conecte-se conosco


Tecnologia

Samsung e empresas de tecnologia definem padrões de informações compartilhadas

Publicado

source

A Samsung SDS e a Duality Technologies reuniram líderes de pesquisa e indústria de Inteligência Artificial (IA) no campus da Microsoft, em Redmond, para debater o avanço de padrões para criptografia homomórfica (HE).

Leia também: Bolsonaro diz que reforma tributária deve se tratar apenas de impostos federais

samsung arrow-options
Shuttersock

Samsung e demais empresas discutiram o destino dos padrões para criptografia homomórfica

A reunião teve como objetivo expandir os padrões definidos em reuniões anteriores da comunidade de padronização da ES, composta por especialistas que representam a indústria, o meio acadêmico e o governo. O encontro trouxe oportunidades para aplicações em blockchain, já que a tecnologia de contabilidade distribuída (DLT) vem sendo considerada essencial para a ‘construção’ de um big data global distribuído e impulsionado por Internet das Coisas (IoT)

O HE permite cálculos, incluindo aprendizado de máquina e análise de IA, em dados criptografados, viabilizando a obtenção de informações valiosas por parte de cientistas, pesquisadores e empresas de dados, sem necessidade de descriptografar ou expor os dados. Isso é fundamental para ocasiões em que os dados confidenciais são usados ​​em colaborações – por exemplo, na colaboração que preserva a privacidade entre vários centros de saúde e de pesquisa ou na cooperação interbancária em investigações de crimes financeiros.

Como resultado do debate, esquemas e protocolos adicionais foram incluídos entre os padrões de HE , estabelecendo as bases para um ecossistema amplo e interoperável de computação segura.

O uso de blockchain vem sendo constantemente debatido entre os líderes da tecnologia que vêm apontando como a cadeia de blocos pode fornecer um layer de segurança para o compartilhamento das informações na ‘rede global’, porém, o desafio principal ainda continua sendo a escalabilidade.

“A criptografia homomórfica está acima do limiar da adoção no mercado. Dado que várias soluções de HE estão sendo oferecidas – algumas baseadas em bibliotecas de código aberto e outras em protocolos proprietários – padrões claros e robustos da indústria são críticos para a confiança do cliente e a adoção de soluções usando essa avançada tecnologia de aprimoramento da privacidade”, disse Kurt Rohloff, cofundador e diretor de tecnologia da Duality.

Organismos internacionais de padronização, como a União Internacional de Telecomunicações (ITU-T) e representantes do governo dos EUA, estavam entre os participantes das sessões de trabalho. As decisões tomadas ajudarão a facilitar o caminho para uma maior integração do ES nos padrões internacionais de segurança. As próximas reuniões de padronização serão organizadas pela UN / ITU-T e pelo Instituto Federal Suíço de Tecnologia (EPFL) em Genebra e pela Samsung SDS na Coréia do Sul.

Leia também: De motel a cerveja – veja as promoções preparadas para o Carnaval 2020

“Acreditamos que esta reunião de padronização desempenhará um papel fundamental na criação de tecnologias de criptografia homomórfica comercialmente aplicáveis, em meio ao aumento da demanda no setor comercial, para lidar com as mais recentes informações sobre tecnologias e regulamentações de privacidade aprimorada”, destacou Dr. Cho Jihoon , Líder do Centro de Pesquisa de Segurança da Samsung SDS.

Fonte: IG Tecnologia
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Tecnologia

Bolsonaro viola regras do Twitter e tem publicações apagadas

Publicado

source

Olhar Digital

Twitter arrow-options
Unsplash/Sara Kurfeß

Twitter remove posts de Jair Bolsonaro


O Twitter apagou duas publicações da conta oficial do presidente Jair Bolsonaro no último domingo (29). A rede social afirmou que as exclusões se devem à expansão das regras abrangendo conteúdos que forem “eventualmente contra informações de saúde pública orientadas por fontes oficiais e possam colocar as pessoas em maior risco de transmitir Covid-19 ”.

As postagens apagadas mostravam Bolsonaro entre aglomerações durante passeio em Brasília, realizado na manhã de domingo. O Twitter não detalhou quais os motivos específicos para a exclusão dos posts, já que há diversas outras fotos e declarações que se mantém no ar.

Leia também: Twitter remove publicações mentirosas sobre o novo coronavírus

O primeiro dos vídeos apagados mostra o presidente conversando com um vendedor, que afirma que as pessoas precisam continuar trabalhando, enquanto quem “tem mais de 65 ficar em casa”. Já no segundo, Bolsonaro afirma que “o país fica imune quando 60, 70% forem infectados”, além de afirmar que há um remédio contra o novo coronavírus que “já é uma realidade”, mesmo ainda sem comprovação científica.

A Organização Mundial da Saúde , além de autoridades do mundo todo, defende uma quarentena total, com exceção de serviços essenciais, para conter a disseminação do vírus. Apesar disso, o presidente brasileiro é a favor de uma restrição nesse isolamento, se focando apenas no grupo de risco, como idosos e doentes crônicos, indo contra o próprio ministro da Saúde do país.

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Tecnologia

Carro da Tesla para sozinho em sinal vermelho; veja o vídeo

Publicado

source

Olhar Digital

Elon Musk arrow-options
Elon Musk

Elon Musk, CEO da Tesla Motors


O sistema de piloto automático é um dos destaques dos veículos da Tesla . Agora, a montadora prepara uma atualização que vai permitir que os carros parem sozinho em semáforos fechados, e não apenas em situações de emergência. Um vídeo postado no Twitter mostra o sistema em ação.


Este é mais um passo em direção à capacidade total de direção, mencionado anteriormente pelo CEO da montadora, Elon Musk . A atualização deveria ter chegado nos carros da marca ainda em 2019, mas não funcionou como esperado. Agora, o mecanismo foi inserido aos carros da “frota de acesso antecipado”, uma espécie de versão beta dos veículos.

Leia também: Conheça Elon Musk, empresário dos carros elétricos com planos de explorar Marte

Leia também: Governo brasileiro quer convencer Tesla a abrir fábrica no país

A atualização faz parte de um pacote que custa US$ 7.000, cerca de R$ 35.385. O sistema promete, além de reconhecer e responder aos semáforos, a condução automática também nas cidades. Com o recurso já nos carros de acesso antecipado, a  Tesla pode estar prestes a lançá-lo oficialmente, já que as vezes leva apenas alguns dias para que as funções cheguem em todos os carros após a etapa de testes.

Apesar do avanço na sua tecnologia, a montadora ainda pede que os motoristas permaneçam com as mãos no volante e prontos para assumir o controle, já que ainda são os responsáveis por guiar o carro.

Fonte: IG Tecnologia
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana