conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil cumpre 42 mandados contra grupo envolvido com tráfico de drogas e comércio de armas no noroeste de MT

Publicado


Assessoria/Polícia Civil-MT

Quarenta e dois mandados judiciais, sendo 19 de prisão preventiva e 23 de busca e apreensão, foram cumpridos pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (07.12), na operação Sparsum, deflagrada para desarticular uma associação criminosa envolvida com crimes de tráfico de drogas e comércio de armas nos municípios de Juína e Aripuanã (735 km e 1.002 km a noroeste de Cuiabá). 

No total, 18 pessoas foram presas, três flagrantes foram lavrados, além da apreensão de armas de fogo, munições, drogas, dinheiro e apetrechos relacionados ao tráfico. As ordens judiciais foram cumpridas nas cidades de Aripuanã, Tangará da Serra, Rondonópolis, Alta Floresta e Juína.

A operação foi deflagrada com base nas investigações da Delegacia de Aripuanã que identificaram suspeitos de praticarem uma série de ações criminosas na região noroeste do estado, como o fornecimento, distribuição e venda drogas, armas de fogo e munições, atuando no narcotráfico em Aripuanã, região e na Vila do Garimpo

As investigações apontaram que os suspeitos faziam parte de uma rede criminosa responsável por uma intensa atividade criminosa envolvendo a prática de crimes de tráfico de drogas, associação para tráfico de drogas e comercialização ilegal de armas de fogos, estando a organização dividida em três grupos (Núcleo de fornecimento; Núcleo de distribuição e Núcleo de varejo/outros).

Segundo o delegado responsável pelas investigações, Philipe de Paula da Silva Pinho, os suspeitos se organizavam de modo a preencher os três setores da comercialização de entorpecentes e, agindo dessa maneira, coletivamente, mas sem hierarquização e centralização de atividades, conseguindo se manter ao largo das investigações policiais.

“A atuação descentralizada e rotativa permitiria uma rápida e eficiente troca de parcerias e atividades criminosas entre os agentes, que todavia, foram identificados pelos mencionados núcleos principais de suas atuações”, disse o delegado.

Além da atuação centrada no tráfico de drogas, o grupo praticava crimes de outras naturezas graves, desde comércio de armas até ameaças e aparentes ações violentas, com uso de arma de fogo, aos usuários que adquiriam entorpecentes e não pagavam.

Fonte: PJC MT

publicidade
Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Policial

Estuprador de criança foragido da Justiça do Paraná é preso em Sinop

Publicado

Um homem foragido da Justiça do Paraná teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, no sábado (22.01), em ação realizada pela equipe plantonista da Delegacia de Sinop (499 km ao norte de Cuiabá).

O suspeito, de 42 anos, estava com o mandado de prisão em aberto pelo crime de estupro de vulnerável expedido pela Vara Criminal da Família, da Comarca de São Miguel do Iguaçu (PR).

As diligências iniciaram logo após os policiais plantonistas receberem informações sobre o mandado de prisão em aberto contra o suspeito, que estaria residindo nos fundos de um posto, no bairro Setor Residencial Norte.

Em diligências no endereço, os policiais conseguiram localizar o suspeito que foi comunicado sobre a ordem de prisão e conduzido à Delegacia de Sinop para as providências cabíveis, sendo posteriormente colocado à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia prende três e recupera carga de móveis e eletrodomésticos furtados de residência em VG

Publicado

 

Uma carga de produtos furtados de uma residência no mês de novembro foi recuperada pela Polícia Civil, após investigações realizadas pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Várzea Grande (Derf-VG).

Os móveis e eletrodomésticos furtados foram localizados em uma residência no bairro Jardim Glória, em Várzea Grande, sendo três pessoas conduzidas à Derf-VG para prestar esclarecimentos.

O furto dos objetos ocorreu no mês de novembro quando os suspeitos aproveitavam que a residência  estava temporariamente desabitada e iniciaram a subtração dos bens, como televisões, geladeira e outros utensílios domésticos, fretando o veículo para fazer o transporte dos bens.

Assim que foi acionada do furto, a equipe da Derf-VG iniciou as investigações, conseguindo identificar a pessoa que realizou o frete dos produtos, que questionado, disse que recebeu R$ 150 pelo serviço, e indicou o local em que entregou os móveis.

No endereço, os policiais apreenderam duas geladeiras, uma televisão, motor de poupa, churrasqueira, máquina de lavar, entre outros itens, sendo necessário um caminhão para fazer o transporte dos bens até a delegacia para restituição à vítima.

Três pessoas abordadas durante dos trabalhos foram conduzidas à delegacia para prestar esclarecimentos. As investigações seguem em andamento para identificar outros envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana