conecte-se conosco


Cuiabá

Renivaldo garante que irá abrir mão de VI em prol de investimentos no combate ao Covid 19

Publicado

Câmara Municipal de Cuiabá

Conhecido por seu temperamento forte e combativo dentro da Câmara de Cuiabá,o Vereador Renivaldo Nascimento,(PSDB)tomou uma atitude que,no mínimo acompanha a linha de raciocínio da população cuiabana que pede ações rápidas de seus representantes.
O Parlamentar vai devolver sua Verba Indenizatória (VI) da qual tem o direito á Saúde no Combate ao Coronavirus.O montante representa R$ 18.9 mil mensal”enquanto a pandemia durar na capital”como ele mesmo disse. A surpresa é que Renivaldo, antes do surto da doença,que já vitimou dezenas de vidas pelo Brasil e pelo mundo,era tido como um parlamentar que não olhada para sociedade, principalmente por parlamentares da oposição,ficando muito “ao lado do Prefeito”,ainda mais qndo votou favorável a cassação do Abílio Júnior.
Vale lembrar que os vereadores que votaram contra cassação ainda não se posicionaram quanto a devolução dessa verba extrema necessidade para atender a população.”Eu fico com minha consciência tranquila em fazer o correto.Somos servidores e temos que servir. As coisas não se resolvem no grito.mas com atitudes, é disso que a população precisa”argumentou.
Renivaldo ainda diz que devolver a verba é legal,tendo em vista que as atividades externas dos vereadores estão paralisadas devido á doença.”Espero que todos aham com firmeza e devolvam a V.I.Se assim o fizerem são quase meio milhão de Reais a mais pra nossa saúde. A Câmara de Vereadores já se comprometeu a abrir mão de R$2 milhões e devolver o valor para a Prefeitura de Cuiabá,a fim de ajudar nas ações de prevenção.

Marcely | Assessoria Vereador Renivaldo Nascimento

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Cuiabá

Quarta Unidade Básica de Saúde entregue por Pinheiro atenderá mais de 15 mil pessoas

Publicado


.

O prefeito Emanuel Pinheiro entregou neste sábado (27) a Unidade Básica de Saúde (UBS) do Residencial Ilza Terezinha Picolli Pagot. Com investimento de mais de R$ 800 mil viabilizados por meio de recursos do Ministério da Saúde e do próprio Município, a UBS que é a 4ª totalmente construída e entregue pela atual gestão beneficiará cerca de 15 mil pessoas/mês da comunidade local e dos Residenciais Jonas pinheiro, Vantuil de Freitas, Buriti, Jamil Nadaf, Solar da Chapada e área de ocupação social, Terra Prometida.

Com capacidade operacional de acolher três Equipes de Saúde da Família (ESF), o local foi entregue totalmente climatizado, equipado com novas mobílias e equipamentos de última geração, salas odontológicas e ainda foi beneficiado com a modalidade Saúde na Hora que oferta atendimentos em Hora Estendida das 7h às 21h.

“Essa unidade que está sendo entregue, na Região Norte inclusive com horário estendido que vai das 07h até as 21h, faz parte da continuidade do trabalho de humanização da Saúde, que está verdadeiramente virando a página e mudando para melhor a vida daqueles que dependem exclusivamente dos serviços do Sistema Único de Saúde (SUS) na Capital. Um local que terá capacidade de atender de 12 a 15 mil pessoas do Ilza Picolli e de mais nove bairros adjacentes com qualidade, modernidade e humanização que a população merece para cuidar de sua saúde”, frisou o prefeito Emanuel Pinheiro no ato da entrega.

A UBS  recebeu o nome de Dr. Artaxerxes Nunes da Cunha em homenagem aos serviços que o saudoso médico prestou à população cuiabana. “Numa obra dessa envergadura, eu não poderia deixar de homenagear um grande médico e grande ser humano  que foi o Dr. Artaxerxes da Cunha. Sobretudo, ele que é pertencente de família também tradicional da nossa Cuiabá, dedicou sua vida de forma esplendorosa e trouxe muitos progressos na área da Saúde para nossa Capital e do nosso Estado de Mato Grosso. Em nome de sua família aqui representados por seu filho João Cunha e seu neto, João Nunes da Cunha estamos deixamos essa justa homenagem à esse saudoso médico”, enfatizou

“Meu pai foi um homem realmente dedicado à Saúde Pública especialmente na assistência médica da Atenção Básica e da Rural que apenas hoje, na gestão Emanuel Pinheiro essa população rural que antes era desassistia, recebe atendimento de qualidade. Então para nós da família, não há outro senão uma grande honra saber que essa unidade básica de Saúde que trará mais avanços para Saúde pública de Cuiabá, recebeu o nome do meu saudoso pai. Somos muito gratos e essa homenagem de reconhecimento é motivo de orgulho para todos nós da família”, relatou emocionado, Jõao Cunha.

FUNCIONAMENTO

De acordo com o secretário Luiz Antônio Pôssas de Carvalho, a unidade já entra em funcionamento na próxima segunda-feira (29). “Aos moldes de um PSF, a unidade prestará todos os atendimentos inerentes da Atenção Básica com um diferencial de humanização do prefeito, que será a odontologia e do Hora Estendida. A equipe já está preparada e qualificada para iniciar os atendimentos de livre demanda à população na próxima segunda-feira, fortalecendo a virada de página na Saúde”, finalizou.

AUTORIDADES PRESENTES

Além do prefeito Emanuel Pinheiro e do secretário municipal de saúde, Luiz Antônio Pôssas de Carvalho, fizeram parte do dispositivo de honra os vereadores Adevair Cabral e Missael Galvão.

 

 

 

 

Continue lendo

Cuiabá

Prefeitura iniciará pagamento de auxílio para cerca de 840 trabalhadores já regularizados

Publicado

 

.

Luiz Alves

 

Clique para ampliar

Após reunião realizada nesta semana com o comitê gestor do programa Renda Solidária, o prefeito Emanuel Pinheiro definiu que o Município iniciará o pagamento do auxílio financeiro de R$ 500 aos trabalhadores que estão aptos para o recebimento. De acordo com o relatório apresentado ao chefe do Executivo, cerca de 840 beneficiários já possuem essa condição.

Dessa forma, conforme determinado por Pinheiro, a Prefeitura de Cuiabá deve publicar no Diário Oficial de Contas, até o início da próxima semana, a relação com o nome daqueles que cumpriram todos os critérios estabelecidos pela lei nº 6.536/2020. O planejamento é que, a partir da divulgação, o pagamento seja feito nos primeiros dias de julho.

Na oportunidade, serão quitadas as parcelas dos meses de maio e junho, ficando previsto para o início de agosto o pagamento de julho. Segundo Pinheiro, aos que ainda não estão regulares, será dado um prazo de 10 a 15 dias para que suas situações sejam resolvidas. O prefeito estuda ainda enviar à Câmara Municipal uma mensagem flexibilizando algumas exigências da lei.

“Não podemos deixar que continue dessa forma, até para que os que estão regular não sejam prejudicados. É uma forma também de respeitarmos o cronograma definido inicialmente. Vamos quitar duas parcelas já na primeira semana de julho, ficando para agosto a última. Dessa maneira, cumprimos com o nosso compromisso de pagar três meses de auxílio”, explica o gestor.

Para receber o auxílio, os beneficiários devem comprovar o exercício da atividade mediante inscrição nos cadastros municipais, ser maior de 18 anos de idade, residir há pelo menos três anos na Capital, e apresentar toda documentação pessoal. Além disso, é necessário que todos possuam conta corrente, já que o pagamento será efetuado via transferência bancária.

“Uma boa parte não tem conseguido fazer a comprovação de todas essas exigências, principalmente a de residir há pelo três anos em Cuiabá. Além disso, muitos também enfrentam dificuldades com falta de documentos e outros não conseguem efetuar a abertura da conta bancária. Por isso, estamos avaliando a flexibilização da lei”, pontua Pinheiro.

O PROGRAMA

Por meio do Renda Solidária, 1.687 trabalhadores autônomos, inscritos na Prefeitura de Cuiabá, receberão o valor de R$ 500, pelo período de três meses. O benefício abrange as categorias dos feirantes, ambulantes, transporte escolar, carroceiros e catadores de recicláveis e é destinado, exclusivamente, para situações de primeira necessidade.

O valor total do investimento é de R$ 2.530.500, sem criar despesa aos cofres do Município. O remanejamento do recurso será feito da seguinte forma: R$ 660 mil da suspensão das verbas indenizatórias (VI) do prefeito, vice-prefeito e secretários; R$ 870,5 mil transferidos dos serviços administrativos da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária; e R$ 1 milhão de encargos de tarifas bancárias.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana