conecte-se conosco


Geral

Saúde Estadual lança novo Processo Seletivo com 278 vagas para hospitais de MT

Publicado

Edital visa à contratação emergencial de 278 profissionais de saúde para oito hospitais estaduais que realizam o tratamento da Covid-19 [Foto – Christiano Antonucci]

O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), lançou o Processo de Seleção Simplificada nº 001/2021, que visa à contratação emergencial e temporária de 278 profissionais para oito hospitais estaduais que realizam o tratamento da Covid-19.

Dentre os perfis selecionados, estão médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, fisioterapeutas, assistentes sociais e técnicos de laboratório. Para ter acesso à íntegra do Edital do Processo Seletivo, clique aqui.

De acordo com o Edital, as inscrições são realizadas desde o dia 19 de fevereiro exclusivamente pela internet, por meio deste link, e ficarão abertas pelo período de 30 dias, podendo ser encerradas ou prorrogadas após o vencimento do prazo.

Para a inscrição, é obrigatória a apresentação de documentos de identificação, currículo, Diploma de Conclusão do Curso e inscrição no Conselho de Classe compatível à formação profissional.

Conforme consta descrito no Edital, a remuneração prevê escalas de plantão diurno ou noturno, com o limite de até 12 ou 14 plantões mensais – a depender do perfil apresentado. Os profissionais classificados podem ser chamados de imediato ou não, sendo que o Processo Seletivo também formará cadastro reserva.

O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, enfatizou que o Estado de Mato Grosso precisa do auxílio desses profissionais para somar no combate ao coronavírus. “No enfrentamento à pandemia, o profissional que atua na área da Saúde é fundamental. Mais do que nunca, precisamos da força, competência e apoio desses profissionais. Você que se inscreveu ou irá se inscrever, fique atento e venha somar esforços contra a pandemia pela Covid-19”, declarou.

O contrato dos profissionais se dá exclusivamente pelo regime de plantão e poderá ser rescindido de acordo com as necessidades do Estado. O resultado final e a convocação dos aprovados serão publicadas no Diário Oficial.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Geral

Centro de Triagem volta a funcionar aos sábados; de 121 mil pessoas atendidas, 20 mil testam positivo para Covid

Publicado

Medida já começa a vigorar nesta semana, após a alta na procura pelos serviços ofertados no local [Foto – Christiano Antonucci]

O Centro de Triagem Covid-19, instalado na Arena Pantanal, retorna os atendimentos aos sábados. A medida já começa a vigorar nesta semana, após a alta na procura pelos serviços ofertados no local.

Com a ampliação nos dias de funcionamento, o atendimento no Centro de Triagem será de segunda a sábado, exclusivamente das 7h às 17h. O número de senhas distribuídas será mantido em até 900 por dia, sendo 500 senhas emitidas pela internet – por meio do link triagem.mt.gov.br – e 400 senhas presenciais entregues das 6h às 6h45.

O secretário Estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, explica que a medida se fez necessária diante do aumento da procura pelo serviço disponibilizado no Centro de Triagem.

“Para suprir essa demanda, decidimos retornar com o funcionamento aos sábados. Essa ação é importante no enfrentamento do coronavírus, pois contribui para o diagnóstico e tratamento de um maior número de pessoas. A ação tende a diminuir a transmissibilidade do vírus, já que o paciente detectará a doença em tempo hábil, cumprirá a medida de isolamento e seguirá o tratamento orientado pelo médico”, entende o gestor.

Aberto ao público desde o dia 22 de julho, o Centro de Triagem Covid-19 atendeu até o dia 3 de março de 2021, 121.791 mil pessoas. Desse total, 20.624 testaram positivo para o novo coronavírus, 66.818 tiveram o resultado negativo e 34.349 apresentaram quadro suspeito da Covid-19.

No mesmo período, foram realizadas 9.035 tomografias, exame de avaliação dos pulmões que auxilia no diagnóstico e tratamento da doença. Para o tratamento dos pacientes que testaram positivo ou que apresentaram a suspeita de coronavírus, a farmácia da unidade já entregou 54.973 medicamentos. Os remédios são fornecidos somente após realização de consulta e prescrição médica.

O Centro de Triagem é um reforço para a rede de Atenção Básica dos municípios, que é uma atribuição das gestões municipais. Esse auxilio visa ao atendimento de pessoas que apresentam sintomas leves da doença. Para os casos graves, que necessitam dos recursos de uma internação, a porta de entrada continua sendo as unidades de saúde da rede municipal, como Unidades de Pronto Atendimento e Pronto Socorro.

Novo teste

O Centro de Triagem já utiliza há um mês o teste de pesquisa de antígeno, considerado mais efetivo pelos especialistas e ideal para o diagnóstico de pessoas com a Covid-19. Em vez de uma análise do sangue, o teste faz a análise da secreção da nasofaringe. Essa secreção é extraída com o swab e colocada numa solução de soro, para que seja dissolvida a amostra. Cinco gotas deste líquido são adicionadas à placa de teste e em 15 minutos sai o resultado.

 

Continue lendo

Geral

Várzea Grande irá editar decreto e comércio e igrejas terão horários reduzidos; toque de recolher será às 21 horas

Publicado

Mudanças atendem pedido do Ministério Público. Novo decreto deve ser publicado ainda hoje

Em resposta à notificação encaminhada pelo Ministério Público do Estado de Mato Grosso, a Procuradoria-Geral do Município de Várzea Grande informou que realizará a edição do Decreto 22/2021, que trata das medidas restritivas para prevenção à Covid-19. A administração municipal decidiu pela uniformização das normas de restrição que estão estabelecidas no Decreto Estadual, conforme recomendado pelo MPMT.

Na notificação, o procurador-geral de Justiça José Antônio Borges Pereira recomendou que os dispositivos do Decreto Municipal 22/2021 que flexibilizam as medidas mais restritivas já definidas pelo Decreto Estadual 836/2021 fossem revogados. Além disso, orientou que prevalecesse a norma mais restritiva nos casos de conflito entre os decretos do Governo do Estado e da Prefeitura Municipal.

Na Cidade Industrial, o decreto permitia o funcionamento dos supermercados e mercados nos sábados até as 19 horas, e não como o Estado, que determinou o fechamento até ao meio-dia. Também permitiu que as igrejas e templos possam funcionar até as 20 horas, ou seja, uma hora antes de iniciar o Toque de Recolher, que vai das 21 horas até as 5 horas da manhã do dia subsequente.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana