conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil participa de seminário sobre trabalho infantil

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Coordenadoria de Polícia Comunitária da Polícia Civil de Mato Grosso participou do seminário “Trabalho Infantil: Fortalecimento da Rede de proteção em Mato Grosso”, realizado nos dias 10 e 11 de junho, pelo Fórum Estadual de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Fepeti/MT), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT-MT 23ª Região), em Cuiabá, em comemoração ao Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil, intitulado no dia 12 de junho.

Os investigadores de polícia Ademar Torres, Edmir Soares de Sena, Tatiane Castro e a analista Alcimara Neuza Perin, estiveram presentes no seminário que objetivou sensibilizar, mobilizar e articular com profissionais de diversas instituições e órgãos envolvidos na temática, formas de proteger e garantir os direitos das crianças e dos adolescentes em situação de extremo risco e vulnerabilidade social, levando-os a uma situação de trabalho precoce.

O investigador Ademar Torres, no momento da apresentação argumentou que a prevenção realizada pelos projetos sociais nas escolas por meio de diálogos formativos, roda de conversas, debates sobre drogas, violência, sexualidade, direito e deveres busca orientar jovens acerca do fenômeno das drogas que por sua vez, se desdobra em crimes como violência doméstica, violência de trânsito, violência urbana, assassinatos, trabalho infantil, abuso e exploração sexual comercial de crianças e adolescentes.

Leia Também:  PRF apreende meia tonelada de maconha em Mato Grosso

“O fato de a Polícia Civil poder se deslocar até as escolas e levar informações precisas fortalece a rede de proteção”, destacou.

O evento foi organizado pelos Auditores-Fiscais do Trabalho (AFTs) da Superintendência Regional do Trabalho (SRT/MT), Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), Poder Judiciário de Mato Grosso, Comissão para Erradicação do Trabalho Infantil da Justiça do Trabalho (TRT/MT 23ª Região) Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca), e Comissão do Direito do Trabalho da Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Mato Grosso (OAB/MT).

Fonte: PJC MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Polícia Civil incinera 40 quilos de maconha apreendidos em Nova Canaã do Norte

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Civil de Nova Canaã do Norte (699 km ao Norte) realizou na manhã desta quarta-feira (21.08) a incineração de mais de 40 quilos de maconha, apreendidos em ações das Forças de Segurança do município.

A grande quantidade de entorpecente, avaliada em aproximadamente R$ 80 mil, é resultado de ações de combate ao tráfico de drogas na região, realizadas pelas Polícias Civil e Militar, no primeiro semestre de 2019.

A incineração de entorpecentes é um procedimento legal, previsto na Lei 11.343/2006, de Combate ao Tráfico de Drogas. A droga destruída estava devidamente periciada, lacrada, e em envelopes de segurança

Segundo o delegado de Nova Canaã do Norte, Ruy Guilherme Peral da Silva, a apreensão e incineração da quantidade expressiva de entorpecentes representa um duro golpe no tráfico de drogas em toda região, em razão do alto valor que deixou de ser comercializado.

“O tráfico de drogas é um crime que deve ser fortemente combatido pelas Forças de Segurança, uma vez que fomenta outros crimes como roubos, furtos, homicídios, latrocínios e outros mais que assolam a sociedade”, disse o delegado

Leia Também:  Em dez dias, 19 motoristas são presos pela PRF

Participaram do evento, representantes do Ministério Público, Vigilância Sanitária, imprensa local bem como foi comunicada a incineração da droga ao Poder Judiciário e a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec).

 

Fonte: PJC MT
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende mulher por tráfico de drogas em Alto Boa Vista

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Uma mulher envolvida com o comércio de entorpecentes no município de Alto Boa Vista (1059 km a Nordeste) foi presa pela Polícia Judiciária Civil, na manhã desta quarta-feira (21.08). A ação resultou na apreensão de 16 porções de pasta base de cocaína. 

A suspeita, F.O.A. de 32 anos, conhecida como “Indinha”, foi autuada em flagrante por tráfico de drogas, após ser surpreendida em uma residência no bairro Campinas, em Alto Boa Vista, praticando a traficância.

Durante diligências para averiguar diversas denúncias de pontos usados para venda de drogas, os policiais civis conseguiram identificar o endereço da suspeita, como local de armazenamento e comércio de drogas.

Com base nos indícios, os investigadores passaram a monitorar as proximidades da casa, sendo observado a todo momento grande movimentação de usuários e pessoas atuantes no tráfico na região.

No decorrer das investigações, também foi possível descobrir que a mulher investigada era envolvida em delitos de roubos e furtos, bem como nesta quarta-feira, ela teria recebido alguns objetos furtados em troca de drogas.

Leia Também:  Stand da Campanha McDiaFeliz será montado no prédio da Polícia Civil nesta quinta-feira (11)

Ato contínuo, a equipe foi até a casa de F.O.A., onde a traficante recebeu os policiais e autorizou a entrada no imóvel. No local, foi encontrado um pote de plástico contento várias porções de substância aparentando ser pasta base de cocaína.

Diante do flagrante, a suspeita foi encaminhada para Delegacia de Polícia de Alto Boa Vista, interrogada e autuada por tráfico de drogas. Após confecção dos autos, a presa foi colocado à disposição da Justiça.

 

Fonte: PJC MT
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana