conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil presta apoio em operação do Amazonas contra presidiários que agiam em golpe da venda de veículos

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Dezessete mandados de prisão e três mandados de busca e apreensão, expedidos contra uma quadrilha de estelionatários, foram cumpridos na manhã desta terça-feira (03.09), no município de Rondonópolis (212 km ao Sul), na operação “Falsários de Net”, deflagrada pela Polícia Civil do Amazonas (AM) com apoio da Polícia Civil de Mato Grosso, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), de Rondonópolis/MT e o Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra).

As ordens de prisão e busca e apreensão foram decretadas pela Justiça da Comarca de Manaus (AM). Todos os mandados de prisão foram expedidos pelos crimes de estelionato e organização criminosa contra 16 detentos que encontram-se recolhidos na mesma cela da Penitenciária Major Eldo Sá Correia (Mata Grande),  em Rondonópolis.

 A 17º pessoa procurada é a esposa de um dos reeducandos. Ela foi presa pelos policiais civis, em casa, localizada no bairro Dom Osório.  

Durante buscas na cela dos suspeitos, foram apreendidos 76 chips, 3 celulares, 6 porções de maconha e 28 cadernos com anotações. Na casa da suspeita, os policiais apreenderam um veículo Golf, uma motocicleta e mais de R$ 1,1 mil em dinheiro.

Leia Também:  Polícia prende vereador e outras três pessoas com arma que pode ter sido usada em atentado contra prefeito

As investigações da Polícia Civil do Amazonas, conduzidas pela Delegacia Especializada de Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD) de Manaus, apontam que os suspeitos praticavam golpes de estelionato, por meio de aplicativo de celular “WhatsApp”, e fizeram vítimas em  vários Estados, incluindo o Amazonas.

Segundo a investigação, nos últimos dois anos, foram registrados mais de 200 ocorrências, desse tipo de crime cometido pela mesma quadrilha somente no Distrito Federal (DF). Ainda segundo a investigação, o suspeito nunca aparecia, somente enviava mensagens de texto e áudios para as vítimas.

O golpe acontecia quando o comprador (vítima), interessado pelo preço, entrava em contato com o estelionatário, o qual age como intermediário do vendedor. O golpista, então, afirma para o proprietário do veículo que o comprador (vítima) tem uma dívida com ele.

A mesma versão era apresentada ao comprador (cliente), falando que o dono do carro tinha uma dívida com ele (golpista). A mentira é contada porque logo em seguida o estelionatário solicita para ambos não falarem de valores, quando a pessoa interessada na compra for fazer vistoriar o veículo.

Leia Também:  Presidente defende depoimento aberto na CPI da Sonegação, mas ressalta que cabe aos membros decidirem

Depois de negócio fechado, o estelionatário, fazendo o papel de intermediador, informa ao comprador a conta bancária para depósito, e solicita que o depósito seja feito rapidamente.

O golpe foi descoberto, após um comprador perceber que o depósito não havia sido realizado em nome do verdadeiro vendedor, e sim de uma terceira pessoa que seria integrante da quadrilha de estelionatário.

 

Fonte: PJC MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Polícia Civil prende irmãos por tráfico de drogas no bairro Jardim Passaredo

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Dois irmãos, um deles menor de idade, envolvidos com o tráfico de drogas na região do bairro Jardim Passaredo em Cuiabá foram presos em ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), realizada na tarde desta terça-feira (15.10).

O suspeito Jean Lucas Felix Ferreira, 19, foi autuado em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas majorado por envolvimento de menor de idade e associação para o tráfico. Seu irmão menor de idade, E.F.B.O., 16, responderá por ato infracional de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

A equipe da DRE recebeu diversas informações sobre uma possível boca de fumo no bairro Jardim Passaredo que seria coordenado pelos dois irmãos. Com base nas denúncias, há dias os policiais passaram a acompanhar as movimentações no local, além de ouvir moradores que reclamavam do tráfico na região.

Segundo informações, os irmãos escondiam o entorpecente em uma casa abandonada ou em um matagal, vizinhos a residência em que eles moram. Em monitoramento dos suspeitos, os policiais flagraram o momento em que Jean foi buscar a droga no matagal em frente a sua residência, ocasião em que foi realizada a abordagem do suspeito.

Leia Também:  Presidente defende depoimento aberto na CPI da Sonegação, mas ressalta que cabe aos membros decidirem

O traficante tentou fugir e avisar o seu irmão que estava dentro de casa, porém os dois acabaram detidos. Em buscas no matagal, os policiais encontraram um saco plástico com três peças grandes de maconha, uma porção média da mesma substância.

Ficando comprovado o envolvimento dos irmãos com a mercancia de drogas, eles foram conduzidos a DRE, onde após interrogados, foi lavrado o flagrante.

 

 

Fonte: PJC MT
Continue lendo

Policial

Polícia Civil autua reeducando do CRC por tráfico de drogas

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um reeducando do Centro de Ressocialização de Cuiabá (CRC) foi autuado em flagrante pela Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecente (DRE), da Polícia Judiciária civil, na manhã desta terça-feira (15.10), após ser detido no interior da unidade prisional com porções de substância análoga à maconha.

Luiz Junior Saraiva de Souza, 38, foi autuado pelo crime de tráfico de drogas depois de ser surpreendido por uma agente penitenciária em posse de um pacote contendo várias porções de maconha, embaladas e prontas para a venda.

Na ocasião, o suspeito que cumpre pena no CRC, na Capital, foi avistado quando fazia “uma correria”, carregando no seu bolso um volume desproporcional. Em seguida, a agente desconfiou e se aproximou e com apoio da equipe encontrou os entorpecentes.

Após o flagrante, o reeducando foi conduzido à DRE, interrogado e autuado por tráfico de droga. Após a confecção dos autos, o preso foi encaminhado de volta para o CRC. 

Fonte: PJC MT
Leia Também:  PRF prende dois homens com documentos falsos e receptação na BR-364
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana