conecte-se conosco


Mato Grosso

Reeducandos realizam manutenção na Creche Estadual Maria Eunice

Publicado

Com o objetivo de deixar o espaço mais alegre e aconchegante para as crianças, reeducandos da Penitenciária Central do Estado (PCE), do Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) e da Cadeia Pública de Várzea Grande auxiliaram na manutenção da Creche Estadual Maria Eunice Duarte de Barros, localizada no Centro Político e Administrativo, em Cuiabá. Os pequenos reparos e pintura do chão, paredes, fachada e grades foram feitos neste sábado (15.02) e domingo (16.02).

As aulas tiveram início no dia 10 de fevereiro, mas alguns serviços de manutenção ficaram pendentes e estão sendo realizados por meio de um mutirão formado por pais, funcionários e os reeducandos. “Esta parceria é muito importante, pois queremos deixar o espaço mais vivo e bonito para as crianças. Sempre podemos contar com as pessoas que fazem parte da creche e isso é muito gratificante”, ressalta a diretora, Maria de Lourdes Pereira.

A unidade escolar atende 280 crianças, em regime integral. Para o reeducando Fernando*, de 55 anos de idade, contribuir com a creche gera uma satisfação especial. “Todos nós devemos contribuir com o próximo, é essencial para a vida. Para mim, que tenho 17 netos, é motivo de alegria saber que meu trabalho vai melhorar o bem-estar das crianças”.

Atualmente prestando serviço para a Prefeitura de Cuiabá, ele desenvolve atividades extramuros desde 2013, e afirma que estas oportunidades são fundamentais para a efetividade da política de ressocialização. “Para aqueles que realmente querem reconstruir a vida, como é o meu caso, o trabalho fora da unidade penal é um passo importante para reconquistar a confiança das pessoas, além da remuneração que nos possibilita ajudar a família e planejar um futuro”.

O secretário adjunto de Administração Penitenciária, Emanoel Flores, frisa que as parcerias com outros órgãos, como é o caso da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), demonstram o compromisso das instituições públicas com a reinserção social de pessoas privadas de liberdade. “Acreditamos que a união de esforços traz resultados positivos tanto para os recuperandos quanto para a sociedade, que usufrui dos serviços”.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Blitz da Lei Seca põe cinco motoristas nas grades por por embriaguez no trânsito

Publicado

Cinco pessoas foram presas por embriaguez ao volante durante a 12ª edição da Operação Lei Seca, que ocorreu na noite deste sábado (15.05), em Várzea Grande. Ao todo, 35 testes de alcoolemia foram realizados.

Entre os principais autos de infração, 10 foram por conduzir veículo sem possuir CNH, nove por conduzir sem licenciamento, além de uma pessoa que se recusou a fazer o teste de alcoolemia.

Ao todo, 15 veículos foram removidos, entre nove carros e seis motocicletas. Além disso, seis documentos foram recolhidos, entre eles quatro CNHs e dois CRLV.

Participaram desta edição o Gabinete de Gestão Integrada da Secretaria de Estado de Segurança Pública (GGI/Sesp), a Polícia Militar por meio do Batalhão de Trânsito (BPMTRAN), a Polícia Judiciária Civil por meio da Deletran, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Guarda Municipal de Várzea Grande.

Continue lendo

Mato Grosso

PM prende cinco suspeitos e apreende drones que levariam celulares para o presídio da Mata Grande

Publicado


Policiais da 14ª Companhia de Força Tática prenderam no final da tarde desta sexta-feira (14.05) cinco pessoas, entre elas uma mulher (39 anos) e um adolescente (15 anos), que teriam a intenção de levar celulares para a Penitenciária da Mata Grande, em Rondonópolis (212 km de Cuiabá), usando drones.

As prisões aconteceram a partir de uma denúncia anônima. A equipe da Força Tática passou a fazer rondas na região do presídio e na rodovia MT-130, perto de uma antiga lanchonete, avistou um veículo modelo Etios com cinco ocupantes. No veículo havia alguns celulares, um drone e entorpecente.

Dois ocupantes, de 18 e 20 anos, assumiram serem os proprietários dos materiais. Eles também indicaram o local, um matagal próximo, onde estavam outros celulares e mais um drone.

O casal, formado pelo homem de 33 anos e a mulher de 39, contou aos policiais que trabalham como motoristas por aplicativo e foram contratados pelos suspeitos para auxiliar no transporte dos celulares.

Os cinco suspeitos, todos os celulares, drones e demais produtos apreendidos foram entregues no plantão da 1ª Delegacia de Polícia de Rondonópolis.

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque-denúncia 08000.65.3939. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. Exemplos: a presença de foragidos da Justiça com mandado de prisão em aberto e ponto de venda de droga.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana