conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil cumpre sete mandados judicais para desarticular associação criminosa em Água Boa

Publicado

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta sexta-feira (03.06), no município de Água Boa (740 km a leste de Cuiabá), a operação “Não Matarás” para cumprimento de sete mandados, sendo cinco de busca e apreensão e dois de prisão temporária.

Uma mulher de 25 anos, apontada como líder, teve a prisão temporária cumprida pelos policiais civis. Ela também foi presa em flagrante por receptação. Na ação foram apreendidos celulares, dinheiro, drogas, entre outros objetos.

As ordens judiciais foram decretadas pela Justiça, após investigação da Delegacia de Água Boa que identificou integrantes da organização criminosa a qual a mulher liderava, responsável por determinar vários homicídios ocorridos na região.

Foram realizadas buscas em vários endereços alvos dos mandados, sendo apreendido droga, dinheiro, celulares, além de produtos de crimes como defensivos agrícolas e equipamentos industriais em gerais.

Na casa da principal suspeita no bairro Cristalino, a equipe encontrou aparelhos celulares e diversos cartões bancários. Já a pessoa procurada em razão do segundo mandado de prisão temporária até o momento não foi localizada.

Todo material apreendido foi encaminhado para Delegacia de Água Boa, junto com a jovem que foi interrogada. Após a confecção dos autos de prisão em flagrante por receptação, e o devido cumprimento da prisão temporária, ela ficou à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Policial

Polícia Civil prende homem por ameaçar e lesionar mulher com uma faca em Lucas do Rio Verde

Publicado

Um marido suspeito de agredir e ameaçar a esposa em Lucas do Rio Verde, região norte do Estado, foi preso pela Polícia Civil, na segunda-feira (27.06), durante atendimento da ocorrência de lesão corporal no âmbito da violência doméstica e familiar.

O suspeito de 46 anos foi autuado pelos crimes de ameaça, desacato, resistência e desobediência, após ser abordado pelos policiais civis na casa do casal, no bairro Jardim Primavera.

No domingo (26) a vítima procurou a Polícia Civil para relatar que, ao chegar em casa encontrou seu marido alterado que começou a ofender com palavras de baixo calão, além de proferir ameaças de morte.

O suspeito de posse de uma faca foi em direção a vítima, a qual ao se defender acabou sendo lesionada no rosto. Na delegacia a comunicante representou contra o agressor e requereu pelas medidas protetivas de urgência.

Em seguida uma equipe foi até a casa da vítima de violência doméstica, com a finalidade de acompanhá-la para que ela retirasse os seus pertences, até que a Justiça decretasse a medida cautelar de afastamento do agressor do lar.

No local foi informado ao suspeito acerca da situação, bem como solicitado para ele cumprisse a ordem em virtude do contexto de violência doméstica, em que a vítima estava amparada pela Lei Maria da Penha.

Na ocasião o marido passou a ser agressivo e a falar na presença dos policiais civis, que colocaria fogo na casa e mataria a esposa, concretizando as ameaças feitas. Diante da reação do investigado a equipe deu voz de prisão.

Ao ser detido o suspeito tentou resistir a prisão e passou a ofender e ameaçar de morte os investigadores. Na delegacia também foi necessário o uso da força moderada para colocar o conduzido na cela.

Após ser autuado em flagrante por ameaça, desacato, resistência e desobediência, o preso foi apresentado e colocado à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil recupera carreta carregada de gado roubada em fazenda em Nobres

Publicado

Uma carreta carregada com cabeças de gado, roubada na manhã de terça-feira (28.06), foi recuperada pela Polícia Civil, em uma ação conjunta das Delegacia de Nobres, Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos (DERFVA), com apoio das Delegacias de Cáceres e Poconé, do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

As diligências iniciaram logo após a Polícia Civil ser comunicado do roubo em uma fazenda a aproximadamente 15 quilômetros da zona urbana de Nobres. O roubo ocorreu durante a noite de segunda-feira (27), quando ao menos três homens armados invadiram a propriedade e renderam os empregados e seus familiares.

Durante a ação, os criminosos mantiveram as vítimas sob a mira das armas de fogo, fazendo constante ameças até o momento em que uma carreta carregada chegou à propriedade, ocasião em que o motorista também foi rendido pelos criminosos.

Os assaltantes fugiram do local levando a carreta carregada com 96 cabeças de gado, além de um veículo de um empregado da fazenda e diversos pertences pessoais da vítima.

Após tomar conhecimento dos fatos, as equipes da Polícia Civil iniciaram as investigações e diligências urgentes, conseguindo localizar os animais em uma estrada vicinal no município de Poconé. Posteriormente a carreta que transportava o gado foi encontrada abandonada em outra estrada vicinal da mesma região.

Segundo o delegado de Nobres, Rogério Gomes, as investigações continuam para identificar os três envolvidos no roubo. “As diligências seguem em andamento em buscas pelos suspeitos e demais produtos roubados”, disse o delegado.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana