conecte-se conosco


Política MT

Projeto de lei regulamenta reciclagem de lixo tecnológico em MT

Publicado

Deputado Thiago Silva

Foto: ANGELO VARELA / ALMT

Com objetivo de fomentar a pauta da reciclagem de lixo tecnológico em todo o estado, o deputado estadual Thiago Silva apresentou na tribuna da Assembleia Legislativa o Projeto de Lei nº 1154/2019, que dispõe sobre coleta, reutilização, reciclagem, tratamento e disposição final deste tipo de lixo específico em Mato Grosso.

De acordo com o projeto, a coleta e a reutilização de lixo tecnológico serão realizadas para minimizar os impactos causados ao meio ambiente, promover a inclusão social e proteger a saúde pública. As empresas produtoras, importadoras ou que comercializem os produtos deverão, no prazo do regulamento, apresentar ao órgão estadual competente projeto de coleta e reutilização ambientalmente adequado ou mecanismo de custeio para esse fim.

“Essa é uma demanda apresentada pela sociedade e acredito que devemos ter cuidado com a radioatividade e o lixo tecnológico, que é prejudicial à saúde do ser humano e, quando reutilizado da forma correta, gera emprego e renda ao cidadão”, disse o deputado Thiago.

São considerados lixo tecnológico os resíduos gerados pelo descarte de equipamentos eletrônicos de uso profissional, doméstico ou pessoal, como computadores, monitores de vídeo, telas, displays, impressoras, teclados, mouses, alto-falantes, drivers, modems, câmeras, baterias, televisores e os demais eletrodomésticos e eletroeletrônicos que contenham metais pesados ou substâncias tóxicas.

Leia Também:  Deputado Thiago Silva recebe demandas  de Guiratinga na Assembleia

Fonte: ALMT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Política MT

Acusado de atrapalhar investigações da ‘grampolândia’, ex-secretário passa a ser monitorado por tornozeleira

Publicado

Delegado aposentado Rogers Jarbas passa a ser monitorado a partir da tarde desta segunda-feira

O juiz da 7º Vara Criminal de Cuiabá, Jorge Tadeu, determinou que o ex-secretário de Segurança Pública e delegado aposentado, Rogers Jarbas, seja monitorado por tornozeleira eletrônica. Ele passa a ser monitorado a partir desta segunda-feira (18), quando o equipamento será instalado no Fórum de Cuiabá. Jarbas é réu desde outubro por supostamente tentar atrapalhar as investigações sobre o esquema de grampo ilegais que ficou conhecido por “Grampolandia Pantaneira” quando ainda atuava com secretário estadual de Segurança Pública.

Ele tornou-se réu no último dia 17 por ter ameaçado o também delegado Flávio Stringueta no estacionamento de um supermercado em Cuiabá. Stringueta atuou na investigação do caso dos grampos. Ele chegou a ser preso em setembro de 2017, durante a deflagração da “Operação Esdras”, por suposta tentativa de atrapalhar as investigações sobre os grampos ilegais em Mato Grosso.

Além da tornozeleira, Rogers terá que cumprir outras medidas cautelares impostas pela Justiça, como se aproximar de outros investigados e estar em casa todas as noites, seja nos feriados ou nos finais de semana. Aos 45 anos, Rogers está aposentado como delegado desde o último dia primeiro de novembro, em ato assinado pelo governador Mauro Mendes (DEM).

Leia Também:  Deputado Thiago Silva recebe demandas  de Guiratinga na Assembleia

Continue lendo

Política MT

Mauro tenciona unificar folha salarial e estabelecer pagamento de salários, contratos e 13º em mesma data

Publicado

O secretário Mauro Carvalho (Casa Civil) lembrou que esse plano vem desde o primeiro dia de governo

O secretário-chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho, disse, durante o quarto sorteio do programa Nota MT, que o governador Mauro Mendes (DEM) trabalha desde o primeiro dia do seu governo com o foco de pagar a folha do funcionalismo público em um dia único.

_“O governo, desde o primeiro dia de mandato está trabalhando para que tenhamos uma folha de pagamento em um dia único. Porém, o governador só vai tomar essa decisão quando ele tiver a confiança de que a situação econômica do Estado esteja totalmente equilibrada”, destacou o secretário.

Mauro Carvalho disse ainda que a posição do governador vale também para o décimo terceiro salário. “Da mesma forma está o décimo terceiro. O governador não anunciou ainda o pagamento em função de uma série de coisas que depende de terceiros para a gente ver se encaixa e consiga pagar o décimo terceiro salário. Estamos falando de 560 milhões de reais fora a folha de normal de pagamento. São mais de R$ 1 bilhão de reais, então o governador só vai tomar essa decisão quando ele tiver certeza absoluta de que os recursos estejam no caixa do governo”, resumiu.

Leia Também:  MP nega excesso de gastos com salários e diz que baixa arrecadação e Lei nacional levaram TCE a emitir alerta

Prefeitos em Cuiabá – O secretário fez questão de informar que o governador Mauro Mendes vai aproveitar a assembleia-geral de prefeitos organizada pela Associação Mato-grossense de Municípios (AMM), na semana que vem, dias 18 e 19, para um jantar com os chefes dos municípios mato-grossenses.

No jantar, conforme o Mauro Carvalho, o governador fará uma rápida apresentação sobre a situação do governo com as prefeituras. “O governador deve fazer uma apresentação rápida sobre a situação do governo e vai fazer esse jantar aqui no auditório Clóvis Vetoratto, no Palácio Paiaguás, acompanhado da primeira-dama”.

“É apenas uma prestação de contas e mostrar o que o governo pensa para 2020 para os 141 municípios do Estado. É uma prestação de contas desses 300 dias de governo e ao mesmo tempo, mostrar aos prefeitos o que estamos pensando para 2020”, completou.

Ainda conforme Mauro Carvalho, “na terça-feira (19), nós iremos numa reunião com a diretoria da AMM, vamos discutir uma pauta já pré-estabelecida com a Casa Civil e essa pauta vai ser discutida e o governador vai falar sobre cada um dos 13 itens apresentados pela Associação Mato-grossense dos Municípios”.

Leia Também:  Em quatro anos, Mato Grosso deverá ter mais servidor aposentado do que da ativa, prevê Governo

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana