conecte-se conosco


Policial

Polícia Civil conclui 154 inquéritos de homicídios e prende 92 criminosos

Publicado

Assessoria | PJC-MT

A Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) concluiu 154 inquéritos policiais, entre os meses de janeiro a junho deste ano, com o esclarecimento de autoria em 69,64% dos casos. Os inquéritos são referentes a homicídios ocorridos na região metropolitana no primeiro semestre de 2019, e também casos de anos anteriores, que foram finalizados nesse período.

Para responsabilizar os autores, a DHPP realizou 59 operações que totalizaram 92 pessoas presas, sendo 49 prisões temporárias, 27 prisões preventivas, 3 prisões definitivas, 13 flagrantes, além do cumprimento de 55 mandados de busca e apreensão domiciliar.

No primeiro semestre de 2019, a DHPP atendeu 271 ocorrências de morte, 68 delas caracterizadas como homicídio. Destes, 48 crimes contra vida ocorreram em Cuiabá e 20 no município de Várzea Grande. No total, a especializada instaurou 77 inquéritos policiais para apurar homicídios dolosos. Algumas situações, de casos atendidos pelas equipes plantonistas, em que há dúvida na morte, também são feito inquérito na DHPP, como afogamento ou suicídio, para esgotar todas as possibilidades de morte violenta (homicídio). Mas, na maior parte, de naturezas diversas atendidas, sem relação com homicídio, os casos seguem para outras delegacias.

Para alcançar os resultados, a Especializada estabeleceu a meta, denominada  “DHPP Mais Forte”, visando esclarecimento, responsabilização e prisão de envolvidos em inquéritos policiais em andamento na unidade.

Segundo o delegado, André Renato Gonçalves, a operação realizada em 120 dias (11 de março a 08 de julho) concentrou esforços dos policiais para a diminuição do acervo cartorário da delegacia, totalizando 140 inquéritos policiais relatados nesse período.

Com a intensificação dos trabalhos, entre os meses de janeiro a junho, foram encaminhados à Justiça 154 inquéritos policiais, sendo 100 deles com autoria definida. “São sem dúvida números muito expressivos, possivelmente, um dos mais altos do país em termos de especializadas em homicídios em Capitais”, destacou André Renato.

Para o delegado, a redução de 35,24% no número de homicídios em Cuiabá e Várzea Grande nos meses de janeiro a junho (68 ocorrências de homicídios contra 105 no mesmo período de 2018) demonstra o bom funcionamento do método de trabalho da Especializada.

“Nos últimos anos os índices de ocorrência vêm diminuindo, fato que demonstra o empenho dos policiais da DHPP, delegados, escrivães e investigadores, que atuam na repressão qualificada desse tipo de crime, sem deixar de valorizar os demais profissionais de Segurança que trabalham na área preventiva”, disse o delegado.

Desaparecidos

O Núcleo de Pessoas Desaparecidas da DHPP também apresenta altos índices de produtividade superando 90% de casos esclarecidos. No primeiro semestre, foram 416 casos de desaparecimentos registrados na unidade com a localização de 379 vítimas, gerando um índice de 91,11% de resolutividade dos casos.

“Nos últimos anos, os índices do Núcleo de Pessoas Desaparecidas têm sempre ultrapassado a casa dos 90%, demonstrando o constante empenho e compromisso dos policiais do setor”, finalizou o delegado.

 

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Policial

Três adultos são presos com seis quilos de maconha em bairro de VG

Publicado


.

Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Três adultos foram presos e um adolescente aprendido com seis quilos de entorpecente na tarde desta sexta-feira (10), em uma casa no bairro Terra Nova, em Várzea Grande. As prisões e a apreensão foram feitas por equipe da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) que realizava diligências na região.

Durante rondas pelo bairro, os policiais da DRE avistaram um rapaz em atitude suspeita e ao ser abordado, com ele foram encontradas porções médias de maconha. Com a informação de que havia uma boca de fumo nas proximidades, a equipe policial foi até a casa do adolescente abordado. No momento em que a viatura parou na residência, outro rapaz saía do local e nos fundos do quintal havia mais duas pessoas. Uma delas, ao perceber que era abordagem policial, tentou fugir pulando o muro.

Em busca no terreno da residência, os policiais encontraram parte da droga enterrada no quintal, dois tabletes e meio de substância análoga à maconha. Em um dos quartos da casa foram localizadas mais porções de droga.

Em mais uma revista no quintal da casa, a equipe da DRE localizou dentro de uma máquina de lavar roupas mais três tabletes e meio da droga e outras porções separadas. 

O grupo foi encaminhado para a DRE para ser ouvido. Os três adultos foram autuados pelo delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira por tráfico de drogas e associação para o tráfico, com aumento de pena por envolver menor de idade nos crimes.

O adolescente vai responder a ato infracional análogo a tráfico de drogas e associação para o tráfico. A ocorrência será encaminhada para a Delegacia Especializada do Adolescente.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil apreende maquinas da Prefeitura de Ribeirãozinho em obra particular

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil – MT

Dois caminhões basculantes e uma máquina de pá carregadeira pertencentes à Prefeitura Municipal de Ribeirãozinho e que eram utilizadas em uma construção particular foram apreendidos pela Polícia Civil de Torixoréu (560 km ao sul de Cuiabá) nesta sexta-feira (10.07). Na ação, cinco pessoas foram conduzidas para prestar esclarecimentos. 

As diligências realizadas pelos policiais civis de Torixoréu iniciaram após denúncia encaminhada pelo Ministério Público Estadual, sobre maquinários usados supostamente para executar serviços em terrenos de propriedade particular.

Diante das informações a equipe da Delegacia de Torixoréu foi até a zona rural do município de Ribeirãozinho, onde cinco pessoas foram surpreendidas utilizando dois caminhões basculantes e uma pá carregadeira para fazer o aterro de duas construções de propriedades privadas, constatando a prática criminosa contra a administração pública de improbidade administrativa.

O maquinário público foi periciado e apreendido. Cinco pessoas, entre elas, os operadores das máquinas e os responsáveis pelas construções,   foram encaminhados para Delegacia de Polícia de Torixoréu. Conforme o delegado regional de Barra do Garças que coordena as investigações, Wilyney Santana Borges Leal, os conduzidos foram ouvidos e prestaram esclarecimentos sobre os fatos na unidade policial.

“O Secretário de Obras do município também se apresentou posteriormente dando sua versão dos fatos. Um inquérito policial foi instaurado, as investigações devem prosseguir e as cópias dos expedientes produzidos também serão encaminhadas ao Ministério Público para as providências que o caso requer”, disse o delegado regional. 

 

 

 

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana