conecte-se conosco


Mato Grosso

Segurança apresenta redução em índices de criminalidade em 2019

Publicado

De janeiro a novembro de 2019 foram registrados 745 assassinatos em Mato Grosso contra 839 no mesmo período do ano passado, uma redução de 11,2% dos casos. Do total de mortes violentas no ano, 81 são de mulheres, o que corresponde a 10,87% dos casos. No entanto, nem todas as mortes são consideradas feminicídios, uma vez que há outras motivações para os crimes que não apenas a condição de ser mulher. Entre as causas há rixas, ambição, álcool, tráfico de drogas, dentre outras.

Houve ainda o aumento de 12% de carros recuperados pelas polícias nos 11 meses deste ano na comparação com 2018. Foram 3.088 registros ante a 2.768 casos no ano passado. Já os casos de roubos e furtos caíram 27% e 13%, respectivamente, em todo o Estado.

Mesmo com números positivos da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) na redução da criminalidade nos 11 primeiros meses do mandato, o governador Mauro Mendes prefere fazer avaliação positiva dos dados criminais apenas no fim da sua gestão, em dezembro de 2024.

“Os números que me são apresentados pela Sesp são positivos, mas tenho falado que quero comemorar ao final de 4 anos. Os números são muito importantes porque mostram o declínio de alguns indicadores de segurança pública e sensação de segurança maior, mas a grande comemoração será depois de quatro anos, um lapso de tempo melhor para fazer uma avaliação”, destacou Mauro Mendes.

O secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, disse que desde o início da gestão, o governador Mauro Mendes tem tentado reconstruir o estado. Na Sesp, Bustamante lembra que assumiu o cargo em janeiro com cenário de redução drástica na quantidade de viaturas, dificuldades financeiras que permearam ao longo do ano, contudo, o trabalho dos servidores da Segurança Pública fez toda a diferença para a redução da criminalidade.

“Esse foi o ano da dificuldade e ano que vem esperamos que o Governo do Estado, após o ajuste das contas, consiga dar retorno social maior ao cidadão por meio das ações de segurança pública. Sabemos que equipe econômica tem feito os ajustes necessários e com isso, esperamos ter viaturas suficientes e pessoal em todos os municípios”.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Primeira-dama participa de sopão comunitário com entrega de cestas básicas e cobertores

Publicado


A primeira-dama do Estado, Virginia Mendes, participou do Sopão Comunitário realizado pelo Clube de Mulheres Mães Guerreiras do bairro Jonas Pinheiro 3, em Cuiabá, nesta terça-feira (19.01). Durante a distribuição acompanhada da secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania, Rosamaria Carvalho e do secretário adjunto de Assuntos Comunitários, Édio Martins, Virginia Mendes entregou 220 cestas básicas e a mesma quantidade de cobertores para auxiliar as famílias carentes da região.

As ações sociais do Governo do Estado fazem parte da campanha ‘Vem Ser Mais Solidário’ e do programa ‘Aconchego’, que já atendeu aproximadamente 2 milhões de pessoas, desde que iniciou, em abril de 2020. E continua de forma permanente em 2021, com foco na segurança alimentar das famílias em situação de vulnerabilidade atingidas pela pandemia.


Na ocasião também foram doadas panelas de pressão para auxiliar no preparo da comida. De acordo com a presidente do Clube de Mães, Dirce Portilho, por vezes a única refeição das famílias é a sopa. Para a presidente da Associação de Mulheres Solidárias Joana D’Arc, Pedrina Santana, que também ajuda diversas mães com projetos sociais, as visitas de Virginia Mendes no local fortalecem a iniciativa.

“É gratificante para todos porque as famílias desse bairro são muito carentes. Tem mãe que não trabalha e que cuida de outras crianças para outras mães. Cada uma delas agradece de coração a primeira-dama e o nosso governador, Mauro Mendes, pelas doações”, comentou.

Durante as entregas a primeira-dama destacou a necessidade de continuar as doações devido a situação de emergência em saúde pública, que ainda não foi superada no Estado. 

“O cobertor já é uma tradição do Estado com o objetivo de dar aquele aconchego no frio às pessoas que não têm condições e a campanha Vem Ser Mais Solidário foi criada em decorrência da Covid-19, para levar alimento e amenizar as dificuldades das famílias mais carentes. A nossa intenção é unir forças para que mais pessoas sejam atendidas e levar a mão protetora e o carinho do Governo a quem mais precisa”, pontuou a primeira-dama.

Rosamaria Carvalho, titular da Setasc, ressaltou a atuação da primeira-dama que, segundo ela tem feito a diferença no Estado de Mato Grosso. 

“A nossa primeira-dama tem visitado lugares por onde ninguém passou, ela tem colocado os seus olhos onde nenhuma primeira-dama olhou. Esses sopões são espaços que ajudam tantas pessoas que por vezes são esquecidas, então essa ajuda é mais que necessária para que eles possam dar mais solidez ao seu trabalho”, disse.

Dona Benedita Brígida Soares de Souza, 72 anos, contou que para ela o momento das entregas foi de muita alegria. “A primeira-dama é uma mulher muito boa que ajuda todos aqui. Eu estou super feliz e agradeço vocês que vieram trazer esse alimento para todos nós”, disse a aposentada.

Mais entregas 

No mesmo dia as famílias carentes do bairro Altos da Gloria também foram beneficiados com as doações de 150 cestas básicas e 150 cobertores. Eles também receberam panelas de pressão para reforçar o atendimento realizado no sopão que a comunidade realiza.

Conforme o presidente de bairro, Ed Carlloz Santana, é a terceira vez que o Estado se faz presente entregando os donativos. 

“É o terceiro sopão solidário que realizamos neste período tão difícil que as nossas famílias enfrentam. É muito bom saber que podemos contar com apoio e carinho de todos”, relatou.

Rosangela Benedita da Silva, 57 anos, uma das contempladas disse que, desde a chegada da pandemia está desempregada e que a cesta básica chegou na hora certa. “Esse sopão vai ajudar muito lá na minha casa, porque estou sem trabalhar e lá sou eu e meu neto, que é menor de idade. Esse sacolão vai ser uma benção por esses dias”.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Governo apresenta plano de integração do transporte coletivo e BRT às prefeituras de Cuiabá e VG

Publicado


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), apresenta na sexta-feira (22.01), às 15h, a representantes técnicos das prefeituras de Cuiabá e Várzea Grande, o plano funcional da rede integrada do transporte coletivo para a  implantação do Ônibus de Trânsito Rápido (BRT), movido a eletricidade.

O convite já foi enviado para os prefeitos de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, e de Várzea Grande, Kalil Baracat, para indicação dos técnicos e participação na reunião, que acontece na sede da Sinfra. O objetivo é apresentar o plano funcional e as modificações necessárias para adequar toda a rede de transporte coletivo ao BRT, a fim de garantir conforto, agilidade e facilidade de locomoção dos usuários.

O secretário de Estado de Infraestrutura e Logística, Marcelo de Oliveira, explica que essa será uma reunião técnica, na qual será apresentado o primeiro esboço do plano funcional para adequação das linhas do transporte coletivo decorrentes da estruturação do BRT, com a definição de quais linhas do transporte coletivo vão ser mantidas, quais deverão ser extintas e quais serão aquelas que irão utilizar o corredor exclusivo do BRT, por exemplo.

Isso porque, com o BRT, será possível que o ônibus de transporte coletivo circule no mesmo corredor do modal. Desse modo, os ônibus poderão sair de um bairro, entrar no corredor exclusivo e, sem qualquer integração, seguir para outro bairro distante do corredor estrutural. Tudo isso sem afetar o trajeto fixo que o BRT fará.

“Essa será a primeira reunião para o Estado apresentar o primeiro desenho da rede integrada do transporte coletivo, de modificação das linhas existentes, como serão integradas com o trajeto do BRT. É a primeira troca de informações, pois além de apresentar, vamos pedir informações também aos municípios, sobre volume de tráfego, por exemplo, para refinar nosso trabalho”, explicou o secretário.

Michel Alvim

Foto: Michel Alvim

Também será apresentado, ainda dentro desse plano funcional, o planejamento sobre a estações do BRT, com o tamanho, a localização, o padrão, além de ser apresentado quais linhas de transporte vão parar em cada plataforma e de que forma ocorrerá a integração entre o BRT e os ônibus coletivos, bem como o padrão dos veículos que deverão compor as frotas.

“Já estamos trabalhando nesse plano funcional e vamos apresentar esse primeiro trabalho já desenvolvido por nós para as equipes técnicas das prefeituras. Isso vai ser apresentado para que as prefeituras possam entender nosso planejamento e também contribuir com a estruturação desse plano”, disse Marcelo de Oliveira.

A previsão é de que o plano seja finalizado em até 60 dias e será a partir deste documento que se iniciarão os processos legais de elaboração de projeto executivo e licitação para a implantação dos corredores estruturais de transporte coletivo para a instalação do BRT.

Para a implantação de toda a infraestrutura do BRT, o Governo do Estado se responsabilizará pela realização das obras: corredor segregado, as estações e terminais, os sistemas de monitoramento de frota e segurança e a aquisição dos ônibus movidos a eletricidade.

Os investimentos estimados serão de R$ 430 milhões, com aquisição de 54 ônibus elétricos. As obras devem durar até 24 meses, sendo que o BRT é considerado o que modal que apresenta o menor custo e tempo de implantação, além de menor impacto no trânsito e menor tarifa, na faixa de R$ 3,04.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana