conecte-se conosco


Mato Grosso

Público poderá acessar a programação cultural de casa

Publicado

Espetáculos de teatro, dança e cinema estão entre as atrações que serão disponíveis a cada dia nos canais online do Cine Teatro Cuiabá. O equipamento cultural, que precisou suspender as atividades ao público temporariamente, abriu um espaço em suas plataformas digitais para artistas e cineastas mato-grossenses e nacionais, como uma forma de fortalecer a rede artística neste momento em que todos precisam ficar em casa.

Por enquanto, a programação contempla opções até o dia 29 de março, gratuitamente. Mas a proposta é manter o conteúdo online até a reabertura física do espaço. “Nosso objetivo é contribuir de forma positiva nesse momento tão sensível para toda a população”, destaca o diretor artístico do Cine Teatro Cuiabá, Flávio Ferreira.

Ele explica que os artistas interessados em divulgar o trabalho nas redes sociais do Cine Teatro podem entrar em contato e agendar a participação. Além disso, quem precisar gravar o material, poderá contar com os serviços dos técnicos de luz e som do espaço cultural.

Já estão disponíveis na plataforma a peça Fica Pedro (Cena Onze, classificação 14 anos) e os filmes Águas Encantadas do Pantanal (2001, 42 min), Filhos da lua na terra do Sol (2016, 16min) e Muses Et Femmes (2017, 5 min), de Daniele Bertolini. A programação inclui outros espetáculos de artistas mato-grossenses, como Sarah Mitch, e de grupos de São Paulo, como o Cia de Teatro Os Satyros e o Caixa Preta de Teatro. Além disso, o trabalho do artista plástico Adriano Figueiredo.

Programação


25/03 – Sarah Mitch: A Última Dança (Classificação 12 anos) – show com referências internacionais na  concepção de banda, dançarinos, backing vocais, coreografias, iluminação, participações especiais e mais de 8 trocas de figurinos. O show é todo cantado ao vivo e passa por temas como: política, funk, cabaré e dance music. Suas principais influências são Madonna, Lady Gaga e Beyoncé.

26/03 – Caixa de Brinquedos (Classificação Livre). Banda Infantojuvenil que faz show com muita estória, alegria, brincadeiras e animação!

27/03 – Pessoas Brutas – Cia de Teatro Os Satyros (Classificação 14 anos) – A partir do sequestro da filha de um doleiro denunciado na Operação Lava Jato, os destinos de vários personagens anônimos de São Paulo se cruzam, em uma teia de relações violentas onde buscam desesperadamente figuras heroicas para resgatar suas vidas desesperançadas.


28/03 – Onde o vento faz a curva – Caixa Preta de Teatro (Classificação 12 anos) – Dentro do universo da cultura popular, utilizando-se do gênero poético infantil e da linguagem do circo popular e do teatro mambembe, o espetáculo narra a história de uma menina e de um menino solitários, que procuravam por companhia. Até o dia em que o vento deu um nó no tempo e tudo mudou de lugar!

29/03 – Telas do artista plástico Adriano Figueiredo

Já disponíveis

– Fica Pedro (Cena Onze, classificação 14 anos). Um dos grandes nomes da história mato-grossense, Dom Pedro Casaldáliga, é tema do espetáculo que conta a história de dedicação, determinação e amor ao próximo de Dom Pedro Casaldáliga.  

– Temporada de Filmes com Danielle Bertolini: (Classificação 16 anos)


Águas Encantadas do Pantanal (2001, 42 min) – O documentário apresenta histórias do imaginário pantaneiro contadas por habitantes da região da Baía de Chacororé-MT. O projeto foi inspirado na tese de doutorado do prof. Mario Cezar Silva Leite, defendida na PUC-SP.

Filhos da Lua na Terra do Sol (2016, 16min) – Trata de forma poética a relação entre pessoas albinas e o sol de Cuiabá, considerada uma das cidades mais quentes do Brasil. O curta foi o vencedor da etapa Mato Grosso da Mostra Sesc de Cinema de 2017. O curta também foi exibido em mais de 20 festivais e mostras no Brasil e exterior, além de ter sido licenciado para o canal CineBrasilTV e VOD.

Muses Et Femmes (2017, 5 min) – concebido na Residência Criativa Espírito Mundo, que aconteceu durante o Cine Fest Luso Mundo, encontro audiovisual realizado em Bruxelas (Bélgica) em 2017, o conceito e a produção do curta foram resultado de uma experiência coletiva entre artistas que viviam em Bruxelas.

Serviço

A programação cultural está disponível nas mídias digitais do Cine Teatro Cuiabá, Facebook e Youtube. Mais informações pelos emails [email protected] e [email protected] Para artistas interessados em participar da programação, o contato é (65) 99946.1268.

Fonte: GOV MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Mato Grosso

Ocorrências envolvendo vítimas femininas reduzem 35% em duas semanas

Publicado

Os registros de ocorrência envolvendo vítimas femininas de 18 a 59 anos de idade teve redução de 35% em Mato Grosso, entre 10 de março e 24 de março de 2020, que inclui o período de isolamento instituído por conta da pandemia de Covid-19. O índice leva em conta a comparação deste ano (1.402 casos) com o mesmo período do ano passado (2.170).

Nestes números, levantados pela Superintendência do Observatório de Violência da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), estão incluídas as principais naturezas criminais praticas contra mulheres, como ameaça, homicídio doloso e assédio sexual, por exemplo.

O crime de ameaça, que é o mais registrado, apresentou redução de 31%, com 657 casos, contra 958 no ano anterior. O mesmo índice foi constatado para lesão corporal, mas com os registros de 326 e 473 casos em 2020 e 2019, respectivamente. O assédio sexual também apresentou -63% de registros, sendo sete ocorrências este ano e 19 no ano passado.

Com relação ao estupro de vulnerável, a redução foi de 100%, já que não houve registro atual, enquanto em 2019 foram seis casos. Já no caso do estupro, 2020 apresentou um caso a mais em comparação com o ano anterior: 13. Houve aumento também de ocorrências de importunação sexual, sendo que o número saltou de um para sete de um ano para o outro.

A tentativa de homicídio também reduziu. Foram 11 casos em 2020 e 19 em 2019 (-42%). Já os registros de homicídio doloso passaram de quatro para seis.

Outras reduções

Os crimes de injúria, difamação e calúnia reduziram em 37%, 59% e 40%, respectivamente. Ocorrências de perturbação da tranquilidade também foram menos registradas em 55% (30 casos em 2020 e 67 casos em 2019). Foram identificados ainda -34% de casos de violação de domicílio.

Cuiabá e Várzea Grande

Os registros envolvendo vítimas femininas de 18 a 59 anos de idade também apresentaram redução em Cuiabá e Várzea Grande, sendo -32% e -23%, respectivamente. Na Capital, foram registrados 343 casos, entre 10 de março e 24 de março de 2020, contra 505 no mesmo período do ano anterior.

Já em Várzea Grande, as ocorrências reduziram de 203, neste período de 2019, para 156, este ano. Em nenhuma das duas cidades houve caso de homicídio doloso contra mulheres.

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Mato Grosso

Voluntários doam kits de higiene pessoal para reeducandos de Jaciara

Publicado

A Cadeia Pública de Jaciara recebeu nesta semana a doação de 55 kits de higiene pessoal, que serão distribuídos aos 54 reeducandos que cumprem pena na unidade. A iniciativa foi dos voluntários da Igreja Universal de Jaciara, que já atua dentro da unidade com atividades religiosas.

No entanto, com a suspensão temporária das atividades devido ao novo coronavírus, os voluntários se mobilizaram na montagem e doação dos kits que contém dois papéis higiênicos, um sabonete e um aparelho de barbear descartável.

O diretor da cadeia, Ricardo Simplício dos Santos, disse que a ação da Igreja Universal é de suma importância, uma vez que as visitas também estão suspensas para preservar a saúde dos presos. “Essa doação é importante e evita que as próprias famílias dos presos, que geralmente trazem estes materiais, precisem vir até a unidade, evitando justamente a aglomeração de pessoas”, explicou Ricardo.

A comunidade também recebeu 20 litros de álcool em gel, doados pelo Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) local, que vão ajudar na higiene e preservação da saúde dos reeducandos. Mas Ricardo pretende estender a parceria para além do período de isolamento.

“Nós buscamos parcerias para que esse tipo de doação seja constante, para as próprias famílias não precisarem trazer esses itens de suas casas. Por isso, quem quiser contribuir conosco será de grande valia”, pontuou o diretor da unidade.

Para fazer algum tipo de doação, os interessados podem entrar em contato pelo telefone (66) 99645-4473 ou pelo email [email protected]

Fonte: GOV MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana