conecte-se conosco


Esportes

Série D: Gama faz 3 a 0 sobre Bahia da Feira e mantém invencibilidade

Publicado


O Gama, de Brasília, conseguiu neste sábado (16) a sexta vitória na Série D do Campeonato Brasileiro, ao derrotar por 3 a 0 o Bahia de Feira, equipe de Feira de Santana (BA), em jogo válido pela sétima rodada. O Alviverde se distanciou na liderança do Grupo 6: soma agora 19 pontos, oito a mais que o Brasiliense, segundo colocado. Já o Tremedão, segue em quarto lugar na chave, com 10 pontos. O placar pode aparentar que o jogo foi fácil para a equipe brasiliense, diante de um Bahia de Feira descaracterizado, cheio de desfalques: além de não poder contar com três jogadores contundidos, o técnico Arnlado Lira precisou inovar para contornar a ausência de seis atletas que testaram positivo para o novo coronavírus (covid-19) às vésperas do duelo. Mas, o que ser viu em campo foi um jogo parelho, pelo menos até metade do segundo tempo

O Gama começou melhor, podendo contar com o brilho do meia Andrei Alva, de volta ao time após cumprir suspensão. O atacante Nunes também entrou cheio de vontade de balançar a rede. E aos 19 minutos teve protagonizou a melhor oportunidade do Gama, arriscando de dentro da área. Mas, após o intervalo para hidratação, o Tremendão reorganizou a defesa e equilibrou a partida. O camisa 7 Tico mandou três bolas perigosas ao go de Calaça, e por pouco não abriu o placar para a equipe baiana. O gol veio do outro lado, aos 32 minutos, após um longo lançamento de Andrei Alba para Nunes que amaciou no peito antes para Esquerdinha marcar um golaço, de direita. O gol desestabilizou o time baiano, e o Gama por pouco não ampliou ainda na primeira etapa.

No segundo tempo, o Bahia de Feira parecia determinado a igualar o placar no Bezerraõ. Logo aos dois minutos, após escanteio Kel Baiano subiu mais que a defesa testou para fora. Na sequência, David Souza arrancou em contra-ataque pela direita e lançou Vitor Xavier que chutou forte, mas Marcos fez bela defesa e evitou o segundo gol do Gama. O jogo seguiu aberto, com chances de lado a lado. Até que aos 27 minutos, Andrei Alba aproveitou a cobrança de falta e cruzou na medida para Wallace sozinho ampliar para o Gama. A partir daí, o domínio foi total da equipe brasiliense, que ainda fez o terceiro aos 30 minutos, com David Souza. A vitória por 3 a 0 pode ter virado goleada, mas o Gama administrou o placar até o fim da partida.

A Série D do Campeonato Brasileiro tem 64 clubes, abrange os 26 estados brasileiros e o Distrito Federal. Sob critérios regionais, as equipes foram divididas em oito grupos com oito times cada. Os quatro melhores de cada grupo avançam ao mata-mata. Os quatro clubes classificados para a semifinal ganham o direito de disputar a Série C em 2021.

Confira aqui a tabela de classificação da Série D do Campeonato Brasileiro.

Transmissão da TV Brasil

Na próxima segunda-feira (19), a TV Brasil transmite ao vivo o duelo Brasiliense e Vila Nova, às 15h (horário de Brasília), direto do estádio Boca do Jacaré, em Taguatinga (DF). A partida também pode ser acompanha por agui:

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esportes

Fluminense vence Santos e assume quarta posição do Brasileiro

Publicado


O Fluminense derrotou o Santos por 3 a 1 neste domingo (25), em um jogo muito movimentado no estádio do Maracanã, e assumiu a quarta posição, com 29 pontos, do Campeonato Brasileiro da Série A. Já a equipe da Vila Belmiro ficou na sexta posição com 27 pontos.

O Tricolor carioca começou a partida ocupando o campo de ataque, pressionando a saída de bola da equipe santista. Com isso, a equipe carioca começou a criar boas oportunidades, e em uma delas, aos 28 minutos, abriu o marcador. O lateral Danilo Barcelos avançou pela esquerda e cruzou, Fred desviou de cabeça e Luccas Claro finalizou com perfeição. Este foi o quinto gol do zagueiro na temporada.

Porém, o Santos não se entregou, e conseguiu o empate aos 35 minutos. O lateral Madson recebeu na ponta direita e cruzou rasteiro para Marinho, que escorou de primeira para vencer Muriel. Na comemoração, o atacante do Peixe fez uma homenagem a Pelé, que completou 80 anos na última sexta (23).

Vitória no segundo tempo

Após o intervalo o panorama da partida mudou muito pouco. E o Fluminense chegou a seu segundo gol graças a um zagueiro. Logo aos 9 minutos Michel Araújo aproveitou bola que sobrou no alto para cabecear para o meio da área santista, onde Nino acertou de cabeça para vencer o goleiro João Paulo.

A partir daí o Santos passou a forçar o empate, mas não conseguiu, e acabou levando o terceiro já nos acréscimos, quando Marcos Paulo aproveitou rebote dado por João Paulo, após chute de Ganso, e finalizou com liberdade. Fluminense 3, Santos 1, placar final.

O próximo compromisso do Fluminense pelo Brasileiro é no próximo sábado (31), quando visita o Fortaleza no Castelão. No mesmo dia o Santos recebe o Bahia.

Triunfo palmeirense

Na outra partida da 18ª rodada do Brasileiro que começou às 16h deste domingo, o Palmeiras foi até o estádio Olímpico de Goiânia e derrotou o Atlético-GO por 3 a 0.

O Verdão abriu o placar aos 19 minutos do primeiro tempo, quando Wesley partiu sozinho e bateu na saída do goleiro adversário. Os outros dois gols do Palmeiras saíram apenas na etapa final, ambos dos pés Luiz Adriano.

Com este resultado, o Palmeiras ficou na sétima posição com 25 pontos, enquanto o Atlético-GO é o décimo com 22. O próximo compromisso do Verdão é contra o Atlético-MG no dia 2 de novembro, enquanto o Atlético-GO pega o Coritiba no próximo sábado (31).

Veja a classificação atualizada da Série A do Brasileiro.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Esportes

Brasil fecha Grand Slam de Judô de Budapeste com mais 2 bronzes

Publicado


O Brasil fechou a participação no Grand Slam de Budapeste (Hungria), neste domingo (25), com mais duas medalhas de bronze. Na categoria acima de 78kg, Beatriz Souza e Maria Suelen foram ao pódio e somaram mais 500 pontos, cada uma, no ranking mundial.

Sem essa atualização na listagem dos melhores judocas, Maria Suelen é quinta e Beatriz Souza é a sexta. A diferença entre elas é de apenas 142 pontos. O Brasil tem direito a uma vaga, e a definição da Confederação Brasileira de Judô (CBJ) deve ocorrer em maio de 2021.

O caminho das duas atletas brasileiras foi muito parecido. As duas tiveram o mesmo desempenho nas preliminares. Obtiveram duas vitórias por ippon e foram às semifinais como as melhores de suas chaves. Nessa fase, vieram as derrotas. Suelen caiu para a tunisiana Nihel Cheikh Rouhou depois de levar três punições contra duas da adversária. Bia perdeu por ippon para a turca Kayra Sayit. Na disputa do bronze, a primeira a lutar foi Beatriz, que venceu Larisa Ceric, da Bósnia, com um waza-ari. Depois Maria Suelen projetou Rochele Nunes, brasileira naturalizada portuguesa, para vencer por ippon.

O Brasil fechou o evento, que marcou a retomada do circuito mundial da modalidade, com três medalhas. Além das duas deste domingo, garantiu um bronze com William Lima.

Edição: Fábio Lisboa

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana