conecte-se conosco


Mato Grosso

Polícia Civil cumpre prisão de envolvido em roubo de gado, sequestro e cárcere privado

Publicado


A Polícia Civil de Poconé deflagrou na manhã desta quarta-feira (20.01) uma das fases da operação “Boi Bravo” para cumprimento de um mandado de prisão temporária decretado após investigação para apurar um roubo de gado ocorrido no município de Nossa Senhora do Livramento.

O trabalho operacional contou com apoio da Polícia Militar do município e resultou na prisão do suspeito de 40 anos, detido em uma residência no bairro Jurumirim, em Poconé.

O inquérito policial apura o roubo majorado, praticado com restrição de liberdade, concurso de pessoas e emprego de arma de fogo, além de sequestro e cárcere privado, associação criminosa e receptação.

Os policiais civis vêm investigando o crime praticado no dia 05 de janeiro, em uma propriedade na zona rural de Nossa Senhora do Livramento (42 km ao sul de Cuiabá), quando funcionários e suas famílias foram rendidos e mantidos como reféns, trancados em um dos cômodos da sede da fazenda por cerca de 19 horas.

Do local foram roubadas 82 cabeças de gado, cada uma avaliada em torno de R$ 2,5 mil,  localizadas e recuperadas pelos policiais civis e militares poucas horas depois do crime. Na ocasião, uma pessoa foi presa em flagrante delito.

No decorrer das diligências para esclarecimento do crime, a equipe da Delegacia de Poconé ouviu várias testemunhas e vítimas, bem como foram colhidos indícios e diversos elementos de prova que possibilitaram pela representação do mandado de prisão temporária, cumprido nesta quarta-feira (20).

No momento da abordagem ao suspeito alvo da ordem judicial, a filha do investigado tentou despistar os policiais dizendo que o pai não estava na casa. No entanto, como as equipes vinham realizando vigilância e monitoramento do local era sabido que o procurado estava escondido no endereço.

Em razão do suspeito não acatar o pedido para sair do imóvel, os policiais civis e militares realizaram a entrada tática na casa para cumprimento da prisão. No local também foi apreendido um aparelho celular produto do roubo, que foi formatado.

Após a prisão, o suspeito foi conduzido para a Delegacia de Poconé, interrogado pelo delegado Maurício Maciel Pereira e posteriormente encaminhado para a Cadeia Pública do município.

As investigações continuam para identificar de outros envolvidos no crime.

Fonte: GOV MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mato Grosso

Seplag intensifica acompanhamento psicossocial dos servidores durante a pandemia

Publicado


Profissionais da área da saúde mental, em todo o mundo, alertam para o aumento do número de casos relacionados a transtornos de ansiedade e depressão durante a pandemia do coronavírus. Sensível aos cuidados com a saúde mental de seus servidores, a Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag-MT) tem intensificado o processo de acompanhamento psicossocial na pasta.

A Secretaria vem intervindo em situações de vulnerabilidade que alguns servidores têm apresentado, sendo ofertada escuta qualificada, acolhimento, orientação e avaliação profissional de psicólogos e assistentes sociais.

A ação consiste em prestar atendimento especializado, por meio da Coordenadoria de Segurança e Saúde no Trabalho (CSST), aos servidores com problemas que possam interferir na sua vida funcional e visa também aprimorar o atendimento realizado desde o início da pandemia pela equipe.

Quando identificado como necessário, é feito o encaminhamento do funcionário para tratamento especializado externo, explica a psicóloga responsável pela unidade, Katya Rodrigues.

“O isolamento social, a privação de espaços de lazer e a alteração da dinâmica de socialização fizeram com que esses transtornos surgissem ou reaparecessem na população, demonstrando os impactos emocionais de estresse agudo e pressão psicológica envolto no cenário de pandemia”, comentou a psicóloga que ainda acrescentou “tudo isso aliado a recente descoberta da vacina, mas com acesso ainda escasso, é um agravante dos índices de depressão e ansiedade”, ponderou.

Somente no último ano, o índice de afastamento entre os servidores da Seplag por licença médica por CID F – classificação para doenças relacionadas à transtornos mentais e comportamentais –, foi de 31%, segundo o banco de dados da Gerência de Informação em Saúde do Servidor.  

Matheus de Musis, um dos psicólogos da CSST/Seplag, em atendimento por vídeochamada

O processo de acompanhamento psicossocial implantando na Seplag tornou-se referência para outras secretarias do Governo, que já somam mais de cinco mil atendimentos ao longo dos dois anos do projeto. Além de difundir entre os órgãos e entidades o modelo de trabalho a ser implantado, o treinamento e o suporte das equipes, assim como o monitoramento dos resultados alcançados são realizados pela Secretaria Adjunta de Gestão de Pessoas da Seplag, órgão central de Gestão de Pessoas do Executivo estadual.

Através da CSST também foram instituídos na pasta outros procedimentos para promover a melhoria das condições internas de saúde e bem-estar psicossocial dos servidores, entre eles um protocolo referente ao coronavírus contendo orientações sobre prevenção, atendimento ao público, apoio psicológico, entre outras informações.

Além disso, o acompanhamento de servidores com suspeitas ou casos confirmados da Covid-19 vem sendo feito desde o início da pandemia. De acordo com o dado mais recente da CSST, 127 servidores da pasta testaram positivo para a doença.

“Ainda é cedo para saber com precisão real o impacto da Covid-19 na saúde mental da população mundial. Entretanto, procuramos contribuir para a promoção da saúde mental no intuito de concretizar o desenvolvimento de relações mais humanas no ambiente de trabalho”, afirmou Katya.

Todas as ações da Coordenadoria, inclusive as citadas acima, foram adaptadas por conta da pandemia e passaram a ser realizadas por telefone ou vídeochamada.

Quando identificado como necessário, é feito o encaminhamento do funcionário para tratamento especializado externo, explica a psicóloga responsável pela CSST/Seplag, Katya Rodrigues. 

Atendimento

O servidor da Seplag que se identifique nas situações citadas ou por outro motivo necessite de apoio psicossocial deve entrar em contato com a CSST, unidade vinculada à Secretaria Adjunta de Administração Sistêmica (SAAS), pelos telefones (65) 9 9222-4568 e (65) 9 9280-3107 ou pelo e-mail: [email protected]

Em caso de suspeita, confirmação ou contato com pessoa infectada pelo coronavírus, o servidor deve se afastar imediatamente do trabalho e informar o chefe imediato via e-mail, bem como notificar sua situação para o endereço eletrônico: [email protected] Os demais servidores do Governo devem comunicar suas respectivas unidades quanto a suspeita, confirmação ou contato com pessoa infectada.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Mato Grosso

Festival de Teatro realiza oficinas e espetáculos online

Publicado


Começou neste sábado (06.03), o Palco Perebas – Festival de Teatro. A primeira edição do festival vai até o dia 25 de março. Ao todo serão mais de 20 apresentações voltadas para toda a família. O festival será totalmente online, transmitido via redes sociais do Grupo de Teatro Perebas. O público poderá acompanhar e interagir com os grupos e convidados.

Com uma extensa programação, o festival reúne apresentações de peças de teatro de Mato Grosso, Bahia, Ceará, São Paulo, Rondônia e outros estados. Além de oficinas, bate-papos, entrevistas e vivências com Amauri Tangará, Carlos Ferreira e Vital Siqueira. O projeto foi contemplado no Edital Circuito Mostras e Festivais da Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT).

Ainda no sábado (06.03), teve apresentação do “Grupo Pavilhão Da Magnólia”, de Fortaleza (CE), com o espetáculo “Ogreleto”, que conta a história de uma criança que descobre que não é igual às outras, e tem que aprender a aceitar e lidar com essa diferença. Ogreleto, de Suzanne Lebeau, dialoga com questões contemporâneas da criança e dos adultos.

Oficinas

Nos dias 07, 14 e 21 de março, das 13h as 16h, tem oficina de voz e técnica vocal para cantores, atores e estudantes de teatro, ministrado por Eric D’Ávilla, de São Paulo (SP).

No dia 13 de março, das 8h as 11h, tem oficina de teatro de sombras com o Grupo de Teatro Penumbra (Cuiabá/MT). E no dia 20 de março, das 8h as 11h, tem oficina de compartilhamento do processo de criação da Trupe Ave Lola (Curitiba/PR).

As vagas para as oficinas são limitadas e os interessados devem entrar em contato com o Grupo de Teatro Perebas, pelo telefone (65) 9 9670-6700.

A curadoria do festival é de Jefferson Jarcem (Cuiabá) e Mary Costa (Tangará da Serra). A programação completa está disponível no Facebook e Instagram do grupo Perebas.

Confira a programação completa aqui.

Fonte: GOV MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana