conecte-se conosco


Policial

PM fecha 70 bares e postos de combustíveis por desrespeitarem isolamento social contra pandemia

Publicado

Desde o início das medidas restritivas, a PM já dispersou 270 aglomerações e prendeu 25 pessoas

Desde a publicação do decreto estadual 419/20, em 20 de março deste ano, que estabeleceu medidas para o isolamento social, como forma de evitar a propagação do novo coronavírus, a Polícia Militar precisou intervir para dispensar 270 aglomerações, uma média de 38 por dia. Em apoio a instituições de defesa do consumidor e de Saúde Pública, a PM atuou no fechamento de 70 bares e de três postos de combustíveis.

De acordo com dados preliminares da Superintendência de Planejamento Operacional e Estatísticas (Spoe/PMMT), em todo o Estado foram 25 pessoas conduzidas à delegacias por resistência ao cumprimento das determinações legais, a maioria donos de estabelecimentos comerciais de venda e consumo de bebidas alcoólicas.

Além da capital, Cuiabá, com 15 dispersões, os relatórios apontam que a Polícia Militar vem fazendo dispersões principalmente em municípios pequenos. Em Nobres, por exemplo, município com 15 mil habitantes a 146 quilômetros de Cuiabá, foram sete aglomerações dispersadas. Já em Campinápolis e Nova Xavantina (a 658 e 645 km de Cuiabá, respectivamente), os policiais militares desfizeram seis aglomerações em cada.

Mas foi Nova Mutum (260 km de Cuiabá), com população estimada em 45 mil habitantes, que registrou o maior número: 20 dispersões, a partir de chamados de moradores, de operações e constatações feitas durante o policiamento preventivo.

Entretanto, a principal atuação da Polícia Militar mato-grossense vem sendo no sentido de orientar a população. Um sistema próprio de monitoramento foi criado para esse momento de crise já contabiliza mais de 12 mil atendimentos de orientação e esclarecimento de dúvidas sobre as medidas emergenciais adotadas pelo Governo do Estado e municípios.

Na noite de quinta-feira (26), quase 500 policiais dos 15 comandos regionais do Estado saíram às ruas para reforçar o policiamento de prevenção a roubos, furtos, orientar a população e fazer cumprir as medidas emergenciais de prevenção à propagação do Coronavírus.

Em Cuiabá e Várzea Grande a ação teve o reforço de policiais das unidades especializadas como os Batalhões Rotam, Cavalaria, Bope, Ambiental e Trânsito. Já no interior o reforço veio das Companhias de Força Tática.

O subchefe de Estado Maior da PM, coronel Wankley Corrêa Rodrigues, destaca que em uma situação de emergência como essa em que vive o mundo, as atribuições dos policiais extrapolam as ações cotidianas de prevenção e repressão à criminalidade.

Rodrigues destaca que, para segurança e proteção da sociedade, é necessário atuar em apoio ou com ações individuais para orientar a população e fazer cumprir as medidas restritivas adotadas pelas autoridades governamentais. “É nisso que nossos policiais estão trabalhando de maneira intensa em defesa da população, adotando cuidados com a própria saúde e da família, mas também correndo riscos em muitas situações nas quais precisam intervir”, completa.

 

publicidade
1 comentário

1
Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
0 Comment authors
Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
trackback

[…] MT: PM fecha 70 bares e três postos por desrespeitarem isolamento social contra pandemiaO DocumentoDesde a publicação do decreto estadual de 20/03/20, que estabeleceu medidas para o isolamento social, a PM precisou intervir para dispensar 270 aglomerações, uma média de 38 por dia. Comprove […]

Policial

Polícia Civil prende funcionário por abuso de adolescente em estacionamento de papelaria

Publicado


.

Assessoria/Polícia Civil-MT

Um homem suspeito de abusar sexualmente de um adolescente de 13 anos foi preso em flagrante pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (01.06), em ação da Delegacia Especializada de Defesa da Criança e Adolescente (Deddica).  O fato ocorreu no estacionamento de uma papelaria da Capital, onde o suspeito trabalha.

As investigações iniciaram após a vítima contar sobre o abuso para a coordenadora do grupo de jovens da sua igreja e ela comunicar o fato a Polícia. Ao ser ouvida, a vítima contou que foi abordada pelo suspeito responsável por passar álcool em gel nas mãos dos clientes, no momento em que saia da papelaria.

Na ocasião, o suspeito começou a ameaçar o adolescente e disse que era para o menor acompanhá-lo até o carro no estacionamento da empresa, onde ocorreu o abuso.

Assim que recebeu as informações, a equipe da Deddica iniciou as diligências conseguindo identificar toda a ação do suspeito através das imagens das câmeras de segurança da papelaria. Diante das evidências o suspeito foi conduzido a Deddica, onde após ser interrogado foi autuado em flagrante por estupro de vulnerável.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende dois homens e duas mulheres por tráfico de drogas no bairro Canjica

Publicado


.

Assessoria | Polícia Civil-MT

 

Quatro pessoas suspeitas de comercializar drogas foram presas pela Polícia Civil, na tarde de segunda-feira (01.06), no bairro Canjica, em Cuiabá. Além das prisões, a ação da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE) resultou na apreensão de drogas e dinheiro.

Os dois homens de 20 e 26 anos, e as duas mulheres de 19 e 21 anos, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Durante diligências para identificar pontos de venda de drogas na cidade, os policiais civis da DRE receberam informações sobre um endereço no bairro Canjica, onde funcionaria uma boca de fumo.

Em monitoramento do local, os investigadores inicialmente identificaram que um casal permanecia na calçada. No momento em que aparecia o comprador os traficantes buscavam a porção de entorpecente no interior da residência, onde ficava escondida.

Com base nas evidências, a equipe da DRE realizou a abordagem do primeiro casal e logo em seguida encontrou os outros dois suspeitos dentro da casa.

Em poder dos suspeitos foram apreendidas quase 50 porções de vários tamanhos e diferentes tipos de entorpecentes (maconha e pasta base de cocaína) embaladas e prontas para a venda, além de duas balanças de precisão e mais de R$ 400 em dinheiro.

Diante do flagrante os dois homens e as duas mulheres foram conduzidos para DRE, interrogados e autuados pelos crimes de tráfico e associação para o tráfico de drogas.

Após a confecção dos autos os presos foram apresentados para audiência de custódia e colocados à disposição da Justiça.

Fonte: PJC MT

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana