conecte-se conosco


Política MT

Projeto que incentiva a pratica de futebol feminino é aprovado na ALMT

Publicado


Foto: Marcos Lopes

Mesmo que o futebol feminino brasileiro e suas jogadoras sejam destaque internacional, o esporte ainda é pouco reconhecido no país. Entre os principais problemas está a falta de divulgação e o baixo investimento. Prova disso é que em Mato Grosso, de acordo com a Federação Mato-grossense de Futebol (FMF), estão em atividade participando do Campeonato Mato-grossense de Futebol Feminino, edição 2021, quatro times femininos: Ação, Cáceres, Cuiabá e Mixto.

A boa notícia é que essa realidade pode mudar nos próximos anos. Na última sessão plenária desta quarta-feira (13) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), o Projeto de Lei n° 665/19 que estabelece a criação do Programa de Incentivo à Prática de Futebol Feminino no Estado, de autoria do deputado estadual Paulo Araújo (Progressistas), foi aprovado em segunda votação.

O projeto, que agora segue para sanção do governador Mauro Mendes (DEM), prevê a promoção de torneios, campeonatos e eventos, bem como na destinação de espaços voltados a pratica de futebol feminino. O programa deverá ser desenvolvido na rede estadual de ensino. De acordo com o paragrafo único da propositura entende-se por futebol as diversas formas de pratica desse esporte tais como: futebol de campo, futsal, society e futebol de areia.

Paulo Araújo explica que o objetivo é garantir tratamento igualitário entre homens e mulheres. “É preciso investimento no esporte feminino. Do mesmo jeito que tem para os homens, deve ter para as mulheres”, defendeu.

O parlamentar afirma ainda que as mulheres têm de enfrentar cruel preconceito acerca de sua feminilidade, além da absoluta falta de incentivo. “É necessário criar politicas publicas para garantir o espaço das mulheres no futebol e ajudar o esporte a crescer no Estado de Mato Grosso. Aguardamos agora a sanção do governo do Estado, caso seja sancionado, vamos fazer de tudo para que essa lei funcione na prática”, concluiu.

Fonte: ALMT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Política MT

Dr. Gimenez celebra aniversário de Mirassol D’Oeste com ações e investimentos

Publicado


Dr. Gimenez tem atuado para viabilizar recursos e parcerias em benefício de Mirassol D’Oeste

Foto: Marcos Lopes

Prefeito Hector Alvares e vice-prefeito Dr. Jeferson agradecem a parceria do deputado

Foto: ROSE DOMINGUES

O deputado estadual Dr. Gimenez (PV) está participando nesta quinta-feira (28) da celebração do aniversário de 57 anos de Mirassol D’Oeste (a 300 km da capital) que deverá receber mais R$ 20 milhões de investimentos em áreas estruturantes como saúde, infraestrutura e agricultura familiar.  

“A união de esforços entre a bancada estadual, federal e os governos estadual e municipal deverá contribuir com uma nova era para a nossa querida cidade, que é um polo desenvolvimento importante da região oeste de Mato Grosso, estou trabalhando para que todos os nossos anseios e sonhos se tornem realidade”, afirma o parlamentar.  

Médico há 40 anos, Dr. Gimenez trabalhou durante muitos anos em Mirassol D’Oeste, onde acompanhou famílias inteiras desde o nascimento dos filhos. “Meu laço com Mirassol D’Oeste é muito forte, tanto que em 2019 recebi o título de cidadão miradolense concedido pela Câmara Municipal”.  

Diversas ações e investimentos estão em andamento, das suas emendas parlamentares, o deputado explica que efetivou, em 2020, aproximadamente de R$ 300,3 mil, que foram aplicados na saúde. Já em 2021, foram destinados R$ 908 mil, dos quais R$ 300 mil já estão na conta da Prefeitura para aquisição de uma ambulância e custeio da saúde.  

“Também está entregue um veículo da agricultura familiar e uma máquina motoniveladora, ou seja, temos ótimas perspectivas para os próximos meses, estou confiante em conseguir mais recursos e ações”. Dr. Gimenez destaca a parceria com o governo estadual, que está fazendo a reforma e ampliação da feira municipal.  

Na área de infraestrutura, uma das obras mais aguardadas é a revitalização completa da MT 175 (em todo trecho) e entre as MTs 250/175, que dá acesso à usina Cooperb, beneficiando moradores e trabalhadores. Além disso, o deputado federal Neri Geller (PP) e o senador Carlos Fávaro (PSD) se comprometeram a destinar R$ 13 milhões para a duplicação da rodovia no entre Mirassol D’Oeste e São José dos Quatro Marcos.  Demanda levantada e acompanhada pelo Dr. Gimenez. 

“Finalmente, após muitos anos, cobranças, nós vamos conseguir tirar algumas obras do papel, a duplicação sem dúvida vai impactar positivamente a vida de todos, pois este trecho é conhecido como rodovia da morte, onde já ocorreram muitos acidentes de trânsito com vítimas fatais, como parlamentar, é meu papel cobrar, acompanhar e fiscalizar”.  

Um aporte de mais de R$ 7 milhões deverá contribuir com a pavimentação urbana, entre eles, R$ 2 milhões para o bairro Interlagos, cuja ordem de serviço foi assinada neste mês na Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra). Também há outros investimentos previstos pelo governo estadual e deputados federais Geller e Nelson Barbudo (PSL).  

O prefeito Hector Alvares Bezerra agradece o empenho e a parceria do deputado Dr. Gimenez, que tem feito uma grande mobilização de esforços em prol da região oeste e de Mirassol D’Oeste. “A prefeitura não tem como fazer tantos investimentos sozinha, a mudança que precisamos vem justamente dessa união de esforços, só assim vamos melhorar a condição de vida dos cidadãos”.  

Indicações – No período de dois anos e meio, Dr. Gimenez fez 114 indicações de melhorias ao município, com destaque para saúde, infraestrutura e segurança pública. Outra boa notícia é a partir desse trabalho ter conseguido a instalação de uma Brigada do Corpo de Bombeiros para atender Mirassol D’Oeste e a implementação do projeto de Patrulha Rural da PM para melhorar a segurança da região. 

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Consulta pública recebeu mais de 970 contribuições

Publicado


Foto: ANGELO VARELA / ALMT

A consulta pública sobre o Zoneamento Socioeconômico Ecológico (ZSEE) resultou em 973 contribuições de pessoas, entidades, associações, empresas e organizações sociais. Os números foram apresentados durante a 6ª reunião da Comissão Especial para Debater o ZSEE, nesta quarta-feira (27), na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). Em sequência foi aprovado requerimento solicitando todas as manifestações recebidas.

O balanço foi apresentado pelos servidores da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), Keile Pereira e Sandro Luís Brandão, e pelo secretário Basílio Bezerra. De acordo com o relatório, 430 formulários foram preenchidos na consulta virtual e outras 36 protocoladas. Este montante se desdobrou em 780 contribuições às diretrizes, 180 á minuta de lei e mais as 36 manifestações físicas. 

De acordo com a servidora Keile Pereira, as sugestões passaram por uma triagem prévia e depois foram distribuídas entre os integrantes do grupo de Trabalho, composto pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema), Instituto de Terras de Mato Grosso (Intermat), Procuradoria Geral do Estado (PGE) e pela Seplag.

“As contribuições foram muito ricas e estamos trabalhando de forma minuciosa para apresentar uma minuta sólida, com robustez técnica para dar uma definição para este tema tão importante. O governo está determinado a resolver essa questão”, afirmou o secretário Basílio Bezerra.

O presidente da Comissão, deputado Dr. Eugênio (PSD) requereu o conteúdo das contribuições apresentadas para que os deputados possam acompanhar e contribuir com o documento. “Vamos trabalhar para resolver o Zoneamento ano que vem e por isso queremos acompanhar todos os passos para fazer isso somente quando a mensagem do governo foi encaminhada para a Casa”.

Todas as contribuições recebidas foram numeradas e após avaliação técnica foram classificadas entre pertinentes, não pertinentes ou maiores contribuições. Neste último grupo estão incluídas as manifestações mais complexas que vão precisar de uma análise mais detalhada e técnica.

Essa classificação ainda não está disponibilizada para consulta, mas a numeração de cada contribuições já pode ser conferida no site da Seplag.

Fonte: ALMT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana