conecte-se conosco


Esportes

Série B – Cuiabá 0 x 1 Atlético-GO: Dourado engata a quarta derrota, cai para 15º, e Dragão vai a 6º

Publicado

O Cuiabá voltou a perder em casa jogando bem. Dourado está duas posições da degola e o Dragão foi a sexto / Foto: Ascom Cba

O Cuiabá terá a folga da Copa América para se acertar. O Dourado recebeu na noite desta terça-feira 11 o Atlético-GO, na Arena Pantanal, pela 8ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, e engatou a quarta derrota consecutiva. O Atlético, que veio para a briga pelo G4, terminou em sexto, com 14 pontos. . A partida desta terça-feira foi a última antes da pausa para a Copa América.

Com o segundo triunfo consecutivo, o Dragão sobe para a sexta colocação, atinge os 14 pontos e fica a apenas um da quarta colocada Ponte Preta, enquanto o Dourado atinge a quarta derrota seguida e o sexto jogo sem vitória, e segue beirando o rebaixamento, na 15ª posição, com apenas 8 pontos.

Apesar de dominar grande parte da primeira etapa, o Dragão não conseguiu levar perigo ao gol adversário. Já o time de Cuiabá, mesmo com menos chutes, quase abriu o placar em três oportunidades, porém parou nas grandes defesas do goleiro Kozlinski. Com isso, o jogo foi para o intervalo zerado.

A etapa final começou muito equilibrada, até que Jarro Pedroso balançou as redes aos 15 minutos e deixou os comandados de Wagner Lopes em vantagem. O Cuiabá tentou reagir, mas demonstrou muito nervosismo, teve o  volante Jean Patrick expulso, e terminou com um resultado adverso no final.

O jogo

O primeiro grande lance da partida aconteceu apenas aos 21 minutos da etapa inicial pelo Atlético-GO. O atacante Jarro Pedroso fez grande jogada dentro da área, driblou a marcação e chutou firme. O goleiro Victor Souza fez bela defesa e salvou a meta do Dourado.

Leia Também:  Alejandro Dominguez parabeniza Rogério Caboclo e reforça laços com CBF

Menos de dois minutos depois, aos 23, o Dragão chegou mais um vez. O camisa 10 Matheuzinho mandou uma bomba da intermediária e Victor fez mais uma boa defesa.

O time da casa teve a primeira oportunidade aos 28 minutos. Após receber bola na entrada da área, o volante Alê finalizou no canto e exigiu grande interceptação do goleiro Kozlinski.

A equipe de Itamar Schulle chegou mais um vez aos 35 minutos do primeiro tempo. Hugo Cabral fez grande jogada, chapelou o adversário e partiu em direção à meta adversária, porém chutou fraco e Kozlinski salvou sem dificuldades.

Menos de quatro minutos depois, aos 39, o Cuiabá teve a melhor chance da partida. O volante Alê ajeitou para Jean Patrick, que chutou forte de primeira da entrada da área, mas o goleiro do Dragão fez uma brilhante defesa. A bola ainda bateu no travessão antes de sair.

Logo na primeira boa jogada do segundo tempo, aos 15 minutos, o Atlético-GO balançou as redes. Pedro Raul e Matheuzinho fizeram boa jogada e o meia cruzou na medida para a área. Livre, o atacante Jarro Pedroso cabeçou firme e marcou para o time visitante.

Os comandados de Wagner Lopes quase ampliaram, aos 22 minutos. O volante Moacir chutou de longe, mas o goleiro Victor Souza fez uma defesa no meio do gol.

Leia Também:  É proibido fumar! Senado aprova PL que proíbe fumo em eventos esportivos

A equipe da casa quase igualou o placar aos 27 minutos. Dentro da área, o atacante Felipe Marques chutou, o goleiro Kozlinski defendeu com os pés e, no rebote, Caio Dantas mandou para fora.

Já aos 38 minutos do segundo tempo, o Cuiabá quase empatou. Após cruzamento, o meia João Henrique cabeceou, porém a bola saiu pela linha de fundo.

O Dragão teve a chance de ampliar aos 46 minutos. O atacante Pedro Raul recebeu grande passe de André Luis, mas finalizou em cima do goleiro adversário. No rebote, Jarro Pedroso atingiu o zagueiro do Cuiabá e perdeu a chance de matar a partida.

Nos acréscimos, aos 47, os mandantes tiveram a última chance do jogo. Depois de cobrança de escanteio de João Henrique, o zagueiro Ednei testou sozinho, a bola passou perto da trave, mas acabou fora.

FICHA TÉCNICA CUIABÁ 0 X 1 ATLÉTICO-GO

Local: Arena Pantanal, Cuiabá (MS)
Data: Terça-feira, 11 de junho
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Adriano Milczvski (PR)
Assistentes: Victor Hugo Imazu dos Santos e Rafael Trombeta (PR)
Cartão amarelo: Jonathan, Mike, Oliveira (Atlético-GO) Jean Patrick (Cuiabá)
Cartão vermelho: Jean Patrick (Cuiabá)

GOLS:
ATLÉTICO-GO: Jarro Pedroso, aos 15 minutos do segundo tempo;

CUIABÁ: Victor Souza; Toty (Rincon), Ednei, Alef e Danilo; Djavan (João Henrique), Alê, Jean Patrick e Escudero (Caio Dantas); Felipe Marques e Hugo Cabral.
Técnico: Itamar Schulle

ATLÉTICO-GO: Kozlinski; Jonathan, Oliveira, Gilvan e Nicolas; Pedro Bambu, Moacir e Matheuzinho (Kauê); Jarro Pedroso, Mike (André Luis) e Gilsinho (Pedro Raul).
Técnico: Wagner Lopes

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Esportes

COPA VERDE- Com show de Neto Baiano, Remo atropela Atlético-AC

Publicado

Em jogo eletrizante, o Remo não teve dificuldade para superar o Atlético Acreano por 4 a 1 e decretar sua ida à semifinal da Copa Verde. Na tarde deste domingo, no estádio Baenão, Wesley e Neto Baiano brilharam ao marcar dois gols cada, que ainda contou com gol de Ronaell. Jovembert descontou, mas não evitou a derrota e eliminação do Galo Carijó.

SEMIFINAL PODE TER RE-PA

O Remo agora espera a definição da partida entre Bragantino-PA e Paysandu para conhecer seu adversário nas semifinais. O primeiro duelo terminou empatado por 1 a 1 e o jogo de volta será realizado às 15h30 da próxima quarta-feira, no Diogão.

REMO A MIL POR HORA

O Remo começou a partida em alta velocidade e logo no primeiro minuto abriu o placar. Wesley pega rebote de escanteio e finaliza firme. A bola bate na trave e entra. Três minutos depois, Gustavo Ramos quase ampliou ao chutar colocado, exigindo grande defesa do goleiro Ruan.

Aos 17, porém, não teve jeito. Neto Baiano, em cobrança de falta, acertou o ângulo e fez o segundo gol do Remo. Logo depois, Gustavo Ramos parou novamente no goleiro em chute muito forte.

Leia Também:  Bahia vence o Corinthians de virada na primeira rodada do Brasileirão

MAIS GOLS

O Atlético respondeu aos 24 com Douglas, que livre de marcação, perdeu grande chance. Na sequência foi a vez de Geovani tentar diminuir, mas o goleiro Vinicius defendeu.

Se Gustavo Ramos não conseguiu em duas tentativas, na terceira ele resolveu tocara para Wesley, que aos 41 minutos marcou o terceiro. Antes do intervalo, aos 47, o Atlético diminuiu com Jovambert, encerrando o movimentado primeiro tempo.

REMO MANTÉM RITMO NO 2º TEMPO

O segundo tempo até foi mais tranquilo, mas contou com gol aos 17 minutos. Neto Baiano cobrou pênalti no meio do gol e fez o seu segundo na partida. Cinco minutos depois Ronaell também deixou o dele.

HAT-TRICK

Ainda não satisfeito, aos 45 minutos, Neto Baiano aproveitou vacilo do zagueiro e marcou seu terceiro, o famoso hat-trick.

Continue lendo

Esportes

SÉRIE A – Ganso chuta, Cássio toma frango e Corinthians sai do G4

Publicado

Um frango do goleiro Cássio não permitiu que  Corinthians encostasse nos líderes do Campeonato Brasileiro na tarde deste domingo, resultando na derrota para o Fluminense, por 1 a 0, no Mané Garrincha, em Brasília, pela última rodada do primeiro turno.

Com 32 pontos, o Corinthians caiu para a quinta colocação. O líder Flamengo tem 42. Já o Fluminense deixou a zona de rebaixamento ao chegar aos mesmos 18 pontos do Cruzeiro, mas subiu para o 16º lugar por causa do número de vitórias (5 contra 4).

FLUZÃO NA FRENTE A primeira chance do confronto foi criada pelo Corinthians aos sete minutos. Gil subiu mais que todo mundo após escanteio cobrado da direita e cabeceou na trave de Muriel. Na sequência, Pedrinho arriscou de fora da área e o goleiro tricolor fez a defesa.

O Fluminense respondeu em falta cobrada por Nenê. A bola passou raspando o travessão de Cássio, que só observou. Aos 39, Paulo Henrique Ganso chutou de fora da área e contou com uma contribuição do goleiro corintiano para abrir o placar em Brasília.

Leia Também:  Juventus lança camisa ecológica, mas recebe críticas nas redes sociais

O Corinthians voltou do intervalo pressionando o Fluminense-RJ e quase empatou aos seis minutos em chute de Janderson pela linha de fundo. A resposta do time carioca veio após passe de Nenê. Yony González dividiu com Cássio e a bola saiu pela linha de fundo.

As principais jogadas ofensivas do Corinthians eram pelo alto. Gustavo cabeceou por cima do travessão aos 19. O time paulista tinha dificuldades para escapar da forte marcação feita pelo Fluminense-RJ. E assim a partida seguiu até o apito final.

PRÓXIMOS JOGOS
O Corinthians enfrenta o Bahia-BA no próximo sábado, às 19 horas, na Arena Corinthians, em São Paulo, enquanto o Fluminense joga contra o Goiás, às 19 horas, do domingo, no Serra Dourada, em Goiânia. Os jogos são válidos pela 20ª rodada.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana