conecte-se conosco


Polícia Federal

Polícia Federal deflagra 3ª, 4ª e 5ª fases da Operação Acesso Negado

Publicado

Aracaju/SE – A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quinta-feira, 4, nas cidades de Aracaju, Poço Redondo, Frei Paulo, Macambira, Campo do Brito, Salvador e Petrolina, novas fases da OPERAÇÃO ACESSO NEGADO, com o objetivo de desarticular organização criminosa responsável por desvio de recursos públicos. 

Tratam-se da terceira, quarta e quinta fases da Operação Acesso Negado, desencadeada inicialmente em novembro de 2015 e com segunda fase deflagrada em fevereiro de 2019. As novas fases investigam irregularidades na contratação de uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP – pelos Municípios de Frei Paulo, Macambira e Poço Redondo.

As apurações indicam que, após se sagrar vencedora de um concurso de projetos eivado de vícios do qual resultou a sua contratação pelas Prefeituras de Frei Paulo, Macambira e Poço Redondo, a OSCIP celebrou diversos contratos superfaturados com pessoas físicas e jurídicas integrantes de seu próprio grupo econômico, que, por sua vez, não prestavam os serviços a que estavam obrigados, de forma que a organização criminosa apenas recolhia para si os vultosos valores pagos pelo ente municipal. 

Participam da ação 76 policiais federais, que cumprem 27 mandados de busca e apreensão expedidos pela 6ª Vara Federal da Subseção Judiciária de Itabaiana/SE, abrangendo os Estados de Sergipe, Bahia e Pernambuco, além de medidas cautelares de proibição de contratar com o poder público por parte da OSCIP e de bloqueio de cerca de R$ 440 mil do patrimônio dos investigados. 

Os envolvidos responderão pelos delitos de participação em organização criminosa, desvio de verbas públicas praticado por Prefeito, fraude em licitação e lavagem de dinheiro. 

Outras informações sobre o caso serão fornecidas em Entrevista Coletiva agendada para hoje (4/4), às 10h, no auditório da Polícia Federal, situada na Av. Augusto Franco, 2260, Siqueira Campos, nesta Capital.

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Polícia Federal

PF deflagra operação de repressão a crimes patrimoniais

Publicado

Campo Grande/MS – Nesta sexta-feira (1/7), a Polícia Federal deflagrou a Operação Mokõi Hova, que teve como objetivo o cumprimento de dois mandados de prisão, expedidos pela Justiça Federal de Campo Grande/MS, na investigação do furto qualificado da agência Caixa Econômica Federal de Aquidauana/MS, na qual os autores destruíram a parede que dá acesso ao cofre e subtraíram vultosa quantia em dinheiro.

As investigações avançam para demonstrar a existência de uma organização criminosa dedicada à prática deste tipo de crime, tanto é que, recentemente, os mesmos indivíduos já haviam sido presos em situação similar à ocorrida em Aquidauana/MS. 

A apuração demonstrou que um dos presos nesta data fornecia informações essenciais para a atuação da organização criminosa, pois trabalhava como contratado da empresa que prestava serviços à CEF. 

 O nome da operação Mokõi Hova tem origem guarani e significa duas faces.

Comunicação Social da Polícia Federal em Mato Grosso do Sul

@policiafederal

@policiafederalms

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Polícia Federal

PF e COPE efetuam prisão de traficante internacional de armas

Publicado

Foz do Iguaçu/PR – Policiais Federais e do COPE efetuaram uma prisão de indivíduo condenado por tráfico internacional de armas, na noite desta quinta-feira (30/6).

Os policiais realizavam patrulhamento na região conhecida como Esquina Céu Azul, zona rural do município de Santa Helena/PR, quando resolveram abordar um indivíduo no local.

Após vistoria, nada de ilícito foi encontrado. Contudo, nos sistemas, foi encontrado um registro de mandado de prisão pendente de cumprimento, expedido pela 5o Vara Federal de Foz do Iguaçu/PR. O mandado de prisão se refere à condenação por tráfico internacional de armas, artigo 18 da Lei 10.826/03.

O indivíduo foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR, para comunicação ao juízo e início do cumprimento da pena.

Comunicação Social da Polícia Federal em Foz do Iguaçu/PR

CS/PF/Foz

[email protected]

Disque-Denúncia

(45) 99116-8691 (telefone/Whatsapp)

Fonte: Polícia Federal

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana