conecte-se conosco


Saúde

Rússia encontra antiviral que impede reprodução do coronavírus

Publicado


source
remédio despejado em uma mão
Pixabay/TheDigitalWay

Mesmo que empresa confirme êxito, o estudo do Coronavir não foi publicado em periódicos científicos


Nesta quarta-feira (8), a empresa farmacêutica russa R-Pharm afirmou que conseguiu autorização governamental para vender o Coronavir,  remédio antiviral que inibe a replicação do novo coronavírus no organismo humano.


Segundo a empresa, o vírus deixa de ser replicado tanto em quadros leves quanto graves. As testagens em humanos foram iniciadas no mês de maio. Dos 110 casos participantes, 55% responderam da maneira esperada em uma semana.

O diretor médico da empresa, Mikhail Samsonov, afirmou à reuters que a reprodução do novo coronavírus para por conta de “uma efetiva obstrução da replicação do vírus”. No entanto, a pesquisa da equipe russa não foi publicada por revistas científicas que comprovam que o medicamento é eficaz contra a Covid-19.

Além do Coronavir, o país testa atualmente o Avifavir. Ambos os antivirais tem base de favipiravir, que chegou a ser estudado na China e no Japão, mas não é comercializada principalmente pela possibilidade de causar má formação de embriões.

No Brasil, ambos os remédios testados em território russo não são comercializados.

Fonte: IG SAÚDE

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

“Estamos no meio do caminho”, diz secretário de saúde de SP sobre quarentena

Publicado


source
Aglomeração
Reprodução

Aglomerações foram comuns em bares durante a final do campeonato paulista, no sábado (8)

A final do campeonato paulista de futebol ocasionou vários pontos de aglomeração na capital durante o fim de semana. Questionado pela repórter do iG , Eduarda Esteves sobre a efetividade das ações para inibir ocorrências, o governo de São Paulo afirmou que, embora existam medidas de fiscalização, o distanciamento depende da colaboração da sociedade.

“O Plano São Paulo é um pacto com a sociedade. É como se disséssemos ‘fiquem em casa enquanto organizamos a situação dos hospitais’ e assim fizemos”, defende o secretário de saúde, Jean Gorinchteyn. “É claro que as pessoas estão saindo, aos poucos, daquela restrição de ir e vir”, completou o secretário.

Para Gorinchteyn, o estado está “no meio do caminho” entre o isolamento completo e a flexibilização das medidas de distanciamento, mas cada município ainda depende da permanência dos índices para que a fase não volte a retroceder. “Se não mantivermos, algumas regiões vão precisar involuir”.

Sobre a fiscalização, Gorinchteyn também reforçou que o estado “não possui braços” para garantir, sozinho, a manutenção da quarentena. “Vamos ser realistas, a sociedade precisa manter o pacto para que a gente consiga impedir o aumento de casos”, disse.

Fonte: IG SAÚDE

Continue lendo

Saúde

São Paulo ultrapassa 628 mil casos do novo coronavírus

Publicado


.

Com 1.289 novos casos e 37 mortes computadas nas últimas 24 horas, o estado de São Paulo soma agora 628.415 casos confirmados do novo coronavírus (covid-19), com 25.151 mortes. Às segundas-feiras, o número de novos casos e de óbitos costuma ser menor por causa de um atraso nas contabilizações que ocorre durante o final de semana.

Do total de casos diagnosticados, 426.856 pessoas estão recuperadas da doença, sendo 77.237 delas após internação.

Há 5.427 pessoas internadas em estado grave em todo o estado, em casos suspeitos ou confirmados do novo coronavírus, além de 7.086 internadas em enfermarias. A taxa de ocupação de leitos de unidades de terapia intensiva (UTI) no estado está em 59,1%, enquanto na Grande São Paulo está em 57,6%.

Edição: Fernando Fraga

Fonte: EBC Saúde

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana