conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil fecha boca de fumo pela quarta vez no ano no bairro Pedregal

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Polícia Judiciária Civil, através da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), fechou pela quarta vez este ano, uma boca de fumo instalada no bairro Pedregal em Cuiabá. A ação realizada na terça-feira (19.11) resultou em três pessoas presas em flagrante, além da apreensão de entorpecentes e apetrechos relacionados ao tráfico.

Entre os presos está a idosa, C.L., 62, e os suspeitos, J.G.S.S. 25 e J.L.,45, todos autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Os policiais da DRE iniciaram as diligências após receberem informações da possível mercancia de drogas no endereço no bairro Pedregal, onde já foram realizados flagrantes anteriores. Logo que chegaram ao local, os policiais flagraram a cena de um motociclista  que saiu da casa e entregou  algo para uma jovem com uma criança de colo, levantando a suspeita da mercancia de drogas.

Diante das evidências, os policiais decidiram realizar a abordagem no endereço, ocasião em que os suspeitos tentaram fugir, porém foram detidos. Em buscas na casa, os policiais localizaram uma porção grande maconha e oito porções médias da mesma droga, além de duas balanças de precisão e dinheiro trocado característico da atividade de tráfico.

Leia Também:  Grávida, menor de 13 anos é apreendida com 11 kg de maconha dentro de ônibus

Os três suspeitos que localizados na residência, incluindo a idosa, foram conduzidos a DRE, onde após serem interrogados pelo delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico.

“Durante a ação, ficou claro que a idosa é conivente com a mercancia de drogas em sua residência, associada aos demais suspeitos para o armazenamento das substâncias ilícitas”, disse o delegado.

 

Fonte: PJC MT
publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Homem é executado com três tiros por motoqueiros em avenida do bairro CPA 4

Publicado

Vítima era morador de Várzea Grande e não tinha passagens criminais

Um homem de 30 anos foi morto a tiros quando trafegava pela avenida Mutum, no bairro CPA IV, em Cuiabá, na tarde de sábado (25). Adriano Silva Albuquerque de Amorim, 30, estava em um veículo Chevrolet Corsa quando foi abordado por dois homens em uma motocicleta. Um deles efetuou diversos tiros, sendo que três deles atingiram a vítima. Em seguida, a dupla fugiu.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e a equipe médica constatou o óbito. A Polícia Militar também foi acionada e deu inicio a diligências pela região, mas nenhum suspeito foi preso.

Testemunhas informaram que os assassinos já estavam rondando o local onde ocorreu o crime, o que levanta suspeita de que eles sabiam o percurso que a vítima costuma fazer.

Imagens capturadas por circuito de segurança do comércio da rua ajudaram a identificar a motocicleta usada pelos atiradores. Em checagens, foi descoberto que ela é produto de furto há alguns meses. 

Adriano era morador de Várzea Grande e não tinha passagens criminais. O crime será investigado pela Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP).

 

Leia Também:  Presidiário improvisa escada para pular muro e foge da PCE
Continue lendo

Policial

Motorista é preso após transportar madeira extraída de terra indígena

Publicado

Suspeito tentou fugir da abordagem da PM, mas foi detido próximo à sua residência

Policiais militares de Campinápolis (a 648 km de Cuiabá) encaminharam à delegacia nesta sexta-feira (24), um homem suspeito de extração ilegal de madeira.

Conforme o boletim de ocorrência, os agentes realizavam patrulhamento pela área central quando viram o suspeito dirigindo um caminhão Ford F 4000, com a carroceria coberta. O homem saiu em alta velocidade quando viu a viatura.

Devido à atitude suspeita, foi solicitado ordem de parada, não obedecida. Depois de um longo trajeto de fuga, o homem parou o veículo na frente da sua residência. Ele ainda tentou correr, mas foi abordado e apresentou resistência.

Na carroceria do caminhão, os militares descobriram que a carga se tratava de 80 postes de madeira da espécie angico. O homem disse que teria pegado a carga em uma aldeia indígena.

 

 

Leia Também:  Grávida, menor de 13 anos é apreendida com 11 kg de maconha dentro de ônibus
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana