conecte-se conosco


Economia

PIB: Com agronegócio, indústria e serviços, Mato Grosso tem maior taxa de crescimento do país

Publicado

A economia de Mato Grosso cresceu 12,1% no ano de 2017, de acordo com o resultado do Produto Interno Bruto (PIB), divulgado oficialmente nesta quinta-feira (14) pela Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Trata-se da maior taxa de crescimento do PIB em volume entre as unidades da Federação.

Os dados fazem parte do levantamento técnico das “Contas Regionais: Produto Interno Bruto de Mato Grosso em 2017”, elaborado pela Coordenadoria de Estudos Socioeconômicos da Seplag, e está disponível para consulta no site da Secretaria. Entre os setores que contribuíram para o comportamento da economia local no período estão a agropecuária (45,2%), a indústria (2,0%) e serviços (3,2%).

De acordo com o relatório, o valor do PIB de Mato Grosso gerado em 2017 está estimado em R$ 126,81 bilhões, resultando em um PIB per capita de R$ 37,914 bilhões, o quinto maior valor per capita entre os Estados brasileiros, atrás do Distrito Federal, São Paulo, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

Leia Também:  IBGE divulga coeficientes de desequilíbrio regional

Em ranking das unidades da Federação no ano de 2017, Mato Grosso ocupou a 13ª colocação, considerando-se o PIB nominal (em valores correntes), ou seja, a 13ª economia regional do país.

Em termos relativos, a economia mato-grossense participa com cerca de 1,9% da economia nacional e cerca 19 % da economia do Centro-Oeste.

Entre 2016 e 2017, o Sudeste e o Centro-Oeste perderam participação no PIB nacional. A perda de participação de São Paulo (-0,3%) puxou a queda da região. Já no Centro-Oeste, Mato Grosso e Distrito Federal perderam, cada um, 0,1 %. Minas Gerais teve ganho de 0,1 %., enquanto os demais estados mantiveram seus pesos.

Resultado por setores

A atividade agropecuária registrou em 2017 um crescimento acumulado de 45,2% em relação ao ano anterior, impulsionado pela produção agrícola, em especial de soja; pela recuperação da produção de milho e boa participação do algodão no cenário regional e nacional.

Já o resultado do desempenho do setor da indústria adveio da indústria de transformação, em particular da indústria de alimentos e da fabricação de álcool e biocombustíveis. A atividade de construção civil permaneceu com retração em volume no ano de 2017 pelo terceiro ano consecutivo.

Leia Também:  Produção industrial cai 0,3% de junho para julho

O setor de serviços, em 2017, foi alicerçado no desempenho do comércio, destaque para o comércio varejista; e dos serviços de transporte, inerentes à escoação da produção agropecuária.

Clique aqui para ter acesso à integra do relatório Contas Regionais: PIB de Mato Grosso em 2017.

(Com informações da Agência IBGE Notícias).

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Economia

Bolsa de valores de São Paulo bate recorde e fecha acima de 110 mil pontos

Publicado

source
painel da bolsa de valores arrow-options
Getty Images

Ibovespa fecha acima de 110 mil pontos pela primeira vez em sua história

Agência Brasil

Depois de quase um mês de turbulências e oscilações, a Bolsa de São Paulo encerrou acima de 110 mil pontos pela primeira vez na história.

O índice Ibovespa, da B3, fechou esta quarta-feira (4) aos 110.063 pontos , com alta de 1,02%. A última vez que o indicador tinha fechado em nível recorde tinha sido em 7 de novembro , quando atingiu 109.581 pontos.

Após denúncia de jornal, IBGE afirma que vai revisar dados do PIB

 Desde o leilão do excedente da cessão onerosa da Petrobras , no qual o governo não conseguiu vender dois campos, o Ibovespa passou a acumular quedas.

Em 19 de novembro , o índice fechou em 105.864 pontos. Na semana passada, o indicador voltou a subir , com alguns dias de pequenas quedas.

Produção industrial avança e cresce 0,8% em outubro, diz IBGE

Dólar

No mercado de câmbio, o dólar comercial fechou o dia vendido a R$ 4,202, com queda de R$ 0,004 (-0,09%) . Esse foi o terceiro dia seguido de queda da moeda norte-americana, que acumula baixas depois de fechar em R$ 4,241 na última sexta -feira (29).

Leia Também:  IBGE divulga coeficientes de desequilíbrio regional

Fonte: IG Economia
Continue lendo

Economia

iG lança plataforma para comparar planos de celular e internet no mercado

Publicado

source

O ambiente pode ser de recuperação econômica, mas o brasileiro sabe que é preciso estar sempre atento aos gastos e que cortar despesas sempre e onde puder é imperativo. Para tornar esse processo mais orgânico e simples, o iG lança uma plataforma que facilita a pesquisa e comparação de planos para celular, TV por assinatura, internet e combos, esse produto tão comum nos dias de hoje.

iG Compara Planos arrow-options
Reprodução

Interface do iG Compara Planos

O iG Compara Planos  ( www.ig.com.br/compara ) é resultado de uma parceria entre o portal e o site Melhor Plano e não há relação com qualquer operadora ou pacote, tampouco a venda do que quer que seja. O serviço consiste na comparação dos produtos com a finalidade de prover ao consumidor a opção de escolher o plano que melhor se ajusta ao seu perfil.

Leia também: Já está na hora de comprar um celular compatível com o 5G?

A ferramenta é bastante intuitiva e o leitor do iG pode criar seus próprios filtros. Por exemplo, é possível buscar o plano de celular com melhor pacote de internet por até R$ 60 por mês. Há filtros ainda para planos controle e pós-pago, com a capacidade de internet como principal critério e por aí vai. É possível, ainda, orientar a busca dentro dos planos de uma mesma operadora.

Leia Também:  Sigilo da Previdência só será quebrado após comissão especial, diz Marinho

O leitor pode comparar quanto uma empresa está cobrando por um plano de 12 gigas de internet em São Paulo e quanto é cobrado em Salvador, São Luís ou qualquer outra cidade brasileira.

Você no controle

A ideia que move o  iG Compara Planos é aumentar a capacidade de seu leitor de fazer um bom negócio e economizar em decisões imperiosas para sua rotina como o pacote de internet, de celular ou de TV a cabo.

A plataforma mostra os planos em ordem do menor preço. Em alguns casos é possível notar uma grande diferença de custo entre ofertas semelhantes. É possível observar elencados nos comparativos se há a oferta de aplicativos ilimitados e ligações interurbanas. Estes são elementos que podem encarecer a conta para além do plano contratado.

Leia também: 5 dicas para fazer uma decoração vintage na sua casa

Além do celular

A ferramenta também oportuniza a comparação de planos de internet de banda larga em qualquer região do País, bem como pacotes de TV por assinatura, telefonia fixa e combos que agregam todos esses produtos.

Leia Também:  Produção industrial cai 0,3% de junho para julho

Comece a usar o iG Compara Planos  para ter a palavra final nos pacotes e planos que fazem a diferença na sua vida.

Fonte: IG Economia
Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana