conecte-se conosco


Nacional

RJ registra 54 mil casos confirmados e 5.462 mortes por Covid-19

Publicado


source
covid-19
Reprodução

A capital lidera o número de infectados pela doença, com 30.014 casos, ou 55% do total no estado


O estado do Rio de Janeiro registrou 54.530 casos confirmados e 5.462 mortes por Covid-19. Os números foram divulgados no boletim diário da Secretária de Estado de Saúde (SES) nesta segunda-feira (1º). São 1.142 casos e 118 óbitos a mais em 24 horas. Há ainda 1.288 óbitos em investigação e 40.355 pacientes se recuperaram da doença.

Leia mais: Brasil ainda não enfrentou o pior da pandemia, afirma OMS

A capital lidera o número de infectados pela doença, com 30.014 casos, ou 55% do total no estado. Os demais municípios com maior número de casos são Niterói (3.086), Nova Iguaçu (1.805), São Gonçalo (1.643), Duque de Caxias (1.516), Itaboraí (1.134), Queimados (989), Macaé (904), Angra dos Reis (894), São João de Meriti (884), Campos dos Goytacazes (747), Belford Roxo (724), Volta Redonda (702), Magé (657), Teresópolis (524), Mesquita (511), Maricá (508), Petrópolis (421), Rio das Ostras (380) e Cabo Frio (379).

Entre as vítimas fatais , a liderança também é da capital, com 3.671 casos, ou 67,2% do total no estado. Os demais municípios com maior número de mortes são Duque de Caxias (250), Nova Iguaçu (188), São Gonçalo (160), Niterói (104), Belford Roxo (102), São João de Meriti (90), Magé (89), Itaboraí (80), Mesquita (63), Itaguaí (45), Petrópolis (42), Nilópolis (37), Angra dos Reis (36), Maricá (36), Volta Redonda (36), Volta Redonda (36), Macaé (30), Araruama (28), Nova Friburgo (20), Cabo Frio (18) e Guapimirim (18).

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Nacional

Baixada Santista e outras 9 regiões de São Paulo avançam no plano de reabertura

Publicado


source
Doria anuncia que Vale do Ribeira avança duas fases no plano de flexibilização das medidas de isolamento social
Governo do Estado de São Paulo

Doria anuncia que Vale do Ribeira avança duas fases no plano de flexibilização das medidas de isolamento social

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), atualizou nesta sexta-feira (10) a situação das regiões no  Plano São Paulo de reabertura gradual das atividades econômicas.  Dez regiões progrediram para fases mais permissivas; nenhuma retrocedeu.

mapa
Divulgação/ Governo de São Pauo

Governo atualizou as fases do Plano São Paulo de acordo com a região

A Baixada Santista, que estava na fase laranja, progrediu para a fase amarela, que permite a reabertura de bares e restaurantes. Na Grande São Paulo, a região sudoeste – onde ficam Taboão da Serra e Itapecerica da Serra – seguiu o mesmo caminho. 

Além destas, a região onde ficam os municípios de Guarulhos e Mogi das Cruzes também seguiram para a etapa amarela. No Vale do Ribeira, a cidade de Registro avançou para a mesma fase.

Já na Região Oeste, cidades como Osasco e Barueri saltaram da fase laranja para a etapa seguinte. No Vale do Ribeira, Registro avançou duas fases, saindo da vermelha para a amarela. 

Algumas regiões avançaram da fase vermelha, a mais restrita, para a etapa laranja: Presidente Prudente, Bauru, Sorocaba, Marília e Piracicaba. Nesta fase, é permitido abrir o comércio por 4 horas diárias ou por até 6 horas desde que os comerciantes fechem 3 dias por semana.

mapa de evolução
Divulgação/ Governo de São Pauo

As atualizações de fases do Plano São Paulo

“Nós vemos, pelo ângulo da evolução da pandemia, uma maior estabilização do número de casos e internações principalmente na RM e já começamos a ver também em municípios do interior. As regiões Oeste e Leste, Baixada Santista e Registro tiveram melhoras siginificativas”, disse Patrícia Ellen, Secretária de Desenvolvimento Econômico do Estado de SP.

“Destacando também que o retrato do interior muda bastante, da migração da fase vermelha para a fase laranja. Agora temos algumas regiões que precisam ter medidas mais restritivas: Campinas, Ribeirão Preto, Franca e Araçatuba. Essas regiões tiveram um presença significativa da pandemia”, continuou.

A capital se manteve na fase amarela pela terceira semana seguida. As atualizações acontecem a cada 14 dias.

“A consolidação da capital mais uma vez, seguindo com índices importantes; a Grande SP avançando também nessa desaceleração, as Regiões Oeste e Leste, levando a cerca de 50% da população de SP já na fase amarela a partir de agora; somando isso a Baixada Santista e o Vale do Ribeira, as regiões litorâneas vindo para a fase amarela também, consolidando os números, e o interior em várias regiões com uma desaceleração importante. Temos hoje cerca de 83% da população nas fases amarela e laranja”, complementou o secretário de Desenvolvimento Regiona, Marco Vinholi.


Continue lendo

Nacional

Doria afirma que estado de São Paulo está ingressando em um platô

Publicado


source
Doria afirmou que São Paulo chegou no platô
Governo do Estado de São Paulo

Doria afirmou que São Paulo chegou no platô

Em coletiva realizada hoje (10) no Palácio dos Bandeirantes, Doria (PSDB) afirmou que o estado de São Paulo ingressa em uma fase de platô , isto é, momento da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) em que a curva a curva de casos acumulados particamente se estabiliza. 

“Estamos ingressando numa fase de platô no Estado de São Paulo, depois de um longo período enfrentando o pico, não só na capital, mas em todo o Estado estamos ingressando no platô. Mesmo assim, o momento significa atenção redobrada em todo o Estado e o controle sobre a doença”, disse o Doria.

O governador enumerou cinco pontos que ilustram a chegada dessa etapa epidemiológica.

“Primeiro ponto: o número de óbitos teve queda durante duas semanas sucessivas no Estado e pela primeira vez durante a pandemia. Dois: alcançamos a menor letalidade com 4,9% de mortes. Terceiro: na capital e na Grande SP, a doença vem regredindo. Quatro: começamos a obter resultados positivos também no litoral e no interior do Estado de SP. Quinto: na semana que vem, começamos a seleção dos 9 mil voluntários que vão receber a vacina Coronavac, no próximo dia 20 iniciamos esta vacinação preventiva “, explicou.

Segundo Doria, a boa notícia não significa o relaxamento das medidas de contenção à disseminação do vírus. De acordo com ele, “continuaremos em quarentena em São Paulo”.

“Se puderem ficar em casa, permaneçam em casa”, completou.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana