com os recursos e disponibilidades que compõem o seu patrimônio.

Para realizar a entrega, o servidor deverá preencher as informações solicitadas no formulário disponibilizado pelo sistema ou encaminhar o documento digitalizado da declaração apresentada à Receita Federal do Brasil. A entrega só será concluída após o servidor realizar todas as etapas do sistema e emitir comprovante de envio.

O período de envio começou no dia 5 de maio e foi prorrogado por causa do elevado número de agentes públicos que não finalizaram a entrega da declaração no sistema DBV.

Sistema DBV

O sistema DBV, criado e disponibilizado pela Seplag-MT, é mais uma etapa do processo de modernização das ferramentas digitais voltadas aos servidores do Executivo estadual, seja para a execução das suas atividades do dia a dia ou para acesso a informações funcionais e pessoais. A iniciativa objetiva eliminar o uso do papel, otimizar recursos, simplificar e digitalizar processos na administração pública.

Em caso de dúvidas ou para mais informações entre em contato pelos e-mails: [email protected] ou [email protected]

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana