conecte-se conosco


Mato Grosso

Seciteci amplia quadro de monitores da carreta MT Ciências para difundir e fomentar a ciência no Estado

Publicado


Na manhã desta segunda-feira (01.02), o secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Seciteci), Nilton Borgato, recepcionou em seu gabinete os novos monitores bolsistas selecionados para atuar no Circuito Itinerante da Ciência de Mato Grosso – MT Ciências.

O secretário reforçou a importância deste projeto para a popularização da ciência no Estado e destacou que, após controlada a pandemia, as atividades deverão ser retomadas.

“Neste momento, precisamos pensar nos cuidados com a saúde, evitar aglomerações e exposições à riscos, mas estamos trabalhando para regularizar a situação. A vacina já está sendo aplicada, e vamos retomar as nossas atividades assim que tivermos segurança para isso”, frisou o secretário. 

As bolsas serão ofertadas por meio de parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (Fapemat). Segundo Marilene Passos, coordenadora de Popularização da Ciência da Seciteci, os novos profissionais são da área de Engenharia da Computação, Ciência da Computação e Física, que deverão atuar no atendimento e orientação ao público durante o circuito.

“Eles vão atuar na parte de impressão 3D, óculos de realidade virtual, propostas de novos jogos. São professores formados, com o perfil de promover a interação e atendimento ao público na carreta MT Ciências”, disse a coordenadora.

diretor da Fapemat, Flávio Teles, ressalta que o principal objetivo desta ação é expandir e divulgar a ciência além das fronteiras.

“A fundação tem como objetivo fomentar os projetos de pesquisa, extensão, inovação e a divulgação dos resultados. Esta iniciativa da Seciteci é uma das ações mais importantes para a difusão da ciência para fora dos ‘muros’, e a Fapemat é parceira neste processo, com o fomento dos trabalhos da carreta e dando o amparo aos novos trabalhadores que vão atuar no MT Ciências”, afirmou.

Os novos contratados conheceram o circuito itinerante e puderam se ambientar com o projeto ao qual agora fazem parte. “Estes novos monitores vem para complementar a equipe do MT Ciências, para mostrarem os experimentos e despertarem a curiosidade dos alunos que vierem conhecer o projeto”, ressaltou Lectícia Figueiredo, superintendente de Desenvolvimento Científico Tecnológico e de Inovação da Seciteci.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Sábado (17): Mato Grosso registra 342.243 casos e 9.031 óbitos por Covid-19

Publicado


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (17.04), 342.243 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 9.031 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1.169 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos  342.243 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 11.631 estão em isolamento domiciliar e 319.484 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 513 internações em UTIs públicas e 475 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 96,61% para UTIs adulto e em 59% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (72.681), Rondonópolis (25.516), Várzea Grande (22.409), Sinop (17.959), Sorriso (12.304), Tangará da Serra (11.393), Lucas do Rio Verde (11.005), Primavera do Leste (9.771), Cáceres (7.351) e Alta Floresta (6.498).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link. 

O documento ainda aponta que um total de 303.006 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 1.273 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (16), o Governo Federal confirmou o total de 13.832.455 casos da Covid-19 no Brasil e 368.749 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 13.746.681 casos da Covid-19 no Brasil e 365.444 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste sábado (17).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança. Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Secretaria mostra 34 óbitos e 1169 novos casos nas últimas 24 horas e taxa de ocupação de UTI é de 96,6%

Publicado

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (17), 342.243 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 9.031 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado. Nas últimas 24 horas, 34 pesoas foram a óbito

Foram notificadas 1.169 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos  342.243 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 11.631 estão em isolamento domiciliar e 319.484 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 513 internações em UTIs públicas e 475 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 96,61% para UTIs adulto e em 59% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (72.681), Rondonópolis (25.516), Várzea Grande (22.409), Sinop (17.959), Sorriso (12.304), Tangará da Serra (11.393), Lucas do Rio Verde (11.005), Primavera do Leste (9.771), Cáceres (7.351) e Alta Floresta (6.498).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link. 

O documento ainda aponta que um total de 303.006 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 1.273 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (16), o Governo Federal confirmou o total de 13.832.455 casos da Covid-19 no Brasil e 368.749 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 13.746.681 casos da Covid-19 no Brasil e 365.444 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste sábado (17).

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana