conecte-se conosco


Polícia Federal

PF prende traficantes no Distrito Federal

Publicado


.

Ponta Porã/MS – A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (12/5) a Operação Pteridófita, com o objetivo de desarticular organização criminosa atuante no tráfico internacional de drogas, com atuação no Distrito Federal. Estão sendo cumpridos mandados de busca e apreensão e mandados de prisão, em decorrência de investigação conduzida pela Delegacia de Polícia Federal em Ponta Porã/MS.

A investigação teve origem na prisão em flagrante de duas pessoas, efetuada em setembro de 2017, as quais transportavam cerca de 412 kg de maconha adquiridas no Paraguai e que estavam sendo levadas para o Distrito Federal.

Após a prisão dos responsáveis pelo transporte da droga, foram realizadas diligências que permitiram identificar uma organização criminosa sediada no Distrito Federal, a qual atuava de forma recorrente no tráfico internacional de entorpecentes. As cargas de maconha eram adquiridas nas cidades paraguaias de Capitán Bado e Pedro Juan Caballero, cidades gêmeas que fazem fronteira seca com Coronel Sapucaia/MS e Ponta Porã/MS, respectivamente.

Os suspeitos presos na data de hoje têm suas condutas vinculadas a atividades de traficância de entorpecentes, além de possuírem antecedentes criminais por diversos crimes, tais como associação para o tráfico, homicídio, roubo, porte ilegal de arma e moeda falsa. A área de atuação do grupo no Distrito Federal se concentrava nas cidades-satélite de Samambaia Norte e Recanto das Emas.

A deflagração contou com a participação de 10 policiais federais, sendo que recebeu o nome em razão de Samambaia, nome da cidade-satélite à qual a droga se destinava, ser uma planta do grupo das Pteridófitas.

 

Contato: (67) 3368-1105
E-mail: [email protected]

publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

Please Login to comment
avatar
  Subscribe  
Notify of

Polícia Federal

PF combate o tráfico de drogas em três estados

Publicado


.

Corumbá/MS – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (2/7) a Operação Paralelos 18/5, que investiga uma organização criminosa voltada ao transporte de cocaína, a partir da região de fronteira com a Bolívia, cujo destino eram municípios da Região Nordeste do país.

Participam da fase ostensiva da operação 48 policiais, que cumprem 9 mandados de prisão preventiva, além de 9 mandados de busca e apreensão, nas cidades de Ladário/MS, Ponta Porã/MS, Campo Grande/MS, Anápolis/GO, Taguatinga/DF, Parnamirim/RN e Natal/RN.

As investigações revelaram que os criminosos carregavam entorpecentes, mais especificamente cocaína, na área da fronteira e os transportavam de barco pelos rios Paraguai e Taquari até a cidade de Coxim/MS. A partir de lá, a droga seguia por rodovias até a Região Nordeste.

A operação resultou no sequestro de mais de R$ 2,9 milhões em bens móveis e imóveis e na suspensão das atividades de duas empresas. No decorrer das investigações, foram apreendidos aproximadamente 257 kg de cocaína. A investigação está inserida na diretriz de atuação da Polícia Federal priorizando a desarticulação financeira e desarticulação estrutural das organizações criminosas, permitindo a responsabilização penal de seus principais líderes e beneficiados financeiramente pelas atividades ilícitas.

O nome da operação faz referência às latitudes que separam a origem e o destino da droga, em um trajeto que ultrapassava 3,7 mil quilômetros.

A Polícia Federal reforça que a atual pandemia não afetou as investigações e ações da instituição nos crimes de sua atribuição.

 

Comunicação Social da Polícia Federal no Mato Grosso do Sul

Contato: (67) 3368-1105
E-mail: [email protected]

Continue lendo

Polícia Federal

Operação Cifrão apura desvios de recursos públicos de entidades que integram o sistema “S”, na Paraíba

Publicado


.

João Pessoa/PB – A Polícia Federal, em parceria com a Controladoria-Geral da União, Ministério Público Federal, deflagraram na manhã de hoje (2/7) a operação Cifrão, que apura a prática de crimes relacionados à aplicação e desvio de recursos das entidades que integram o Sistema “S” da Indústria no Estado da Paraíba.

A operação conta com a participação de 96 Policiais Federais e 9 Auditores da Controladoria-Geral da União e estão sendo cumpridos 22 mandados de busca e apreensão nas cidades de Campina Grande e João Pessoa.

 A investigação demonstra que, em apenas três contratos auditados pela CGU, foram desviados mais de R$ 2 milhões em benefício de empresas, de empresários e pessoas vinculadas ao Sistema “S”.

  Entrevista coletiva será concedida, às 11h, no auditório da Delegacia de Polícia Federal em Campina Grande.

 

Comunicação Social da Polícia Federal na Paraíba

Telefone: (83) 3565-8510

Continue lendo

Envie sua denúncia

Clique no botão abaixo e envie sua denuncia para nossa equipe de redação
Denuncie

Política MT

Policial

Mato Grosso

Esportes

Entretenimento

Mais Lidas da Semana