conecte-se conosco


Policial

Polícias prendem suspeito de matar fazendeiro atropelado com trator

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um roubo seguido de morte ocorrido no sábado (15.06), na zona rural de Paranatinga (373 km ao Sul), foi rapidamente esclarecido e o suspeito preso. A prisão de Dionis Pereira da Silva, 42, foi efetuada pela Polícia Civil e a Polícia Militar, após furtar a caminhonete do padrão, David Antônio Cocco, 80, e matá-lo atropelado com um trator.

O suspeito era funcionário da fazenda. Ele foi autuado em crime de latrocínio. As diligências integradas iniciaram após a localização de uma caminhonete Hillux, aparentemente abandonada em uma estrada com várias avarias. Uma testemunha, que conhecia o dono do veículo, informou que já havia ligado diversas vezes para o proprietário, porém, não conseguiu contato. 

Durante diligências foi levantado que o fazendeiro (dono da caminhonete) foi visto na cidade acompanhado de seu funcionário no referido veículo. Com base nos fatos, as equipes localizaram o suspeito, que no momento dormia na residência de sua irmã, após arrombar  janela da casa da irmã, que não estava na casa quando ele chegou no imóvel.

Perguntado sobre o abandono da caminhonete e do paradeiro do seu patrão, o suspeito contou que subtraiu o veículo e foi para cidade. No trajeto acabou  colidiu o veículo, ocasionando as avaria, e por esta razão teve que deixar o veículo no caminho. Após foi dormir na casa da irmã.

O suspeito acompanhou os policiais até a propriedade rural. No local ele revelou que na parte da manhã tinha ido para cidade com o patrão e logo depois que recebeu o seu salário comprou e fez uso de entorpecente, sem conhecimento do patrão. Após ambos retornaram para sede da fazenda, e a vítima ordenou para o funcionário fosse até o pasto realizar o conserto das cercas. No entanto, o suspeito se negou a ir fazer a manutenção.

Ainda segundo o acusado, a vítima pegou o trator e foi sozinha para o pasto arrumar a cerca. Momento em que o suspeito efetuou o furto da caminhonete.

Com base nos relatos, os policiais civis e militares foram até o pasto onde localizaram o corpo do senhor de 80 anos, sem vida debaixo do trator, que estava ligado. Informações preliminares da perícia é que a vítima foi atropelada pela máquina agrícola por duas vezes.

Diante do flagrante, o suspeito foi conduzido até a Delegacia de Polícia de Paranatinga, interrogado e autuado pelo crime de latrocínio.

Após a confecção dos autos, o suspeito foi colocado à disposição da Justiça.

 

publicidade
1 comentário

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
paulo roberto Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
paulo roberto
Visitante
paulo roberto

O maior culpado desses crimes é a justiça que solta rapidinho essas escórias da sociedade…..

Policial

PRF deflagra Operação Fumaça Branca – Etapa X em Comodoro/MT

Publicado


.

Entre os dias 23 e 25 de junho, ocorreu, no município de Comodoro, a décima etapa da Operação Fumaça Branca.

A operação teve como foco o combate aos crimes ambientais de poluição, além servir como método de aperfeiçoamento para atividades de policiamento e fiscalização de trânsito e também de educação para o trânsito.

A fiscalização foi direcionada à utilização de ARLA 32 e, ao final da Operação, foram lavrados 14 TCOs (Termo Circunstanciado de Ocorrência) por ARLA adulterado, utilização irregular de combustível, trânsito com bomba dosadora de ARLA isolada ou queimada, dentre outros.

O ARLA 32 é o Agente Redutor Líquido de Óxido de Nitrogênio Automotivo. Trata-se de um reagente utilizado juntamente com o Sistema de Redução Catalítica (SRC) para reduzir a emissão de óxido de nitrogênio nos gases de escape de veículos à diesel.

SECOM PRF MT

 

 

Fonte: PRF MT

Continue lendo

Policial

Carreta de Várzea Grande com 11 toneladas de maconha avaliadas em R$ 110 milhões é apreendida em MS

Publicado

Após a abordagem, motorista do caminhão conseguiu fugir a pé

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu neste domingo (28) 11 toneladas de maconha em Ponta Porã (MS). A carga estava em uma carreta com placas de Várzea Grande. Os patrulheiros calculam que o carregamento esteja avaliado em R$ 110 milhões. Os policiais rodoviários fiscalizavam o km 68 da BR-463, quando abordaram um caminhão Scania/T112, com placas de Várzea Grande, acoplado a um reboque.

O motorista, de 47 anos, entregou os documentos pessoais e a nota fiscal da carga de soja. Desconfiados de que algum ilícito estivesse escondidos sob a soja, a equipe solicitou ao condutor que retirasse a lona do reboque.

Neste momento, ele fugiu correndo pé e entrou em um milharal nas proximidades. Buscas foram realizadas, porém ele não foi localizado. As onze toneladas do entorpecente e os veículos foram encaminhados para a Polícia Federal em Ponta Porã (MS).

 

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana