conecte-se conosco


Várzea Grande

Prefeitura comemora o dia da merendeira em evento de confraternização

Publicado

Em um dia especial é que as profissionais da merenda da rede municipal de Ensino comemoraram o Dia da Merendeira em Várzea Grande. Uma grande confraternização foi organizada pela Prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer (SMECEL), por meio da Superintendência de Alimentação Escolar. 

As mais de 200 profissionais, entre merendeiras e nutricionistas integradas na rede estiveram presentes no evento que foi realizado na quarta-feira (30). Com palestras, sorteios e muito entretenimento as servidoras  deste segmento foram homenageadas. Na abertura houve a palestra do “Projeto #Fiquebe21”, ministrada pela nutricionista e coaching, Cláudia Ribeiro, sobre valorização da mulher e auto estima pessoal e profissional. 

O secretário de Educação, Silvio Fidelis, marcou presença no evento e parabenizou as profissionais pelo dia da merendeira e pelo excelente trabalho que vêm desempenhando nas escolas e ressaltou a importância do reconhecimento a essas profissionais. “Toda gestão reconhece esse trabalho que essas profissionais estão desenvolvendo em prol da saúde e do bem-estar dos nossos alunos. Isso realmente faz parte da nossa política educacional que agregue valores, e o mais importante um segmento altamente capacitado para exercer as funções.”, disse o gestor.

Leia Também:  Projeto ‘Bairro Integrado’ leva segurança e ações preventivas ao bairro Jardim dos Estados

A Superintendente Operacional do Sistema Escolar, Ednir Maria de Almeida, agradeceu as profissionais pelo trabalho de cada uma e a dedicação em atender bem os alunos, em uma área tão importante e que diz respeito a qualidade da comida que é servida na escola para os alunos “Para nós é um orgulho ter profissionais tão dedicadas em nossas unidades e capacitadas, por isso estamos investindo também na infraestrutura das cozinhas e já realizamos reformas e em outras unidades cozinhas novas com todos os materiais e equipamentos necessários, desde a aquisição de fogões novos, geladeiras, armários panelas, utensílios e além da exigência da qualidade nas compras dos alimentos junto aos fornecedores, tanto de carnes como de frutas, legumes e mantimentos. Nossa intenção é valorizar cada vez mais o setor “, afirmou a superintendente.

A superintendente disse ainda que o evento foi pensado para evidenciar a importância do trabalho das merendeiras que, segundo ela, contribui para o rendimento escolar dos alunos da Rede Municipal. “Esse evento é uma forma de mostrar o carinho e o respeito que a gestão tem com elas, e promover a socialização na troca de experiências o que aumenta a motivação”, disse ela.

Leia Também:  Prefeitura entrega títulos fundiários e autoriza projeto para pavimentação no Santa Maria 2

As merendeiras possuem um acompanhamento diário da equipe de nutricionistas. Segundo a chefe da equipe de nutricionistas, Mônica Aparecida Gonçalves, as merendeiras sempre estão em processo de formação, porque os alunos necessitam de uma alimentação balanceada, e o trabalho em conjunto garante a qualidade das refeições servidas.

“A equipe técnica de Nutrição realiza visitas técnicas rotineiras, oferece orientações e cursos de higiene e manipulação de alimentos com frequência, além de oficinas culinárias e cursos motivacionais, tudo na garantia da qualidade dos serviços prestados com bons resultados”, explicou Mônica. 

Por: Letícia Kathucia – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Várzea Grande

Prefeitura amplia serviços de limpeza urbana com período de chuva intensa

Publicado

Em razão das chuvas, neste mês de dezembro, a secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana de Várzea Grande reforçou a programação dos serviços de limpeza urbana. A intensificação dos trabalhos faz parte da força-tarefa para colocar em prática as ações do Plano de Contingência, elaborado pelo poder público municipal para atender prontamente as demandas. Os serviços foram ampliados desde o início deste mês e seguem intensificados até o fim do período chuvoso.

O secretário de Serviços Públicos  e Mobilidade Urbana, Breno Gomes  informa que a limpeza urbana abrange diversas áreas e traz benefícios à população. "Por meio dos serviços de limpeza urbana garantimos a melhoria da saúde pública, a proteção do meio ambiente, uma paisagem urbana mais agradável e o bem-estar dos moradores, por isso, é fundamental a execução deste trabalho de forma regular e preventiva. E é importante lembrar também que a população deve fazer sua parte neste processo, não permitindo a formação de bolsões de lixo no seu bairro, denunciando esta prática criminosa. As chuvas já chegaram, o mato cresce rápido, e os proprietários de terrenos vazios devem fazer a manutenção do seu terreno deixando-o limpo e capinado", afirma. Além disto, explica Breno Gomes que a secretaria segue intensificando as ações de capina, roçagem e limpeza dos pontos de descarte irregular de resíduos pela cidade, e multando os proprietários de terrenos vazios, que não fazem a limpeza.

O objetivo da ação é manter a cidade limpa, eliminar possíveis focos transmissores de doenças e evitar a proliferação do mosquito Aedes aegypti, ao mesmo tempo, contribuir para melhorar ainda mais a qualidade de vida da população.

Leia Também:  Dia da Árvore será comemorado com plantio e distribuição de mudas em escolas

Segundo informou o secretário de Serviços Públicos, Breno Gomes, nesta semana os trabalhos de varrição, poda de arvores, pintura de meio fio e coleta de entulhos estão sendo realizados nos bairros Passagem da Conceição, Guarita, Jardim dos Estados e Pirinéu. “As equipes de limpeza estarão atuando nestas regiões e assim que os trabalhos forem concluídos estaremos seguindo para outras regiões da cidade”.

O gestor lembra que a limpeza urbana é de responsabilidade dos órgãos públicos, mas a conservação além de ser um ato de cidadania, é uma obrigação dos moradores, que devem cuidar do lixo das residências, preservar as praças e locais públicos, não jogar lixos em locais e áreas abandonadas. “A população pode contribuir e muito com essas ações realizadas pela prefeitura cuidando e zelando das suas calçadas, não jogando lixo em locais irregulares e fora do dia de coleta de lixo. Podem ainda fazer a denúncia de lixões clandestinos, pelos telefones 0800 647 4142 ou 3688 – 8034 e 3688 – 8035”, informou o secretário.

Além do trabalho realizado nas vias públicas, os fiscais do código de postura irão atuar de forma mais intensa na fiscalização dos terrenos em estado de abandono, notificando os proprietários para que faça a limpeza do local .“É importante que todo mundo faça a sua parte, pois embora o poder público realize o trabalho, a limpeza dos terrenos e calçadas reforço que é uma obrigação do morador”, alertou o secretario. destacando que o trabalho do poder público e o envolvimento da população são fundamentais no também combate ao mosquito transmissor da dengue .

Leia Também:  Alunos da Rede Pública de Ensino visitam secretarias municipais em projeto educacional

MOBILIZAÇÃO: Para reforçar ainda mais a atuação no combate e enfrentamento da dengue, equipes das secretarias de Serviços Públicos e Saúde estarão realizando trabalhos em conjunto, na conscientização da população. “O combate ao Aedes aegypti é realizado o ano todo e por todas as equipes da Prefeitura Municipal, mas neste período de chuvas os trabalhos são intensificados.

A superintendente de Vigilância em Saúde, Relva Cristina Silva Moura, disse que a Saúde do município vem mantendo anualmente as ações de prevenção e de combate as doenças infecciosas, e que o trabalho realizado no município tem alcançado resultados positivos uma vez que houve, nos últimos anos, uma redução da dengue, da zika vírus e chicungunya . “Essa avaliação positiva é o resultado de ações eficientes implantadas pela atual gestão. E para que tenhamos o controle dessas doenças é importante não somente a conscientização da população, mas uma força tarefa entre todos os envolvidos como as que estão ocorrendo neste mês de dezembro com o envolvimento das várias pastas da Administração Pública”, completou. 

Por: Katia Passos – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Continue lendo

Várzea Grande

Exposição artesanal e apresentações artísticas encerram o semestre de projetos sociais que reuniu mais de 3 mil participantes no Fiotão

Publicado

Um dos principais desafios de uma gestão pública é proporcionar qualidade de vida a seus moradores. E isso também envolve a inclusão social de adolescentes e mulheres em situação de vulnerabilidade social, para um novo estágio de vida. A Prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria de Assistência Social, visando esse propósito, atende cerca de 5.550 mil pessoas através dos projetos sociais: “Juventude Ativa” e “Amigas Empreendedoras”. Os integrantes são envolvidos em atividades de convivência, musicalização, geração de renda, sustentabilidade, mercado de trabalho, além de promover a qualidade de vida.

“Hoje é um dia importante para a Secretaria de Assistência Social, porque de acordo a constituição de 1988, a assistência social é prestada a quem dela necessitar, independentemente de contribuição à seguridade social, e tem objetivos de proteção à família, maternidade, infância, adolescência e à velhice e o amparo às crianças carentes, promoção da integração ao mercado de trabalho e a habilitação e reabilitação das pessoas com deficiência e a promoção de sua integração à vida comunitária. E é exatamente isso que acontece, em várzea grande, quando o município criou suas políticas públicas próprias a estas camadas sociais, por meio dos projetos sociais “Juventude Ativa” e “Amigas Empreendedoras”, sublinhou a coordenadora dos projetos sociais, Claudia Barros, no encerramento das atividades semestrais dos dois projetos.

A solenidade de encerramento das atividades semestrais ocorreu nesta terça-feira (03), no Ginásio Poliesportivo Fiotão e contou com a participação dos integrantes dos dois projetos, equipe técnica, autoridades políticas, representantes da iniciativa privada, secretários e vereadores municipais. Os projetos é uma idealização da Secretária de Assistência Social que atende 5 mil mulheres (Amigas Empreendedoras) e 550 jovens (Juventude Ativa), respectivamente nos semestres.

“Os projetos ‘Juventude Ativa’ e ‘Amigas empreendedoras, que no conjunto de ações de iniciativa pública garantem atendimento às necessidades básicas deste público segmentado. Só no Juventude Ativa atendemos 550 jovens, que se revezam em oficinas semi profissionalizantes nas 4 regiões da cidade, assim diminuindo riscos sociais e aproveitando tempo para adquirir conhecimento. Já o projeto “Amigas Empreendedoras” trabalhamos o empoderamento das mulheres no incremento da renda doméstica. As oficinas profissionalizantes capacitam para o mercado de trabalho informal ou formal, conforme sua opção, é uma ação voltada para o fortalecimento financeiro da família. Baseado no que a mulher aprende, por exemplo, em uma oficina de confecção de chinelos, ela passa a produzir e vender seu trabalho manual e artesanal, e assim otimizar a renda familiar, e também tem a possibilidade de  ter seu negócio próprio”, pontua a prefeita Lucimar Sacre de Campos.

Leia Também:  Projetos integrados promovem inclusão social 

A prefeita acrescenta ainda que todas as políticas públicas que desenvolvem na Assistência Social são de extrema importância e relevância social.  “Esta etapa que está encerrando é mais um ciclo de aprendizagem que  irá fazer a diferença na vida de cada jovem e cada mulher empoderada nos aspectos sociais, intelectuais, habilidades e financeiro. Estas políticas municipais estão transformando a vida e a realidade de vida destas pessoas para melhor ,em todos sentidos”.

De acordo com a secretária de Assistência Social, Flávia Omar, o projeto “Juventude Ativa” visa levar direitos e participação cidadã aos adolescentes de 12 a 17 anos, com atividades lúdicas como música, dança, grafitagem, esportes e pintura e, tela em 25 polos nas quatros regiões da cidade. Já “Amigas Empreendedoras” é uma proposta que tem a finalidade de diminuir os problemas sociais nas comunidades com foco na promoção da equidade, igualdade, cidadania, combate a violência e acesso a inclusão produtiva.

“Amigas Empreendedoras” garante ao segmento a oportunidade de melhor a renda domestica, desenvolver talentos para a convivência social, protagonismo e autonomia, aliado ao fortalecimento de vinculo familiar e comunitário, contribuindo na melhoria da qualidade de vida. O projeto atende 79 grupos nas quatros regiões de Várzea Grande com oficinas profissionalizantes de bordado em chinelo, crochê, cabeleireiro , artes, culinária, corte costura, pintura em tecido, bordado diversos, biscuit, design de sobrancelha e maquiagem, gastronomia”, explicou a secretária.

Conforme o representante da Câmara Municipal de Várzea Grande, Ícaro Reveles, é muito importante o trabalho realizado nos projetos sociais de Várzea Grande. “É fundamental inserir adolescentes em atividades que servem como formação pessoal e social para um futuro cidadão. Estes projetos visam não só estarem em um espaço acolhedor,  mas que possam desenvolver várias habilidades e foi exatamente isso que vimos neste encerramento deste ciclo. Por isso, agradeço a prefeita Lucimar Sacre de Campos por apoiar e investir em serviços de cuidados com adolescentes e mulheres do município. Além disso, preciso parabenizar todas as pessoas envolvidas direta ou indiretamente nestas apresentações”, frisa.

Leia Também:  Lucimar Campos prestigia inauguração do Magazine Luiza , em Várzea Grande.

Com apenas 16 anos de idade, a menina Raquel Cristina Moreira, entrou na oficina de música “Anjos da Lata”, mas seu talento para a música já vem desde pequenina, começou aos seis anos, cantando na igreja. Para ela sua vida mudou não apenas na parte musical, mas na convivência com outras pessoas e na interação social. Hoje ela tem o projeto como uma escola e uma segunda família.

“O projeto é uma ótima oportunidade que a prefeitura está nos dando. A nossa visão se abre para novos rumos, a crescer profissionalmente na música, fazer faculdade e se tornar até uma profissional. Também despertam nossa curiosidade em saber mais da música. Foi dentro do projeto que comecei a me interessar ainda mais, além de cantar a tocar também. Um bom cantor tem que saber tocar um instrumento também. Hoje, vários integrantes também já tocam outros instrumentos. E oportunidade como essa só a prefeita nos proporciona”, declara Raquel.

É no projeto que Paula Cristina Silva, do bairro Unipark passa parte de seu tempo rodeada de amigas e em atividades que elevam a autoestima e melhoram a saúde. Mas nem sempre a vida dela foi um mar de rosas. Ela já sofreu por muitos anos de depressão. Hoje, ela se declara curada. “O projeto me ajudou muito. É maravilhoso para nossas vidas. Quando a gente chega, e todo mundo está no mesmo propósito nossos planos dão certos, uma incentiva a outra sempre e crescemos juntas. Estou feliz e me tornei uma profissional da área da beleza. Eu atribuo isso às atividades e o acolhimento do projeto”, falou Paula.

 O encerramento das atividades do semestre de 2019/2 contou com apresentações artísticas, culturais, musicais e dança do Juventude Ativa, além de exposição dos produtos confeccionados pelas integrantes do ‘Amigas Empreendedoras’ e entrega de certificados de qualificação profissional. 

Por: Cláudia Joséh – Secom/VG

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana