conecte-se conosco


Policial

PRF apreende veículos de carga em Sorriso/MT

Publicado


.

Uma das ocorrências foi por documento falso e a outra por adulteração de elementos identificadores

Durante fiscalização ao transporte rodoviário de cargas, na BR-163, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 4 semirreboques, na terça-feira (09), em Sorriso/MT. Dois semirreboques estavam com documentos falsificados e os outros dois estavam adulterados.

Na primeira ocorrência a equipe abordou a combinação de veículos composta pelo caminhão trator Volvo/FH 12 380 4x2T, de cor preta e placas de Novo Progresso/PA e dois semirreboques Noma, de cor branca e placas de Pimenta Bueno/RO.

Ao solicitar a documentação, os PRFs perceberam que os CRLVs dos semirreboques apresentavam indícios de adulteração. Em consulta aos sistemas foi encontrado registro de roubo/furto dos formulários (papel utilizado no CRLV), em Poxoréu, na data de 21 de novembro de 2018.

O motorista, de 43 anos, que inicialmente comunicou ser sócio/proprietário dos veículos, após a confirmação da falsidade dos documentos, disse ser apenas funcionário em serviço.

Ocorrência encaminhada para Polícia Federal.

A segunda ocorrência foi em  abordagem à combinação de veículos composta pelo trator Scania/R124 Ga4x2nz 42, cor vermelha e placas de Sinop; e os semirreboque Guerra com placas de Marcelândia/MT. A combinação de veículos era conduzida por um homem de 42 anos.

Em fiscalização minuciosa, os PRFs verificaram sinais de adulteração e supressão dos elementos identificadores dos semirreboques, não sendo possível constatar o veículo original.

A ocorrência foi encaminhada para a Polícia Civil.

SECOM PRF MT

 

 

Fonte: PRF MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Polícia Civil apreende aproximadamente cinco toneladas de maconha transportada em meio a carga de tutano

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, através da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO). apreendeu aproximadamente cinco toneladas de maconha que eram transportadas, na câmara fria de uma carreta, junto a uma carga de tutano. A ação contou com apoio Delegacia Regional de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), Delegacia de Alto Taquari, Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

O motorista que fazia o transporte da carga foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação criminosa.

As diligências iniciaram após a equipe da GCCO receber informações de que um grupo criminoso estava se organizando para transportar grande quantidade de produtos ilícitos, entre entorpecentes e armas de fogo, oriundos do estado de Mato Grosso do Sul.

Segundo investigações, os criminosos utilizariam rotas alternativas para tentar escapar da fiscalização policial. Com base nos levantamentos preliminares, os policiais passaram a monitorar um veículo (cavalo e carreta) utilizado pelo grupo criminoso, realizando a sua abordagem na chegada da cidade de Alto Taquari.

Em buscas no semirreboque, foi encontrada a carga de aproximadamente cinco toneladas de maconha, que estava escondida em meio a uma carga de 10 toneladas de tutano (avaliada em R$ 30 mil). Questionado, o motorista confessou que buscou a carga de tutano em Cuiabá, com a intenção de esconder os entorpecentes na câmara fria, colocando lacre e tendo nota fiscal em caso de possível abordagem

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Alto Taquari, onde após ser interrogado, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e associação criminosa.

Segundo o delegado titular da GCCO, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, a droga seria distribuída para diversas cidades do estado. “Foi necessária uma abordagem rápida, antes que o entorpecente fosse distribuído. As investigações seguem em andamento para identificar outros envolvidos no crime”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

GCCO apreende cinco toneladas de maconha transportada em meio a carga de tutano carregada em Cuiabá

Publicado

A droga veio de MS e seria distribuída em diversas cidades de Mato Grosso [PJC]

A Polícia Civil, através da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO). apreendeu aproximadamente cinco toneladas de maconha que eram transportadas, na câmara fria de uma carreta, junto a uma carga de tutano. A ação contou com apoio Delegacia Regional de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), Delegacia de Alto Taquari, Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

O motorista que fazia o transporte da carga foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação criminosa. As diligências iniciaram após a equipe da GCCO receber informações de que um grupo criminoso estava se organizando para transportar grande quantidade de produtos ilícitos, entre entorpecentes e armas de fogo, oriundos do estado de Mato Grosso do Sul.

Segundo investigações, os criminosos utilizariam rotas alternativas para tentar escapar da fiscalização policial. Com base nos levantamentos preliminares, os policiais passaram a monitorar um veículo (cavalo e carreta) utilizado pelo grupo criminoso, realizando a sua abordagem na chegada da cidade de Alto Taquari.

Em buscas no semirreboque, foi encontrada a carga de aproximadamente cinco toneladas de maconha, que estava escondida em meio a uma carga de 10 toneladas de tutano (avaliada em R$ 30 mil). Questionado, o motorista confessou que buscou a carga de tutano em Cuiabá, com a intenção de esconder os entorpecentes na câmara fria, colocando lacre e tendo nota fiscal em caso de possível abordagem

Diante dos fatos, o suspeito foi conduzido à Delegacia de Alto Taquari, onde após ser interrogado, foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e associação criminosa.

Segundo o delegado titular da GCCO, Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, a droga seria distribuída para diversas cidades do estado. “Foi necessária uma abordagem rápida, antes que o entorpecente fosse distribuído. As investigações seguem em andamento para identificar outros envolvidos no crime”, disse o delegado.

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana