conecte-se conosco


Cuiabá

Presidente de Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público participa de vistoria a trens

Publicado


Divulgação

Clique para ampliar

Visita técnica realizada pelo Consórcio VLT na última segunda-feira (8), atestou que os trens do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), adquiridos há sete anos e armazenados no Centro de Controle, Manutenção e Operação (CCO), próximo ao Aeroporto Internacional de Cuiabá, estão em perfeito estado de conservação e manutenção. Presente na ocasião, o presidente do Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá, Juares Samaniego evidenciou a maior eficiência energética e capacidade de transporte de passageiros três vezes maior do modal diante de seus concorrentes, o BRT e o VLP. 

“É difícil você comparar projeto, porque o que foi apresentado é VLP, por isso se diz que já está boa parte pronto, porque é pintar as faixas da rua. E a aquisição de 54 ônibus a 35 milhões, eu acredito que seja a diesel, porque ele a bateria é muito mais caro que isso. O VLT é uma energia bem mais limpa e barata. Sem falar na capacidade de transporte de passageiros, que comparativamente a do VLT é 2,5 vezes maior. Cada ônibus de BRT tem a capacidade pra 170 passageiros, enquanto que no VLT são 400”, apontou Samaniego.

De acordo com o Consórcio responsável pelo VLT em Cuiabá, a movimentação mecânica dos trens é realizada a cada 15 dias, seguindo todas as diretrizes do Plano de Manutenção da Construcciones y Auxiliar de Ferrocarriles (CAF), empresa espanhola fabricante do equipamento ferroviário. A cada 60 dias é emitido um relatório ao Governo do Estado. Nesta segunda (08), foi atestado por equipe técnica o excelente estado de conservação externa, interna, em todos os equipamentos elétricos, eletrônicos, telecomunicações, hidráulicos, pneumáticos, climatização.

Estiveram presentes o secretário-geral da Associação Latino Americana de Ferrovias (Alaf)/Brasil, Jean Carlos Pejo, que é ex-secretário nacional de Mobilidade Urbana e responsável pelo Grupo de Trabalho que aprovou o VLT de Cuiabá, técnicos da Caixa Econômica Federal (CEF), que opera os recursos federais aprovados para a obra do VLT e a presidente da Associação Brasileira de Engenheiros e Arquitetos de Metrô (AENFER), Silvia Cristina Silva.

Diálogo 

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, defende que a população seja ouvida em decisão quanto ao novo modal de transporte público para Cuiabá e Várzea Grande. Para Pinheiro, a decisão estadual para substituição do modal VLTpara o BRT foi tecnocrata. O gestor defende a realização de um plebiscito para que a população escolha o novo modelo de transporte. 

O Comitê

Com foco em dialogar sobre a escolha do melhor modal para Cuiabá, o gestor criou o Comitê de Análise Técnica para Definição do Modal de Transporte Público da Região Metropolitana do Vale do Rio Cuiabá, em 22 de janeiro via decreto municipal. Além de sua comissão técnica permanente, serão convidadas instituições, como Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso (FIEMT), Sindicato das Indústrias da Construção do Estado de Mato Grosso (Sinduscom-MT), COnselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso (CREA-MT) e Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Mato Grosso (CAU-MT) para colaborar com o debate nas reuniões, que devem ser abertas para participação pública também.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cuiabá

Comissão de Direitos Humanos aprova projeto que institui política municipal para população imigrante

Publicado


Reprodução

Reunião extraordinária foi realizada na manhã desta 3ª
A matéria pretende estabelecer os objetivos, os princípios, as diretrizes e ações prioritárias para o atendimento aos imigrantes em Cuiabá.

Em reunião extraordinária realizada na manhã desta terça-feira (22), a Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Câmara Municipal de Cuiabá aprovou parecer favorável ao Projeto de Lei que institui a política municipal para população imigrante.
A proposta apresentada pelo Poder Executivo visa estabelecer os objetivos, os princípios, as diretrizes e ações prioritárias para o atendimento aos migrantes no município.
A relatora do projeto na comissão, vereadora Edna Sampaio (PT), manifestou pela aprovação da matéria. Ela comentou que a propositura institui dois pontos fundamentais que irão colaborar no fortalecimento de políticas públicas aos imigrantes, a criação de um conselho e de um Centro de Referência.
“O espaço é importantíssimo para discutir as políticas públicas ouvindo essa população, ou seja, uma política pública efetivamente não apenas políticas governamentais. A outra questão colocada nesse projeto, que também é reivindicação dos povos imigrantes, é a criação do Centro de Referência, de atendimento ao imigrante, duas questões fundamentais que são criadas dentro desse Projeto de Lei, além de diretrizes pras políticas públicas voltadas para essa população”, disse a parlamentar após o voto.
A manifestação da vereadora foi acompanhada pelos demais membros da comissão, vereador Pastor Jeferson (PSD) e Tenente Coronel Paccola (Cidadania). A propositura segue para análise do plenário.


Para ver a íntegra do projeto acesse o link: https://sic.tce.mt.gov.br/52/assunto/listaPublicacao/id_assunto/2185/id_assunto_item/9100
Assista a sessão extraordinária da comissão: https://www.youtube.com/watch?vDO9buISNRzI

Secom Cuiabá

Continue lendo

Cuiabá

Prefeito Emanuel Pinheiro realiza vistoria no estádio Dutrinha e inauguração deve ocorrer até agosto

Publicado


Luiz Alves

Clique para ampliar

O Prefeito Emanuel Pinheiro esteve na tarde da última quinta-feira (17), no Estádio Eurico Gaspar Dutra para uma visita de vistoria pela obra que segue em fase final. A obra teve início em fevereiro de 2019 e foi executada pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, em parceria com a Secretaria de Serviços Urbanos e Obras Públicas. No momento, equipe finaliza alguns detalhes em pintura da estrutura e se prepara para iniciar a demarcação de vagas e sinalização do estacionamento. O alvará do Corpo de  Bombeiros já foi emitido e também já foi autorizado pelo Juizado do Torcedor jogos no local sem a presença do público, restando agora a vistoria da Polícia Militar (PM). O gestou ressaltou que a entrega oficial do Dutrinha está prevista para fim de julho e primeira quinzena de agosto.

O Dutrinha é utilizado no momento para jogos treinos da Copa América de Futebol e está sob responsabilidade da Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) até o dia 27 de junho. “É uma emoção muito grande presenciar esta transformação do Dutrinha. É um sonho tornando-se realidade. Um sonho de muitos, porque não fazemos nada sozinho. Tudo isso aqui é fruto de muito trabalho da minha equipe, que não tenho medido esforços para devolver o templo do nosso futebol cuiabano para a nossa gente nas melhores condições, mais seguro, mais confortável. Vamos entregar o nosso querido Dutrinha entre o fim de julho e a primeira quinzena de agosto com o desejo de que ele seja palco de muitas alegrias para nossos atletas e para a torcida”, disse o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro.

Considerado símbolo do futebol local, o Dutrinha passa pela maior obra desde sua construção em 1952. O investimento de quase R$ 2 milhões foi todo financiado pelo Executivo Municipal na gestão Emanuel Pinheiro.

O estádio também recebeu a visita para vistoria da juíza Patrícia Ceni, do Juizado do Torcedor no último dia 14 de junho. A magistrada liberou o Estádio para jogos sem torcida, após o Executivo Municipal cumprir com as exigências estabelecidas, como acessibilidade, separação de torcidas, adequação de vestiários, áreas exclusivas para arbitragem, segurança e para o Juizado do Torcedor, dentre outras.

Para liberação do público, Ceni solicitou que a arquibancada do lado visitante receba reforço do guarda-corpo, que deve ter sua altura aumentada para garantir a segurança de atletas, comissão técnica, arbitragem e torcedores.

“Estamos trabalhando para entregar o melhor para o povo cuiabano. Nosso esporte merece, nossos atletas merecem e a nossa torcida merece também. Vamos reforçar o alambrado como pediu a juíza e terminar os retoques finais para devolver o Dutrinha ao povo”, disse a secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Rabello Leite Jacob.

A reforma teve início em fevereiro de 2019 e foi dividida em três etapas: a primeira compreendeu a readequação de todo o espaço, atendendo a medidas de segurança e acessibilidade. A segunda etapa foi a mudança de posicionamento dos postes de iluminação e a troca do gramado. Enquanto que a terceira etapa foi a construção do novo muro e modernização dos vestiários.

O Estádio Eurico Gaspar Dutra foi oficialmente cedido para a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) para receber seleções da Copa América de Futebol. A cerimônia simbólica de entrega do Dutrinha foi realizada na manhã do último sábado (12). Gramado e vestiários estão sendo utilizados para treinos.

Conforme combinado entre a Prefeitura de Cuiabá, que é responsável pela administração do estádio, e a Conmebol, a partir de sexta-feira (11), data de assinatura do Termo de Autorização, até 27 de junho, quando se encerra a participação da Capital na Copa América, o estádio fica totalmente à disposição da organização da competição.

A segurança do local será feita pela Conmebol e não será permitida cobertura da imprensa e a presença de público, em razão do cumprimento das medidas de biossegurança contra a COVID-19.

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana