conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil prende oficial de justiça por crime de concussão

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um oficial de Justiça acusado de exigir vantagens indevidas foi preso pela Polícia Judiciária Civil, por meio Delegacia Especializada de Crimes Fazendários e Contra Administração Pública (Defaz), na manhã desta quarta-feira (05.06), em Cuiabá. O servidor publico, F.R.S. de 62 anos, foi autuado em flagrante pelo crime de concussão.

As diligências iniciaram após a Polícia Civil ser acionada para apurar denúncia sobre um oficial de justiça, o qual estava solicitando certa quantia em dinheiro para não dar andamento em uma ação judicial de penhora de bens.

A vítima procurou a Defaz para relatar que reside em um apartamento no bairro Aráes e está com taxas de condomínio atrasadas. Para pagar a dívida, a moradora efetuou o pagamento de parte do valor em atraso, bem como fez acordo para quitação da dívida com o condomínio.

Durante a negociação, a vítima foi procurada pelo oficial de Justiça, afirmando estar em posse de um mandado de execução referente a cobrança das taxas de condomínio, e tal ação de execução estava na fase de penhora e que os bens da vítima poderiam ser confiscados.

O oficial de justiça disse a vítima que se fosse feito o pagamento de R$ 2 mil, ele não daria andamento na ação e constaria nos autos que não teria encontrado bens que pudessem ser penhorados. Em seguida, a vítima informou que não tinha o valor solicitado, momento em que o oficial disse que faria por R$ 500.

Diante do fatos, na manhã desta quarta-feira (05) o suspeito foi até o estabelecimento comercial da vítima, onde foi surpreendido pelos policiais civis, no momento em que recebia a quantia indevida de R$ 500 em espécie.

Após o flagrante, F.R.S. foi levado à Defaz onde foi ouvido pelo delegado Sylvio do Vale Ferreira Junior, e autuado pelo crime de concussão. Depois da confecção dos autos, o conduzido será apresentado para audiência de custódia.

A Polícia Civil orienta todo cidadão que for vítima de solicitação ou exigência de vantagens indevidas por parte de algum servidor público, que procure a Delegacia Fazendária para fazer a denúncia.

 

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

PRF participa de mais uma ação de combate a pandemia em Santo Antônio do Leverger/MT

Publicado


.

O posto da PRF serviu de base para a barreira sanitária organizada pela Prefeitura Municipal de Cuiabá/MT

A Polícia Rodoviária Federal cedeu seu espaço físico, na BR 364 km 387 em Santo Antônio do Leverger/MT, como ponto de barreira sanitária organizada pela Prefeitura Municipal de Cuiabá/MT, nessa quarta-feira (08).

A ação composta por servidores da DIVISA, SEMOB, SMSU, PRF, PRE e PM teve início nessa quarta-feira (08) e será válida pelos próximos 7 dias, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Especificamente na UOP da PRF, estão atuando a Secretaria Municipal de Saúde, Secretaria de Mobilidade Urbana e a Polícia Rodoviária Federal, com objetivo de conscientizar, orientar e identificar usuários da rodovia que estejam com sintomas de Covid 19, para evitar a propagação da doença.

Veículos com origem de fora do estado foram um dos principais alvos da barreira, que após abordagem, passavam por aferição da temperatura corporal dos ocupantes do veículo, feito pelos agentes de saúde. Em caso de identificação dos sintomas, um formulário é preenchido e são orientados a procurar uma unidade de saúde para uma avaliação mais criteriosa e assistência médica necessária.

Ressaltamos que barreira sanitária não é bloqueio da via, a PRF trabalha para garantir a livre circulação de pessoas e bens nas rodovias. Desde o início da pandemia, a PRF tem sido parceira em várias ações de combate a propagação da doença.

Secom PRF MT

Fonte: PRF MT

Continue lendo

Policial

Investigado por estelionato na compra de veículo em Matupá, homem é preso em Confresa

Publicado


.

Assessoria  Polícia Civil / MT      

Um homem procurado da Justiça por crime de estelionato foi preso pela Polícia Civil, nesta quarta-feira (08.07), em Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá), durante ação para cumprimento de mandado de prisão realizada pelos policiais civis do município, em apoio às investigações conduzidas pela Delegacia de Polícia de Matupá.

Além da prisão do suspeito de 35 anos, que estava com prisão preventiva decretada por cometer estelionato em Matupá, a ação resultou na recuperação de um veículo oriundo do crime em investigação.   

Conforme investigação da Polícia Civil de Matupá, iniciada após boletim de ocorrência registrado em fevereiro deste ano, o suspeito havia comprado uma caminhonete, modelo L-200 GLS e deu como pagamento duas folhas de cheques que seriam de sua esposa. Porém, a vítima, ao compensar os cheques foi comunicada que não seria realizado o pagamento em razão de divergência na assinatura.

A Delegacia de Matupá instaurou inquérito e identificou o autor do estelionato. Também foi apurado que a titular dos cheques não era esposa do investigado, bem como os cheques haviam sido extraviados em Alta Floresta, poucos dias antes da “compra” do veículo.

Diante das evidências de autoria do crime e pela periculosidade do suspeito em aplicar golpes, a delegada de Matupá, Juliana Rado, representou pelo pedido de prisão preventiva do investigado, com parecer favorável do Ministério Público Estadual e deferido pela Justiça.

Os investigadores descobriram que o suspeito estaria em Confresa e foi solicitado apoio das unidades policiais para o cumprimento do mandado de prisão.
O suspeito foi abordado pelas equipes da Delegacia de Roubos e Furtos de Confresa no centro da cidade. Com ele foram apreendidos vários documentos, contratos de compra e vendas de veículos, além de diversas folhas de cheque. Os investigadores conseguiram levantar ainda informações que levaram à localização do veículo produto do estelionato praticado em Matupá.

Após cumprimento do mandado de prisão, o suspeito foi conduzido para a Delegacia de Confresa, ouvido pelo delegado André Rigonato e após as providências cabíveis, foi encaminhado para Cadeia Pública de Porto Alegre do Norte, onde ficará à disposição da Justiça. O veículo recuperado foi restituído para a vítima.

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana