conecte-se conosco


Política MT

Russi vê crescimento de Natasha ao Senado e propõe encontros com prefeitos para fortalecer candidatura no interior

Publicado

Primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, Max Russi, homem forte do PSB, faz a ponte da médica, Natasha Slhessarenko, com a cúpula nacional do partido; na foto, eles posam ao lado de Márcio França, ex-governador de São Paulo

O presidente do PSB de Mato Grosso, deputado estadual Max Russi, primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, afirmou que a pré-candidatura da médica Natasha Slhessarenko ao Senado pelo partido está surpreendendo e que as conversações estão sendo mantidas com todos os partidos. Segundo Max, a expectativa agora está na escolha das duas suplências.

“Ela tem que dialogar com todo mundo. Acho que ela está tentando ser vista, mostrar a candidatura, que tem uma candidatura feminina. Ela está preparada e acho que está conseguindo de forma bastante exitosa esse propósito”, declarou, acrescentando que as duas suplências estão em aberto.

“As duas suplências estão em aberto. Lógico que gostaríamos de buscar outros partidos, falamos com o presidente do PSDB, ele disse que há uma possibilidade e que o Nilson Leitão poderia ser o nome, mas o partido tem outros nomes também”, disse.

“Precisamos de dois suplentes e vamos conversar com alguns partidos para tentar fazer uma composição. Não queremos sair sozinhos, mas se precisar, também temos quadros dentro do partido para completar a chapa da Natasha”, argumentou o presidente da agremiação partidária.

Segundo ele, o partido está preparando um encontro para contato da pré-candidata com os prefeitos do PSB. “A Natasha não conversou ainda com todos os prefeitos do PSB, mas vamos ter um movimento para isso e ela está em pré-campanha. Ela é uma filiada nova ao partido e muitos prefeitos ainda não tiveram a oportunidade de estar com ela”, disse.

“O que eu posso garantir é que todos aqueles que estão encontrando com ela estão gostando muito, vendo que ela está preparada, capacitada e é qualificada, uma grande opção ao Senado”, completou Russi.hjuik

publicidade
1 comentário

1 comentário

  1. José Benedito disse:

    Max Russi tudo indica ela sair por cima nesta. Corre que atrás vem ela pra te atropelar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Política MT

Bezerra diz que Percival está ‘empolgado’ para disputar o governo e que assunto será decidido após as convenções

Publicado

Afirmação foi dada após bancada do MDB na Assembleia manifestar desejo em apoiar a reeleição de Mauro Mendes

O deputado federal Carlos Bezerra (MDB), presidente do partido no Estado, disse sobre as declarações da deputada Janaína Riva, vice-presidente do partido e líder da bancada na Assembleia Legislativa, de que o partido não deve ter candidatura própria ao governo nas eleições deste ano, que isso “só as convenções é que vão decidir”.

Janaína defende que o partido continue apoiando o projeto de reeleição do governador Mauro Mendes (União Brasil) e classificou a possibilidade de o MDB deixar a base de Mendes na Assembleia Legislativa como uma deslealdade ao governador.

Segundo o líder emedebista, é um direito da deputada se posicionar sobre o assunto. “A Janaina tem o direito de opinar. Ela é deputada, líder da bancada do MDB na Assembleia Legislativa. Tem total direito de se manifestar. No entanto, esta é uma decisão que será tomada na convenção estadual do partido e todos os filiados vão acatar o que a maioria decidir”, afirmou Bezerra.

Conforme o presidente do MDB, o partido “é democrático e vai ouvir as bases”, disse sobre a possibilidade de candidatura do ex-prefeito, ex-deputado estadual e federal Percival Muniz, de Rondonópolis. Bezerra confirmou que já fez uma conversa com o ex-prefeito Percival Muniz para falar sobre o assunto, e que visualizou a disposição do emedebista de ir para a disputa.

Continue lendo

Política MT

Comissão de Agropecuária aprova PL que institui política de manejo sustentável dos frutos nativos do cerrado

Publicado

Os parlamentares também analisaram outras matérias, entre projetos de lei e processos envolvendo o Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat)

Foto: JLSIQUEIRA / ALMT

A Comissão de Agropecuária, Desenvolvimento Florestal e Agrário e de Regularização Fundiária da Assembleia Legislativa aprovou parecer favorável ao Projeto de Lei 847/2021 que institui uma política estadual para o manejo sustentável de frutos e produtos nativos do cerrado mato-grossense.

O projeto visa criar mecanismos para fortalecer e expandir os segmentos da cadeia produtiva dos frutos do cerrado mato-grossense, principalmente em comunidades tradicionais que vivem ou sobrevivem da coleta do pequi e de outros produtos nativos do cerrado.  A proposta prevê ainda a organização dessas comunidades em cooperativas para coleta e beneficiamento dos frutos. Além disso, ele também prevê criar mecanismos de incentivo à preservação das áreas de cultivos das espécies e realizar estudos à recuperação da biodiversidade das terras públicas e devolutas abandonadas pelo uso do solo degradado, mas com potencial para projetos agrossilvipastoris.

Os parlamentares também analisaram outras seis matérias, entre projetos de lei e processos envolvendo o Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat). Além do presidente da comissão deputado Nininho (PSD), também participaram da reunião os deputados Dilmar Dal Bosco (União) e Elizeu Nascimento (PL), todos membros titulares do grupo.  Essa foi a última reunião da comissão, antes do recesso parlamentar institucional;  os trabalhos serão retomados em agosto.

Confira a pauta da terceira reunião ordinária da Comissão de Agropecuária:

Projetos:

PL n.º 847/2021– Institui a Política Estadual para o Manejo Sustentável, Plantio, Extração, Consumo, Comercialização e Transformação dos Frutos e Produtos Nativos do Cerrado Mato-grossense. Aprovado.

PL n.º 1148/2021 – Dispõe sobre a manipulação e o beneficiamento de produtos de origem animal, sob a forma artesanal, bem como sobre sua inspeção e fiscalização sanitária no Estado de Mato Grosso. Aprovado.

PL n.º 264/2022 – Dispõe sobre o restabelecimento de áreas agricultáveis em propriedades rurais do Estado de Mato Grosso. Aprovado.

PL n.º 460/20212– Institui a Campanha VIDA ANIMAL, no âmbito do Estado de Mato Grosso, e dá outras providências. Prejudicialidade.

Processos:

Processo n.º 1301/2022 – Intermat- regularização de ocupação fundiária. Requerente: José Hélio Bertuol e Outros. Município: Sorriso/MT. Aprovado.

Processo n.º 1302/2022 – Intermat- regularização de ocupação fundiária. Requerente: Luan Henrique Fistarol e Outros. Município: Marcelândia/MT. Aprovado.

Processo n.º 1192/2022 – Intermat- regularização de ocupação fundiária. Requerente: Tarcísio Zandonadi. Município: Alto Taquari/MT. Aprovado.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana