conecte-se conosco


Policial

Policiais civis da Derf Cuiabá e Delegacia da Mulher de VG recebem Moção de Aplausos da ALMT

Publicado

 Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil foi homenageada em uma sessão especial requerida pelo deputado estadual Max Russi, na segunda-feira (17.06), no Plenário das Deliberações, na Assembléia Legislativa do Estado de Mato Grosso.

Na referida sessão, Policiais Civis da Delegacia de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá e da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso (DEDMCI) de Várzea Grande receberam Moções de Aplausos.

O titular da Derf, Fabiano Pitoscia, ressaltou que a Moção de Aplausos vem reconhecer os resultados dos trabalhos realizados com ética, probidade, integridade e excelência em que enaltecemos a instituição.

“Nos dispusemos a trabalhar em favor das vítimas de crimes patrimoniais, propensos ao enfrentamento à criminalidade, num ministério a aplicarmos as leis àqueles que não a cumprirem, renunciando muitas vezes à família, amigos e aos prazeres da vida”.

O delegado acrescentou ainda que ao darmos o melhor de si, cada policial amadurece com a expertise dos trabalhos investigativos e de inteligência, fazendo assim diferença dentro da Polícia Civil do Mato Grosso e junto à sociedade

De acordo com o titular da Delegacia da Mulher de Várzea Grande, Claudio Alvares Santana, o deputado escolheu duas delegacias com destaque na região metropolitana, sendo que a Delegacia da Mulher foi escolhida pela produtividade de inquéritos instaurados e concluídos e prisões efetuadas neste ano.  

“Estamos com a maior produtividade desde quando a delegacia foi inaugurada em 2008. Todos os servidores da unidade receberam Moção de Aplausos pelos serviços prestados”, disse.

Para o primeiro secretário da Casa de Leis e autor do requerimento, deputado Max Russi, a homenagem a PJC tem como objetivo principal a valorização do trabalho dos policiais civis, para que se sintam mais motivados.

“O trabalho de combate a violência contra a mulher é uma área que estamos homenageando hoje, entre outras ações importantes que a Polícia Civil tem feito no estado de Mato Grosso”.

O deputado ainda destacou que o Estado precisa investir cada vez mais em tecnologia e dar suporte para que os profissionais da segurança pública possam trabalhar contra a criminalidade.

“Os policiais além de estarem preparados, precisam ter equipamentos que ofereçam condições de fazerem esse enfrentamento. Essa homenagem é uma forma de estimulá-los a trabalhar ainda mais e prestar um serviço ainda melhor a nossa sociedade”, finalizou.   

     

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Mais de meia tonelada de droga é apreendida em duas investigações de tráfico interestadual

Publicado

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), trabalha em dois focos principais na repressão ao tráfico de drogas, cuja atuação tem circunscrição estadual: o combate ao tráfico interestadual realizados por organizações criminosas especializadas no fornecimento e distribuição de drogas para todo Estado; e o tráfico doméstico, conhecido como “formiguinha”, que tem como característica o comércio de entorpecentes em pequenas quantidades, realizado em bairros de Cuiabá.

No primeiro semestre de 2020, uma das investigações da delegacia especializada resultou na desarticulação de um grupo de traficantes que traria de Mato Grosso do Sul mais de meia tonelada de maconha destinada à distribuição em Mato Grosso e Goiás.

As investigações deflagraram a Operação “Porteira Fechada”, realizada em abril, quando a equipe da DRE apurou denúncias e chegou a uma casa em Ponta Porã, cidade na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai. No local, os policiais civis apreenderam 600 quilos do entorpecente que estavam escondidos na residência. A Operação prendeu em flagrante seis pessoas ligadas ao grupo criminoso responsável pelo comércio da droga.

Continue lendo

Policial

Polícia Civil cumpre prisão de condenado por homicídio com passagens por vários crimes

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Em mais uma ação da Polícia Civil, realizada pela equipe da Gerência Estadual de Polinter (Gepol), um homem com ordem de prisão definitiva decretada pela Justiça foi preso, na tarde de sexta-feira (03.07), em Cuiabá. O suspeito, de 42 anos, é condenado por crime de homicídio e além de responder a processos por diferentes crimes.

O mandado de prisão definitiva foi expedido pelo Poder Judiciário no último dia 04 de junho, em grau de recurso de apelação nos autos do processo pela prática de homicídio qualificado, em que o suspeito foi condenado a mais de sete anos de prisão.

Além da condenação pelo crime, o suspeito também responde a diversos processos por roubo qualificado na forma tentada, receptação qualificada, furto qualificado (tentado e consumado), e porte ilegal de arma de fogo.

Em 2014, ele foi preso pela Polícia Militar no bairro Jardim Vitória, região norte da capital, durante uma abordagem de rotina, sendo constatado na época um mandado de prisão em aberto em seu desfavor.

A ordem de prisão contra o condenado foi cumprido pelos policiais da Polinter na sexta-feira (03), quando ele chegava a sua residência no bairro CPA, região da Grande Morada da Serra em Cuiabá. Ao ser abordado, o suspeito não resistiu a prisão e foi Conduzido a delegacia de para as providências cabíveis.  

 

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana