conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil inova e realiza pela primeira vez reunião gerencial por videoconferência

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

A Diretoria da Polícia Civil realizou nesta sexta-feira (22.05) a primeira reunião gerencial com as regionais da instituição por meio do sistema de videoconferência. Além do investimento em tecnologia, que otimiza tempo e agiliza a tomada de decisões, a videoconferência é uma tendência adotada no serviço público e empresas privadas diante da necessidade de prevenção à disseminação pelo novo coronavírus, evitando grandes aglomerações em ambientes fechados.

O encontro gerencial desta sexta-feira reuniu diretores da Polícia Civil na sede da instituição, interligados virtualmente com as 15 delegacias regionais, possibilitando a interação entre os participantes e discussão das pautas apresentadas.

O delegado-geral, Mário Dermeval Aravéchia de Resende, destacou que as reuniões por videoconferência possibilitam um ganho não apenas em tempo, como na economia de recursos e na agilidade na tomada de decisões. “É mais uma etapa de um longo processo que vem se desenvolvendo há mais de dois anos para concretizar o sonho de ver uma Polícia Civil tecnológica e amplamente conectada”, frisou o delegado-geral.

A reunião teve entre as pautas discutidas o reforço para que todas as unidades policiais observem e cumpram as normas sanitárias em relação à prevenção ao novo coronavírus. O delegado-geral adjunto, Gianmarco Pacola, explicou que uma nova portaria será divulgada pela instituição reforçando as medidas preventivas.

Investimento e agilidade

As câmeras de videoconferência fazem parte do investimento em tecnologia, no valor de R$ 4,5 milhões oriundo de um Termo de Ajustamento de Conduta celebrado com o Ministério Público Estadual que TI, com equipamentos modernos e maior capacidade de armazenamento de dados para dar suporte à implantação do inquérito eletrônico e demais sistemas utilizados pela Polícia Civil.  

O diretor de Interior, Walfrido Nascimento, reforça a agilidade trazida pela videoconferência, pois as demandas das regionais podem ser tratadas sem que aja necessidade de deslocamentos de grandes distâncias, como por exemplo das regionais localizadas em Alta Floresta, Juína, Guarantã do Norte e Vila Rica.

O delegado da regional de Vila Rica, Marcos Aurélio Dias Leão, elogiou a nova proposta de reunião gerencial e destacou a agilidade e economia com o formato adotado. “Cada viagem, em virtude da distância é bem cansativa, pois precisamos chegar, participar e logo retornar à regional. Para quem está em uma distância como por exemplo, a regional de Confresa, essa é uma ferramenta de importância tremenda, que também possibilita economia de combustível e no desgaste de viaturas. É o futuro para nossa instituição”.

As câmeras instaladas nas delegacias regionais são próprias para realização de videoconferências em salas de reunião. A Polícia Civil vai encaminhar também a todas as delegacias 450 webcams que serão utilizadas para gravação de oitivas, que faz parte do projeto de modernização tecnológica da instituição.

A reunião contou também com a participação dos dirigentes da Polícia Civil: diretora de Execução Estratégica, Daniela Maidel; diretor de Atividades Especiais, Fernando Pigozzi; chefe de gabinete da diretoria, delegado Newton Braga e coordenador de Gestão de Pessoas, delegado Arnon Osny Mendes Lucas.

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Polícia Civil prende funcionário por abuso de adolescente em estacionamento de papelaria

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de abusar sexualmente de um adolescente de 13 anos foi preso em flagrante pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (01.06), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e Adolescente (Deddica).  O fato ocorreu no estacionamento de uma papelaria da Capital, onde o suspeito trabalha.

As investigações iniciaram após a vítima contar sobre o abuso para a coordenadora do grupo de jovens da sua igreja e ela comunicar o fato a Polícia. Ao ser ouvida, a vítima contou que foi abordada pelo suspeito responsável por passar álcool em gel nas mãos dos clientes, no momento em que saia da papelaria.

Na ocasião, o suspeito começou a ameaçar o adolescente e disse que era para o menor acompanhá-lo até o carro no estacionamento da empresa, onde ocorreu o abuso.

Assim que recebeu as informações, a equipe da Deddica iniciou as diligências conseguindo identificar toda a ação do suspeito através das imagens das câmeras de segurança da papelaria. Diante das evidências o suspeito foi conduzido a Deddica, onde após ser interrogado foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende dois homens e duas mulheres por tráfico de drogas no bairro Canjica

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

 

Quatro pessoas suspeitas de comercializar drogas foram presas pela Polícia Civil, na tarde de segunda-feira (01.06), no bairro Canjica, em Cuiabá. Além das prisões, a ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) resultou na apreensão de drogas e dinheiro.

Os dois homens de 20 e 26 anos, e as duas mulheres de 19 e 21 anos, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Durante diligências para identificar pontos de venda de drogas na cidade, os policiais civis da DRE receberam informações sobre um endereço no bairro Canjica, onde funcionaria uma boca de fumo.

Em monitoramento do local, os investigadores inicialmente identificaram que um casal permanecia na calçada. No momento em que aparecia o comprador os traficantes buscavam a porção de entorpecente no interior da residência, onde ficava escondida.

Com base nas evidências, a equipe da DRE realizou a abordagem do primeiro casal e logo em seguida encontrou os outros dois suspeitos dentro da casa.

Em poder dos suspeitos foram apreendidas quase 50 porções de vários tamanhos e diferentes tipos de entorpecentes (maconha e pasta base de cocaína) embaladas e prontas para a venda, além de duas balanças de precisão e mais de R$ 400 em dinheiro.

Diante do flagrante os dois homens e as duas mulheres foram conduzidos para DRE, interrogados e autuados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Após a confecção dos autos os presos foram apresentados para audiência de custódia e colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana