conecte-se conosco


Mato Grosso

Secretaria de Saúde alerta população para importância da vacinação

Publicado

O Dia Nacional da Vacinação, comemorado em 17 de outubro, foi criado pelo Ministério da Saúde com o objetivo de alertar a sociedade sobre a importância da imunização. Nesta data, a Secretária de Estado de Saúde (SES-MT) reforça o chamamento da população para a imunização.

Doenças que estavam erradicadas no Brasil estão ressurgindo, entre elas, poliomielite, sarampo, rubéola, tétano e coqueluche. Neste contexto, o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, alerta à população para o Dia D da primeira etapa da Campanha Nacional de Vacinação, que será no próximo sábado (19.10) e é voltada para crianças de seis meses a menores de cinco anos. A imunização controlou muitas doenças graves não apenas no Brasil, mas também no mundo.

“Conclamo a população mato-grossense para o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação, neste sábado (19). Essa é uma força-tarefa nacional de imunização contra o sarampo e outras doenças. Até o momento, Mato Grosso não tem casos confirmados de sarampo e não queremos que a doença, que chegou a ser erradicada no Brasil, volte a circular no estado”, disse o gestor.

Neste ano, o Estado do Amazonas registrou um surto de sarampo que ocasionou a infecção de um grande número de pessoas e preocupou os responsáveis pela saúde. Foi decretada situação de emergência, pois o número de notificações aumentava todos os dias. Essa preocupante situação deixou a população dos estados vizinhos e de todo o Brasil em alerta. Para controlar o surto da doença, campanhas de vacinação foram intensificadas nos nove estados da Amazônia Legal. 

Leia Também:  Dados da Sesp apontam redução nos crimes de homicídio, roubo e furto em Mato Grosso

De acordo com a coordenadora do setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), Alessandra Moraes, a vacinação segue como a melhor maneira de se proteger contra as doenças e o Estado não mede esforços para abastecer os estoques dos municípios.

“A SES-MT, por meio da Vigilância Epidemiológica e da Gerência de Imunização, recebe, organiza e faz a distribuição dos lotes de vacinas, bem como acompanha a cobertura vacinal nos municípios, de forma a garantir a máxima cobertura”, explicou Alessandra.

As campanhas de vacinação contemplam vários públicos: crianças, adolescentes, adultos, idosos, gestantes e povos indígenas. Ao todo, são disponibilizadas 19 vacinas para mais de 20 doenças, que iniciam ainda nos recém-nascidos e podem se estender por toda a vida.

O que é a vacina?

A vacina é um liquido inserido no organismo humano que vai funcionar como um sistema de defesa, protegendo o corpo contra diversos tipos de vírus ou bactérias. Mesmo com as falsas notícias, especialistas garantem que a vacina não causa nenhum tipo de problema ao organismo.

Fake news da vacina

As campanhas de vacinação sofreram um grande ataque, foram bombardeadas com informações falsas e mentirosas, gerando medo em parte da população, que passou a ter dúvidas quanto à eficácia da imunização.

Essas falsas notícias ficaram conhecidas como fake news, que rapidamente ganharam o mundo virtual e viralizaram na internet, sendo compartilhadas nos perfis de redes sociais, ocasionando um considerável retrocesso à saúde humana e resultando na baixa procura pela vacinação. Boa parte dos adultos responsáveis por crianças, por exemplo, já não priorizam a imunização dos pequenos.

Leia Também:  Detran-MT notifica 30 condutores para defesa por irregularidade na obtenção da CNH

Diante desta situação e com o objetivo de desmitificar todos esses conteúdos mentirosos que circulam na internet, os profissionais da saúde têm falado constantemente sobre a importância da vacina.

De acordo com o médico e pediatra, Euze Marcio de Souza Carvalho, a imunização é a melhor foram de se proteger contra doença; o método é seguro e a população não precisa se preocupar. “As vacinas estão cada vez mais eficazes, elas protegem o indivíduo de doenças que podem causar paralisia e evitam a morte”, disso o médico.

O que é preciso ser feito para me vacinar?

As pessoas que precisam ser imunizadas – crianças, adultos e idosos – devem procurar uma Unidade Básica de Saúde. Segundo informações do Ministério da Saúde, o Brasil possui mais de 36 mil salas de vacinação. É indispensável a apresentação do cartão de vacina, o documento que registra todas as vacinas que o cidadão recebeu.

Outra importante orientação é para as pessoas que perderam o cartão de vacina. Neste caso, o cidadão deve procurar o posto de saúde onde recebeu as vacinas para resgatar o histórico de vacinação e fazer a segunda via. O serviço é ofertado pelo Sistema Único de Saúde (SUS), não havendo nenhum tipo de cobrança de taxa.

Fonte: GOV MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mato Grosso

"Sarau Reencontro" reúne autoridades que marcaram a história política de Mato Grosso

Publicado

Final de tarde em Cuiabá pede sempre o clássico tchá cô bolo. A propósito, nesta quinta-feira (21.11), a partir das 17h, o Museu Residência dos Governadores receberá o “Sarau Reencontro”, uma confraternização que promete reunir autoridades que marcaram a história política do Estado de Mato Grosso.

“O objetivo é o reencontro de ex-governadores, pessoas públicas e representantes das famílias de autoridades políticas, além de empresários, para relembrar histórias que ocorreram na nossa política, num clima amistoso, regado a bolo de arroz, chá e muita música”, explica Vicente Paulo, superintendente de Patrimônio Histórico e Cultural da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer.

O encontro, ou melhor, reencontro, também tem a finalidade de lançar algumas propostas de investimento na área da cultura via pessoa física com descontos de imposto de renda, à exemplo.

“Nos EUA e na Europa isso é muito comum. Pessoas com condições e sensíveis a causa da cultura investem via doações. Queremos lançar propostas de investimento para melhorias dos aparelhos culturais do Estado como bibliotecas, galerias de arte e museus. ”, detalha. 

Leia Também:  Governador Mauro Mendes participa da Semana do Clima em Nova York

Na programação estão o Coro Experimental MT cantando clássicos do rasqueado cuiabano e alguns depoimentos de autoridades do passado e da atualidade, contando causos e curiosidades da história política do Estado.

“Já temos algumas autoridades confirmadas e parentes de ex-governadores que veem de Mato Grosso do Sul e Rio de Janeiro. Será mesmo um encontro inesquecível”, conclui Vicente.

Museu Residência dos Governadores

Durante 45 anos, a Residência dos Governadores abrigou 14 dirigentes do Estado e suas famílias. Atualmente tem funcionalidade museológica, mais um equipamento cultural que expões de forma permanente e didática itens do antigo mobiliário, pratarias, louças, entre outros objetos antigos, aberta de segunda-feira a sexta-feira, sempre das 10h às 17h.

A Residência dos Governadores está localizada no Centro Histórico de Cuiabá e é considerada um importante espaço para a sociedade cuiabana pelo seu valor histórico e arquitetônico. Inaugurado em 1940, o projeto do prédio tem estilo neocolonial de matriz norte-americana, chamado às vezes de estilo “mission”, baseado nas antigas missões espanholas da Califórnia.

Leia Também:  Duplas classificadas para as Olímpiadas de Tóquio jogam em Cuiabá

Serviço

Assunto: Sarau Reencontro

Quando: Quinta-feira, 21 de novembro às 17h

O Museu Residência do Governadores está localizado na Rua Barão de Melgaço, 3565 – Centro Norte de Cuiabá e é um aparelho museológicos geridos pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer, aberto de segunda-feira a sexta-feira, das 10h às 17h. Informações: (65) 3613-0225/0209.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Mato Grosso

Estudantes de Várzea Grande embarcam para intercâmbio cultural em Londres

Publicado

Quatro estudantes da Escola Estadual Jercy Jacob, em Várzea Grande, viajam nesta segunda-feira (18.11) para Londres, na Inglaterra, para um intercâmbio de seis dias. Nesse período, vão participar de atividades para aprimorar a língua inglesa. Com as estudantes Giovanna Emanuelly Lopes, Izabelly Pereira Domingues, Gabriela Assis e Amanda Dias Amorim, viajam as professoras Ninna Sanches Vicente da Costa, coordenadora do projeto, e a professora de História Elizandra Ribeiro Senábrio.

O intercâmbio faz parte do projeto “It’s Possible – é Possível”, integrante Projeto Educação Cultura e Arte (Educarte) da Secretaria de Estado de Educação (Seduc). O Educarte possibilita a escola trabalhar línguas estrangeiras.

Segundo o diretor, Marlon Christian Rosa da Silva, a escola fez um levantamento e percebeu que o aprendizado de idiomas demanda um custo expressivo, uma vez que os pais tinham que matricular os filhos num curso particular.

O sucesso do projeto foi tão grande que, como prêmio pela dedicação dos alunos, a escola conseguiu um intercâmbio cultural para que os alunos conheçam “in loco” a cultura do país de língua estrangeira. Na avaliação do diretor, mais que uma viagem de pesquisa e intercâmbio, ele acredita que esse projeto inspire as alunas para a vida.

Leia Também:  Governo assina contrato de concessão de rodovia no Nortão de MT

“Que elas possam entender que a vida é mais que esse mundinho em que vivemos do dia a dia, que existe lugares maravilhosos para conhecer, um mundo disponível para cada uma delas conquistar e que a realização dos sonhos só depende exclusivamente delas”, opina.

A expectativa das alunas é muito grande. Amanda relata que sempre quis viajar por outros países, conhecer pessoas, novas culturas. “Nunca pensei que isso aconteceria tão cedo. É tudo surpreendente. Graças ao projeto, estamos conseguindo realizar esse sonho. Quero conhecer Londres, tudo o que tem de bom lá”, assinala.

Gabriela também está entusiasmada, pois sempre sonhou em conhecer Londres. “É difícil de acreditar que vou poder colocar em prática tudo aquilo que aprendi na sala de aula de uma escola pública. Parece surreal. Espero conhecer mais sobre os ingleses”, explica.

Isabelly, por sua vez, não tem dúvidas da quantidade de portas que vão se abrir tanto para ela como para as colegas. “Esse encontro é foco do projeto que não estaria nesse estágio sem o esforço de todos da Escola, pais e colaboradores”, comemora.

Leia Também:  Ação integrada apreende produtos agrícolas roubados em Porto dos Gaúchos

Essa é a primeira viagem internacional de Giovana e não vê a hora de desembarcar em Londres. “Estou ansiosa para ver de perto tudo aquilo que ouvi falar da cidade e tudo aquilo que estudei e vi em fotos da capital inglesa”, festeja.

No entendimento da professora Ninna, as expectativas são diversas, mas acredita que essa experiência gere bons frutos, não apenas na vida das alunas, mas também na vida daqueles que estão ao redor delas, familiares e amigos, afinal esta será uma oportunidade incrível para que horizontes sejam ampliados.

“Quando fomos buscar as parcerias dos empresários de Várzea Grande, demos um nome ao projeto, “It’s Possible”, ou seja, “É Possível”, de fato é, o caminho existe, não é igual para todos, não é fácil e exige muito de nós, compromisso, dedicação e essencialmente perseverança. Tenho certeza que muitos conceitos serão revistos ao final dessa viagem”, assegura. 

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana